INTERNET

Planejamento cede à Telebras uso de fibras da Infovia Brasília

Luís Osvaldo Grossmann ... 04/04/2012 ... Convergência Digital

Telebras e Ministério do Planejamento firmaram um acordo de cooperação que prevê a cessão de uso de fibras ópticas que fazem parte da Infovia Brasília – rede administrada pelo Serpro que conecta boa parte dos órgãos públicos na capital.

Em contrapartida, o acerto com a Secretaria de Logística e TI do Ministério do Planejamento prevê o uso do datacenter da Telebras para hospedagem de alguns portais da administração: o Portal do Software Público, assim como os das comunidades de municípios e de padronização desses programas; e o Portal do Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação (SISP).

Além disso, a Telebras será responsável pela expansão da Infovia – hoje concentrada no Plano Piloto (área central e asas) de Brasília – para outros pontos do Distrito Federal. Por enquanto, nenhuma parte do acordo envolve repasse de recursos.

“Estamos cedendo capacidade disponível da Infovia e a Telebras vai hospedar sistemas que já compreendem milhares de usuários, além de expandir a rede, algo que a Telebras já está fazendo”, explica o secretário de Logística e TI, Delfino Natal de Souza.

Os pares cedidos à estatal são de fibras apagadas, nas quais a própria Telebras está instalando os equipamentos de transmissão. Na prática, a empresa entra no “consórcio” informal de uso dessas fibras, do qual também fazem parte o próprio Serpro e a Rede Nacional de Pesquisa (RNP).

A Infovia Brasília já é utilizada por diferentes órgãos públicos da administração federal para a substituição de contratos de telefonia, por exemplo, por uma operação com base em VoIP. O acerto com a Telebras, no entanto, ainda não envolve a prestação de serviços, apenas infraestrutura.


Senador defende aprovação da regulamentação do Uber no Brasil

Para o senador e autor do projeto, Ricardo Ferraço, do PMDB/ES, apesar das angústias dos taxistas, será impossível o Senado impedir a oferta do serviço no Brasil, já que é um fenômeno que ocorre no mundo.

WhatsApp é o serviço que mais cresce na preferência do internauta

O Snapchat também tem forte adesão, revela estudo da Pew Research. Já o consumo das demais redes sociais  - Facebook, Instagram, LinkedIn, Pinterest e Twitter - estagnou.

Avança no Senado PEC que inclui direito à Internet na Constituição

Proposta de emenda à Constituição foi aprovada na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania. O texto ainda terá de ser votado em dois turnos pelo Plenário do Senado antes de seguir para a Câmara dos Deputados.

Governança da Internet: EUA adiam o fim do contrato com a ICANN

Extensão do prazo já era esperada uma vez que ainda não foi aprovado o plano de transição para a ‘globalização’ das funções de atribuição de nomes e números da internet. Mas NTIA ressalta que a data pode ser esticada por mais três anos.

Revista Abranet 13 . Junho 2015
Veja edição 13 da Revista Abranet - Assossiação Brasileira de Internet Pesquisa inédita encomendada pela Abranet ao IBPT mostrou a relevância do segmento de Internet, cujas empresas faturaram R$ 144,7 bilhões em 2014. No período de 2012 a 2014, foram gerados 51.180 novos postos de trabalho, um incremento de 17,5%.
Clique aqui para ver outras edições