Home - Convergência Digital
RSS Assine gratuitamente as nossas newsletters Quem faz o Convergência Digital Fale conosco Anuncie aqui
Cloud Computing CD TV Carreira Blog Capital Digital



Home - Gestão

Dataprev mantém demissões e gera crise com sindicatos

:: Luiz Queiroz
:: Convergência Digital :: 17/04/2012

O presidente da Dataprev, Rodrigo Assumpção, afirmou na audiência realizada nesta terça-feira,17/4, no Ministério Público do Trabalho (MPT), que não vai suspender os efeitos das 42 demissões imotivadas que pegaram de surpresa os trabalhadores da empresa, em todo o Brasil.

A Fenadados e os sindicalistas presentes decidiram criar uma comissão de trabalhadores da empresa e foram até à Secretaria-Adjunta do Ministério da Previdência, para protocolar um documento no qual fazem críticas ao processo e contra a decisão da direção da Dataprev.

Durante a audiência os sindicalistas manifestaram revolta contra a postura adotada pela diretoria da empresa.  "A forma como a Dataprev vem conduzindo todo esse processo é um total desrespeito ao trabalhador", afirma o diretor de Relações Sindicais do SINDPD-DF, Eudes Rodrigues da Silva, que juntamente com o diretor Paulo Roberto Ramos, acompanhou a audiência.

A Fenadados demonstrou que ao longo dos últimos cinco anos a Dataprev vem promovendo uma série de demissões imotivadas e, que agora, parece que o processo vai se acentuar. A empresa negou que esteja promovendo demissões em massa e ferindo o Acordo Coletivo do Trabalho (ACT).  A Fenadados insiste que as demissões são em massa e, muitas vezes, motivadas por perseguições políticas e pessoais. A empresa afirma que as demissões foram motivadas pela reestruturação e os planos de ação desenvolvidos desde 2009.

A procuradora do Trabalho, Dinamar Cely Hoffmann, solicitou mais documentos à empresa e vai aguardar a manifestação da Fenadados.  Em conversa informal com os sindicalistas, a procuradora afirmou que o caso é muito difícil. Hofmann solicitou que a federação faça sua manifestação com informações que demonstrem o desrespeito da empresa ao Acordo Coletivo de Trabalho. Também orientou aos sindicatos que promovam ações judiciais em defesa dos trabalhadores.  

Segundo o presidente da Fenadados, Carlos Albereto Valadares - Gandola, todos os sindicatos foram orientados a não homologarem novas demissões que estejam ocorrendo na Dataprev, assim como já vinha sendo feito no caso dos 42 que já foram demitidos. "Até que se resolva o impasse a direção da Dataprev terá de homologar qualquer demissão diretamente nas Delegacias Regionais do Trabalho", informou Gandola.

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 


:: Leia também:

:: 17/04/2015 20:45
Ministério da Cultura denuncia censura do Facebook e reclama soberania brasileira

:: 17/04/2015 16:00
Rio Info 2015: Desoneração da folha é política estruturante do TI Maior

:: 17/04/2015 13:00
TCU manda Correios anular pregão de rede IP que passou de R$ 783 milhões

:: 15/04/2015 13:00
Google é indiciado e pode ser multado em até US$ 6,6 bi

:: 15/04/2015 09:55
Para enfrentar os chineses, Nokia compra Alcatel-Lucent por US$ 15,6 bilhões

:: 14/04/2015 15:11
Neutralidade: Teles e TVs pagas se aliam e vão à Justiça contra a FCC

:: 14/04/2015 15:04
Apenas 4% dos correntistas brasileiros fazem operações financeiras no banco móvel

:: 14/04/2015 11:04
Com preços mais baixos, venda de PCs cresce e impulsiona mercado de Informática

:: 14/04/2015 10:30
OTTs impõem guinada estratégica à TV paga na América Latina

:: 13/04/2015 13:45
Terceirização: Para TST, até sanção pela presidência, súmula 331 é a Lei




Outras matérias desta seção:

ANTERIOR
TIM amplia interatividade no serviço de call center

PRÓXIMA
Governo institui Infraestutura Nacional de Dados Abertos




Inventário de ativos de TI vira serviço na Compusoftware

O gerenciamento de ativos de hardware e software é uma ação que vai além de minimizar o uso de ferramentas ilegais. Ele permite a elaboração de uma política de controle e reduz gastos em tempos de crise, afirma Adriano Vieira, COO da companhia.


Fábrica de software da Globalweb Corp é certificada no MPS-SW da Softex

São atendidas por meio da fábrica de software, clientes como Caixa Econômica Federal e a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI). Grau alcançado foi o C, exigido para atender aos editais de governo e similar ao modelo norte-americano CMMI (Capability Maturity Model Integration).


eSocial: PMEs 'relaxam' com os adiamentos seguidos do Governo

Expectativa do mercado, agora, é que entre o final de janeiro e fevereiro, o governo libere, enfim, a versão final do manual com as instruções e os layouts para que as empresas se adaptem. Início das operações oficiais do eSocial ficaria para 2016.


Migração para Linux nos servidores está entre as prioridades para 2015

Estudo com 115 empresas em todo mundo apontou que a maioria planeja usar o sistema operacional aberto para novos aplicativos ou serviços, ou implantações Greenfield.


Cobertura em vídeo do Convergência Digital


Com queda de 12,2%, eletroeletrônicos derrubam empregos

Diminuição do ritmo industrial no setor foi bastante sentido nos dois primeiros meses do ano.

» Big data: uma carreira próspera em tempos de crise
» Foi demitido? Tente não se desesperar

VII Fórum Executivo de TI 2014 - Cobertura especial do Convergência Digital
Petrobras avança no uso do big data

O gerente-executivo de TI e Telecom, Álvaro Martins, diz que há três projetos em andamento na companhia para a análise de dados em tempo real. Também adverte: "Não dá mais para tratar TIC como antes. Não dá para entregar aplicação rápida, se não garantir o mínimo de gestão".

» Distribuidora Ducsa usa o big data para conhecer melhor o cliente
» Simplificar é segredo do sucesso na área de Inovação em TI
» Cloud computing superou a fase dos projetos pilotos
» Grupo Ação cria unidade para treinar profissionais
» Orçamento de TI deve crescer 5% em 2015 no Brasil

Clique aqui e veja a cobertura completa


Veja a segunda edição da revista digital Alianza Latinoamericana de Medios TIC Alianza Latinoamericana
de Medios TIC . nº 2


Nesta segunda edição, tratamos de um tema que está na lista de prioridade dos gestores de TI: o BIG DATA

A Revista Alianza é fruto de uma aliança editorial entre os veículos InversorLatam, portal Convergência Digital e Evaluamos, da Colômbia. Nosso compromisso é retratar os pontos mais importantes de Telecom e TI na América Latina.

Clique aqui para ver outras edições





Convergência Digital no Facebook Convergência Digital no Twitter RSS do Convergência Digital Newsletters do Convergência Digital
Copyright © 2005-2015 Convergência Digital
Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.
Este Sítio Web é acessível via IPv6!