Home - Convergência Digital
RSS Assine gratuitamente as nossas newsletters Quem faz o Convergência Digital Fale conosco Anuncie aqui
Cloud Computing CD TV Carreira Blog Capital Digital



Home - Negócios

Guerra do ICMS: Estados não cedem e governo adia votação

:: Convergência Digital
:: Convergência Digital :: 04/04/2012

O projeto que unifica o ICMS interestadual foi retirado da pauta da Comissão de Constituição e Justiça do Senado. Ele seria votado nesta quinta-feira, 04/04, mas não houve acordo na reunião realizada entre governo e Estados. A Fazenda propõe uma alíquota de 4% nacional para encerrar a guerra fiscal, mas os Estados resistem, como é o caso do Rio de Janeiro, que se mostrou 100% favorável ao embate, conforme matéria publicada no Convergência Digital (http://convergenciadigital.uol.com.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=29891&sid=5).

A decisão de retirar o projeto da pauta da Comissão do Senado foi tomada pela ministra de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, e pelo presidente da CCJ, senador Eduardo Braga (PMDB-AM). Eles disseram que não foi possível chegar a um consenso em torno do assunto, depois de mais de duas horas de reunião, realizada na noite desta terça-feira, 03/04.

Atualmente, nas transações interestaduais o ICMS recolhido é dividido entre o estado de origem da mercadoria e o de destino. A regra também atinge os produtos importados. Nesse caso, o estado de origem é aquele por onde o bem entrou.Em função disso, alguns estados passaram a diminuir a alíquota do ICMS para produtos importados com o objetivo de atrair empresas que se beneficiam dessa medida. Os estados de Goiás, do Espírito Santo e de Santa Catarina estão entre os que reduziram a alíquota para produtos importados. A unificação do ICMS interestadual eliminaria esse dispositivo, mas provocaria perdas para os estados de origem.
 

 

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 


:: Leia também:

:: 17/09/2014 20:30
STF derruba cobrança do ICMS nas compras online por Estados não produtores

:: 06/08/2014 18:33
Guerra fiscal: Amazonas e São Paulo selam paz parcial

:: 05/08/2014 12:33
Celulares ficam fora de acordo entre governos de São Paulo e Amazonas

:: 03/04/2014 11:45
Mudança no ICMS do comércio eletrônico vai ao Plenário da Câmara

:: 24/03/2014 10:03
Guerra fiscal: Estados sinalizam acordo para divisão de ICMS nas vendas online

:: 20/02/2014 11:45
São Paulo x Amazonas: STF mantém incentivos de ICMS na Zona Franca

:: 19/02/2014 09:44
Comércio eletrônico: STF derruba liminar e acirra briga pelo ICMS

:: 08/01/2014 10:11
Guerra do ICMS: Oi pode reaver depósito de R$ 500 mi em Minas

:: 29/11/2013 14:00
Oi e Governo de Minas disputam R$ 500 milhões no STJ

:: 22/11/2013 14:25
Comércio eletrônico: São Paulo não convence e relator mantém repartição do ICMS




Outras matérias desta seção:

ANTERIOR
IBM e Grupo EBX fecham acordo de US$ 1 bi para outsourcing de TI

PRÓXIMA
Oracle x Google: Java leva titãs aos tribunais



Soluções de TI Simples
Brasil tem escola para o cibercrime

Mercado nacional apresenta 9% dos sistemas infectados por malware bancário no mundo.

» Wi-Fi público: Você está consciente dos riscos?
» Brasil segue sem política de segurança para BYOD
» Corporações são mais afetadas por vulnerabilidades de CMS


OLX e bomnegócio.com se unem no Brasil e enfrentam Mercado Livre
:: 14/11/2014 :: Negócios

Sites de classificados têm investido fortemente em marketing na TV no Brasil. União acirra a briga com o Mercado Livre. Transação terá de ser aprovada pelos órgãos reguladores da Europa. Valores não foram mencionados nesta joint-venture. No Brasil, os negócios serão unificados.


Facebook quer ser a 'cara' das PMEs e das startups no Brasil
:: 12/11/2014 :: Negócios

Empresa anuncia o Facebook Empreendedores, iniciativa que conta com parceria com o SEBRAE. Um dos programas, o Face Start, é piloto para o mundo. Rede social recupera o mote dos telecentros e abre uma unidade em Heliópolis, comunidade de São Paulo.


Vouclicar.com: PMEs atraem investidores para o Brasil
:: 10/11/2014 :: Negócios

Portal de ecommerce voltado para as pequenas e médias emrpesas, da Globalweb Corp., participou do Web Summit 2014, em Dublin, que reuniu mais de 800 investidores. "Internet das Coisas e aplicativos atraem aportes para o país", frisam os diretores Ronaldo Oliveira e Leonardo Zysman.


Atos quer ficar entre as 10 maiores prestadoras de TI do Brasil
:: 04/11/2014 :: Negócios

Consolidação com a Bull já começou na região e a decisão foi manter as duas marcas ativas. Computação em nuvem e serviços gerenciados são os carros-chefes da empresa.


Cobertura em vídeo do Convergência Digital


FBI não gostou do iPhone 6: ele dificulta os serviços de espionagem
:: Por Wilians Geminiano*

RioInfo 2014 - Cobertura especial do Convergência Digital

Mesmo sem política para TICs, Rio de Janeiro soma 75 mil pessoas vinculadas à TI

Pesquisa que está sendo elaborada pelo TIRio, em parceria com a Softex, mostra que o Rio de Janeiro tem 13 mil empresas de TI ativas e cerca de 25% delas são empreendedoras.  O Rio Info 2014 tem como expectativa gerar R$ 15 milhões em negocios nos próximos 12 meses.

» Varejo engatinha na TI e despreza hábitos do consumidor
» Internet das Coisas chega ao mundo dos vinhos
» Big Data vira estratégia de governo na cidade do Rio de Janeiro
» Brasil está andando muito devagar na adoção do big data

Clique aqui e veja a cobertura completa


Veja a segunda edição da revista digital Alianza Latinoamericana de Medios TIC Alianza Latinoamericana
de Medios TIC . nº 2


Nesta segunda edição, tratamos de um tema que está na lista de prioridade dos gestores de TI: o BIG DATA

A Revista Alianza é fruto de uma aliança editorial entre os veículos InversorLatam, portal Convergência Digital e Evaluamos, da Colômbia. Nosso compromisso é retratar os pontos mais importantes de Telecom e TI na América Latina.

Clique aqui para ver outras edições




Convergência Digital no Facebook Convergência Digital no Twitter RSS do Convergência Digital Newsletters do Convergência Digital
Copyright © 2014 Convergência Digital
Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.
Este Sítio Web é acessível via IPv6!