INOVAÇÃO

Empresas brasileiras aderem ao BYOD, mas pecam na definição da estratégia

Convergência Digital ... 24/01/2013 ... Convergência Digital

Estudo elaborado pela Associação Brasileira de ebusiness (ebusiness Brasil) - com 200 líderes de empresas brasileiras - mostra que 48% das corporações vão permitir que seus funcionários usem dispositivos móveis pessoais no ambiente corporativo nos próximos dois anos. Também mostra que, hoje, 39% das organizações já permitem o BYOD ( Bring your own Device) e, por tabela, já contabilizam os ganhos dessa convergência.

O levantamento apura que os benefícios apontados pelos profissionais são: a mobilidade - com 78% das respostas; a liberdade na decisão do usuário em escolher o dispositivo (44%) e a redução de custos com dispositivos (42%). Dado importante do estudo: 38% admitiram o aumento na produtividade dos funcionários.

Mas nem tudo são flores. A pesquisa apura que 69% ainda acreditam que o uso de dispositivos móveis pessoais traz risco à segurança dos dados corporativos. E nesse ponto, um ponto falho da estrutura de TI: muitas organizações admitem que suas equipes não estão preparadas para atender os requisitos de proteção e de adoção de políticas de segurança da Informação.

A análise da ebusiness Brasil relata ainda que que a decisão de adoção do BYOD sofre pouca influência das áreas jurídicas e de Recursos Humanos (RH). Apenas 30% disseram ter alinhado a iniciativa da prática com estas áreas. Importante também perceber que 49% afirmam que a área de TI não costuma gerenciar a nova tendência. Apenas 34% disseram focar o gerenciamento somente na informação de dados como e-mails, documentos e afins. A pesquisa foi realizada em novembro de 2012 e a maioria dos entrevistados trabalha em empresas de grande porte, com receita acima de R$ 300 milhões, do segmento industrial (57%).


Lares inteligentes: Teles entram na briga por um mercado estimado em US$ 3 bi em 2020

O gerente de Novos Negócios da Oi, Leonardo Gadelha, diz que startups são parceiras nesse novo segmento. "Internet das Coisas é a tecnologia da próxima decáda", sustenta.

SINIAV não sai do papel e Brasil perde chance de liderar megapiloto em Internet das Coisas

Implantação do programa - que prevê colocar chips em toda a frota de carros do Brasil, estimada em 50 milhões de chips ativos - não vai começar em 30 de junho, como determinado pelo governo federal.

Planejamento lança tradutor de conteúdos digitais para surdos

Versão foi elaborada em conjunto com a Universidade Federal da Paraíba.

Certificado digital é a porta para massificar o voto online

Meta da SCYTL é triplicar o uso de chaves especiais no Brasil e alcançar seis milhões de eleitores online.

Em 2020, mais de 1,6 zettabytes armazenados a partir da IoT

Volume imenso de dados determina uma reestruturação dos fornecedores de software e hardware.

Biometria está presente em mais da metade dos ATMs bancários no Brasil

Febraban diz que 60% dos ATM fazem uso de diferentes tipos de identificação biométrica do cliente, um montante 20% superior ao registrado em 2013.

Corporações dão vida à Internet das Coisas

Pesquisa mostra que 60% dos objetos conectados são usados nas empresas.



  • Copyright © 2005-2015 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G