Home - Convergência Digital
RSS Assine gratuitamente as nossas newsletters Quem faz o Convergência Digital Fale conosco Anuncie aqui
Cloud Computing CD TV Carreira Blog Capital Digital



Home - Gestão

Dataprev mantém demissões e gera crise com sindicatos

:: Luiz Queiroz
:: Convergência Digital :: 17/04/2012

O presidente da Dataprev, Rodrigo Assumpção, afirmou na audiência realizada nesta terça-feira,17/4, no Ministério Público do Trabalho (MPT), que não vai suspender os efeitos das 42 demissões imotivadas que pegaram de surpresa os trabalhadores da empresa, em todo o Brasil.

A Fenadados e os sindicalistas presentes decidiram criar uma comissão de trabalhadores da empresa e foram até à Secretaria-Adjunta do Ministério da Previdência, para protocolar um documento no qual fazem críticas ao processo e contra a decisão da direção da Dataprev.

Durante a audiência os sindicalistas manifestaram revolta contra a postura adotada pela diretoria da empresa.  "A forma como a Dataprev vem conduzindo todo esse processo é um total desrespeito ao trabalhador", afirma o diretor de Relações Sindicais do SINDPD-DF, Eudes Rodrigues da Silva, que juntamente com o diretor Paulo Roberto Ramos, acompanhou a audiência.

A Fenadados demonstrou que ao longo dos últimos cinco anos a Dataprev vem promovendo uma série de demissões imotivadas e, que agora, parece que o processo vai se acentuar. A empresa negou que esteja promovendo demissões em massa e ferindo o Acordo Coletivo do Trabalho (ACT).  A Fenadados insiste que as demissões são em massa e, muitas vezes, motivadas por perseguições políticas e pessoais. A empresa afirma que as demissões foram motivadas pela reestruturação e os planos de ação desenvolvidos desde 2009.

A procuradora do Trabalho, Dinamar Cely Hoffmann, solicitou mais documentos à empresa e vai aguardar a manifestação da Fenadados.  Em conversa informal com os sindicalistas, a procuradora afirmou que o caso é muito difícil. Hofmann solicitou que a federação faça sua manifestação com informações que demonstrem o desrespeito da empresa ao Acordo Coletivo de Trabalho. Também orientou aos sindicatos que promovam ações judiciais em defesa dos trabalhadores.  

Segundo o presidente da Fenadados, Carlos Albereto Valadares - Gandola, todos os sindicatos foram orientados a não homologarem novas demissões que estejam ocorrendo na Dataprev, assim como já vinha sendo feito no caso dos 42 que já foram demitidos. "Até que se resolva o impasse a direção da Dataprev terá de homologar qualquer demissão diretamente nas Delegacias Regionais do Trabalho", informou Gandola.

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 


:: Leia também:

:: 25/11/2014 15:33
Netflix expande pontos de presença para reduzir latência no Brasil

:: 25/11/2014 13:03
Críticas levam CGI.br a se defender do apoio à NetMundial Initiative

:: 25/11/2014 09:00
Códigos-fonte e Internet das Coisas estão no top 3 dos hackers em 2015

:: 24/11/2014 14:33
Governo da Alemanha alerta contra backdoor no Windows 8

:: 24/11/2014 13:51
Streaming desafia Globo.com para as Olimpíadas 2016

:: 24/11/2014 12:05
Para UIT, Brasil ainda tem tarifa celular mais cara do mundo

:: 21/11/2014 09:51
Crimes virtuais entram na agenda oficial do Governo Dilma

:: 21/11/2014 09:50
Teles prometem que Lei das Antenas vai “melhorar muito a qualidade do celular”

:: 21/11/2014 09:40
Para teles, regra da Anatel minimiza impacto da neutralidade de rede

:: 19/11/2014 17:22
Banda larga: Novo prazo para o REPNBL estimulará investimentos de mais R$ 15 bilhões




Outras matérias desta seção:

ANTERIOR
TIM amplia interatividade no serviço de call center

PRÓXIMA
Governo institui Infraestutura Nacional de Dados Abertos



Soluções de TI Simples
Profissional descuidado põe em risco o BYOD

2015 é classificado como um ano 'perigoso' para os gestores da Segurança da Informação.

» Fim de ano aumenta o risco de fraudes no Brasil
» Brasil tem escola para o cibercrime
» Wi-Fi público: Você está consciente dos riscos?


Veja edição 11 da Revista Abranet - Assossiação Brasileira de Internet REVISTA ABRANET . 11

Na discussão sobre o que vai prevalecer — fibra óptica ou rádio — na construção das infraestruturas, vence quem souber explorar o que cada tecnologia tem de melhor a oferecer.

Veja também: Cidades Digitais: Governo convoca provedores; A transição da IANA foi destaque no ICANN#51; Billing das coisas: quando cobrar certo será o diferencial; e muito mais.

Clique aqui para ver outras edições

Comércio eletrônico: medo de fraude freia compras entre países
:: 17/11/2014 :: Gestão

Pesquisa mostra que a maior barreira ao comércio transfronteiras é o custo elevado do transporte (68%). O segundo maior entrave se refere às taxas adicionais, no momento do despacho, como impostos (58%). A demora da entrega do produto aparece como a terceira maior barreira para completar uma compra online (42%).


A TI tradicional de 'acender as luzes' está morta nas empresas
:: 14/11/2014 :: Gestão

A velha maneira de fazer as funções na área de Tecnologia da Informação não funciona mais e é preciso uma reforma radical nas corporações.


Portal gratuito faz raio x de receitas e despesas dos municípios
:: 17/10/2014 :: Gestão

O site www.meumunicipio.org.br reúne informações como receita, despesa, nível de investimento e endividamento, entre outros, para consulta aberta e interativa voltada especialmente para gestores públicos e para o cidadão.


Governo abre consulta pública para o eSocial para PMEs
:: 07/10/2014 :: Gestão

Entre os dias 6 de outubro e 4 de novembro, será possível contribuir com a consulta pública para a criação de um módulo específico do eSocial destinado às Micro e Pequenas Empresas.


Cobertura em vídeo do Convergência Digital


Greve tem adesão e para Cobra Tecnologia

Paralisação é por tempo indeterminado. Funcionários lançaram uma carta aberta.

» Analista de sistemas é o cargo mais procurado em TI
» 2015 está aí: quer mudar de emprego?

VII Fórum Executivo de TI 2014 - Cobertura especial do Convergência Digital
Petrobras avança no uso do big data

O gerente-executivo de TI e Telecom, Álvaro Martins, diz que há três projetos em andamento na companhia para a análise de dados em tempo real. Também adverte: "Não dá mais para tratar TIC como antes. Não dá para entregar aplicação rápida, se não garantir o mínimo de gestão".

» Distribuidora Ducsa usa o big data para conhecer melhor o cliente
» Simplificar é segredo do sucesso na área de Inovação em TI
» Cloud computing superou a fase dos projetos pilotos
» Grupo Ação cria unidade para treinar profissionais
» Orçamento de TI deve crescer 5% em 2015 no Brasil

Clique aqui e veja a cobertura completa






Convergência Digital no Facebook Convergência Digital no Twitter RSS do Convergência Digital Newsletters do Convergência Digital
Copyright © 2014 Convergência Digital
Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.
Este Sítio Web é acessível via IPv6!