Home - Convergência Digital
RSS Assine gratuitamente as nossas newsletters Quem faz o Convergência Digital Fale conosco Anuncie aqui
Cloud Computing CD TV Carreira Blog Capital Digital



Home - Internet

Marco Civil: Neutralidade de rede provoca crise com o Governo

:: Luís Osvaldo Grossmann
:: Convergência Digital :: 10/07/2012

O Marco Civil da Internet corre risco de ser postergado. Sob pressão das empresas de telecomunicações e da própria Anatel, o governo interveio e quer “flexibilizar” o conceito de neutralidade de rede, conforme disposto no substitutivo ao PL 2126/2011 e enfraquecer o papel do Comitê Gestor da Internet nesse tema.

O movimento mais incisivo se deu nesta terça-feira, 10/7, durante reunião da Casa Civil e da Secretaria de Relações Institucionais com o relator do projeto, deputado Alessandro Molon (PT-RJ). Como resultado direto dessa nova etapa no processo, a apresentação e votação da proposta, marcada para hoje, foi adiada para amanhã, quarta-feira, 11/7.

O deputado admite a reunião, mas evitou detalhar a conversa. Disse apenas que houve ponderações sobre o papel do CGI.br na forma como descrita no substitutivo. Pelo texto, “a discriminação ou degradação do tráfego respeitará as recomendações do Comitê Gestor da Internet no Brasil”.

“Estamos adiando a votação para terminar de consolidar o relatório, que recebeu 109 contribuições durante os três dias de consulta no e-democracia e mais de 14 mil visualizações. Estou trabalhando em um texto que preserve a atuação do CGI, mas que não dê margens a questionamentos judiciais”, explicou Molon.

O que o relator evita comentar, porém, é a pressão sobre o conceito de neutralidade de rede e, ainda mais significativa, a defesa de parte do governo de que qualquer papel nessa questão esteja sujeita à regulamentação da Agência Nacional de Telecomunicações.

Oficialmente, a alegação é que o CGI não tem poder normativo – e que não caberia ao Legislativo propor essa função, que seria exclusiva do Executivo, de onde surge o argumento de que, na forma como está, o projeto de lei teria vício de iniciativa. A ameaça é que manter a relevância do CGI provocaria questionamentos na Justiça.

Até aqui, a equipe do relator do substitutivo sustenta que, apesar da pressão, a Anatel continuará de fora do texto. Vale lembrar que a agência já propôs um conceito de neutralidade de rede, mas que é suficientemente vago para dar margem a diferentes interpretações.

Tal conceito faz parte da proposta de regulamento do Serviço de Comunicação Multimídia e, embora preveja a neutralidade, sustenta que ela “não impede a adoção de medidas de bloqueio ou gerenciamento de tráfego que se mostrarem indispensáveis à garantia de segurança e da estabilidade do serviço e das redes que lhe dão suporte”.

Assim, apesar do adiamento da votação, em princípio seria mantido o papel do Comitê Gestor da Internet, ainda que com uma redação que não dê margem aos tais questionamentos jurídicos. Nada impede, no entanto, que outro parlamentar peça vistas do texto, postergue novamente a votação e retorne com uma proposta diferente.

Para além da neutralidade, o relatório deverá sofrer modificações na redação do artigo 15 – que trata da retirada de conteúdos do ar. “Ao contrário do que entendemos, aparentemente a redação não deu a segurança pretendida nesse tema. Vamos ampliar a proteção ao usuário”, explica o relator.

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 


:: Leia também:

:: 01/10/2014 10:40
Governo planeja migração total para IPv6 até 2018

:: 30/09/2014 13:40
Brasil terá domínio Internet para empresas LTDA

:: 30/09/2014 11:45
Com IPv.6 à porta, Brasil amplia consumo de endereços IPv.4

:: 25/09/2014 12:01
Porto Alegre ganha acesso ao eduroam em locais públicos

:: 24/09/2014 17:58
Justiça de São Paulo manda Facebook abrir sigilo do WhatsApp

:: 19/09/2014 11:36
Web chega à marca de 1 bilhão de sites

:: 18/09/2014 11:56
Computador com Internet é luxo equivalente a ter carro no Brasil

:: 18/09/2014 11:36
Consulta da FCC sobre Internet tem 3,7 milhões de contribuições

:: 17/09/2014 12:05
Marco Civil: quem vai pagar a conta do acesso patrocinado?

:: 10/09/2014 10:42
Regulamentação: o desafio do Marco Civil




Outras matérias desta seção:

ANTERIOR
Marco Civil: Teles tentam evitar votação e querem mudar neutralidade de rede

PRÓXIMA
Comércio eletrônico: Prejuízo à parte, ICMS partilhado encerra bitributação



Abranet 2014 - Desafios e Oportunidades: Profissionais de Internet

IPv6: Quanto mais demorar, mais cara a migração vai ficar

Essa foi a avaliação feita pelo presidente da Associação Brasileira da Internet - Abranet, Eduardo Nejer, que defende que o assunto seja tratado como prioridade máxima nos próximos meses no Brasil.

CDTV Abranet apela ao associado para responder pesquisa TIC Provedores
CDTV Brasil quer fazer um cadastro nacional de provedores Internet
Clique aqui para ver a cobertura completa

Veja a segunda edição da revista digital Alianza Latinoamericana de Medios TIC Alianza Latinoamericana
de Medios TIC . nº 2


Nesta segunda edição, tratamos de um tema que está na lista de prioridade dos gestores de TI: o BIG DATA

A Revista Alianza é fruto de uma aliança editorial entre os veículos InversorLatam, portal Convergência Digital e Evaluamos, da Colômbia. Nosso compromisso é retratar os pontos mais importantes de Telecom e TI na América Latina.

Clique aqui para ver outras edições


Google indenizará Barrichello em R$ 200 mil por perfis no Orkut
:: 29/09/2014 :: Internet

O ex-corredor da F1 reclama da criação de “perfis difamatórios” no Orkut e queria R$ 850 mil. Mas ao informar sobre a multa, o STJ também atendeu em parte a empresa da Internet, ao concordar que não é possível impedir a criação de outros perfis, o que configuraria censura prévia.


Marina Silva diz que Internet é essencial
:: 22/09/2014 :: Internet

Sabatinada pela campanha Banda Larga é Um Direito Seu, a candidata do PSB à presidência, Marina Silva, evitou compromissos com a oferta em regime público. Sem detalhar, prometeu acesso universal, “parceria com a iniciativa privada” e investimentos diretos.


Computador com Internet é luxo equivalente a ter carro no Brasil
:: 18/09/2014 :: Internet

Segundo a Pesquisa Nacional por Amostragem de Domicílios, do IBGE, 50,1% dos brasileiros acessaram a rede mundial em 2013. Mas o número de lares com computador e acesso representa 43,1% do total, um pouco inferior à proporção daqueles que têm automóvel próprio, 43,6%. Os telefones já são quase tão populares quanto as televisões e estão em 92,7% dos domicílios.


STF derruba cobrança do ICMS nas compras online por Estados não produtores
:: 17/09/2014 :: Internet

Em decisão unânime, o Supremo Tribunal Federal declara a inconstitucionalidade do Protocolo ICMS 21 do Confaz, que permitia que 19 Estados e o Distrito Federal cobrassem no destino o ICMS de produtos comprados pela Internet, que já tinham recolhido o imposto no Estado de origem da mercadoria. O consumidor deverá se beneficiar com a medida.



InovaApps: Conheça a lista dos aplicativos habilitados

Áreas com maior número de inscrições no concurso público foram saúde, educação, segurança e turismo.

» App para monitorar consumo de energia chega ao Brasil
» Claro, Vivo e TIM acirram a briga no 3G e 4G
» App agiliza serviço de entregas com motoboys


Saiba como a Internet das Coisas vai impactar a sua vida
:: Por Eduardo Prado *

Cobertura em vídeo do Convergência Digital

Veja as coberturas especiais do Convergência Digital

 ESPECIAL   GOVERNANÇA DA INTERNET
NetMundial preserva transição da ICANN e faz leve menção à neutralidade

Além de manter o prazo previsto para que as funções IANA sejam desvinculadas do governo dos EUA, a declaração final do evento global sobre a governança da Internet, realizado em São Paulo, também reforçou as críticas à vigilância. Mas cedeu à indústria do copyright.

» Poder econômico contra-ataca e tenta ficar com o controle da Internet
» Comitê Gestor lança escola sobre governança da Internet
» Painel da ICANN sustenta NetMundial e "globalização" até setembro de 2015
Clique aqui para ver o especial completo


TICs em Foco - Internet das coisas
Oportunidades e desafios

Mais popular que nunca, a internet das coisas — ou IoT, na sigla para Internet of Things, ou ainda IoE de Internet of Everything — representa tanto uma janela de oportunidade para as empresas quanto imprime desafios monstruosos devido à imensa quantidade de máquinas conectadas à internet.





Convergência Digital no Facebook Convergência Digital no Twitter RSS do Convergência Digital Newsletters do Convergência Digital
Copyright © 2014 Convergência Digital
Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.
Este Sítio Web é acessível via IPv6!