GOVERNO » Política Industrial

Brasscom: Formalização em TI renderá até R$ 600 milhões ainda em 2012

Ana Paula Lobo ... 03/04/2012 ... Convergência Digital
A área de software e TI foi mais uma vez contemplada nas medidas em prol da indústria nacional, anunciadas pelo governo Dilma, nesta terça-feira, 03/04. Para Edmundo Oliveira, diretor de Relações Institucionais da Brasscom, em entrevista ao Convergência Digital, as empresas brasileiras estão 'contaminadas pelos esqueletos trabalhistas' e a redução da alíquota da desoneração da folha de pagamento - de 2,5% para2%, em troca da contribuição do INSS - permitirá uma formalização ainda mais rápida do setor. Expectativa é que 60% das empresas do setor busquem esse caminho ainda em 2012.

"Hoje é muito complexo saber o valor de uma empresa de TI no Brasil porque há legados trabalhistas. Boa parte das empresas paga 25% na CLT e 75% no modelo flex, segundo se apura no mercado. Agora, com a legalização, todo mundo vai pagar seu imposto. Ganha-se transparência e ética", afirma.

Ainda de acordo com o executivo, os números do ministério da Fazenda e da Brasscom são muito próximos com o custo da desoneração - R$ 1.171 bilhão, mas o retorno, diz Oliveira, deve vir muito mais rápido que o esperado. A conta da formalização é simples. Segundo o diretor da Brasscom, caso 60% das empresas de TI formalizem suas atividades, haverá um acréscimo de arrecadação para os cofres públicos entre R$ 500 milhões e R$ 600 milhões. "Isso é dinheiro que o governo não veria se não fizesse a desoneração", afirma.

Indagado sobre a divisão entre entidades do setor - o Sindicato das empresas de informática de São Paulo - recorreu à justiça contra o pagamento da alíquota sobre o faturamento, em troca da contribuição do INSS, Oliveira diz que a posição da entidade foi isolada e foi derrotada na reunião realizada no Ministério da Fazenda. "A proposta do uso da CPMF, como pretendia o Sindicato de São Paulo, foi derrotada. Não há qualquer contestação. A desoneração é um ganho para o setor de TI como um todo", destaca. A desoneração não atinge três áreas de software: distribuidora, revendedor de sofwtare e licenciador.

Hoje, o setor de TI representa cerca de 4% do Produto Interno Bruto nacional e, apesar de não querer colocar a desoneração da folha de pagamento como única medida para ampliar esse percentual - diz que é preciso levar em conta outras ações como o próprio crescimento da demanda do setor - ainda assim Oliveira diz que a Brasscom trabalha que, em 10 anos, TI poderá chegar a 6% do PIB nacional, alcançando assim a média de países mais desenvolvidos.

Terceirização: Para TST, até sanção pela presidência, súmula 331 é a Lei

O presidente do Tribunal Superior do Trabalho, Antonio José de Barros Levenhagen, sustentou que sem a sanção do projeto, a terceirização para as atividades-fim das empresas seguirá proibida no Brasil. Senado diz que tema não será 'atropelado' na Casa.

Terceirização: Para advogado, "pejotização é uma fraude trabalhista e fiscal"

Advogados especializados na área de TI e Telecom admitem que o PL 4330/04, muda a rotina de trabalho no Brasil. Incisivo contra a lei, o advogado Walter Capanema diz que medida abrirá mais espaço para violações aos direitos do trabalhador.

E-mail ‘seguro’ do governo chega a 50 mil contas e 200 TB de mensagens

Turbinado para figurar como uma das respostas do Brasil às denúncias de Snowden, o e-mail seguro tem como meta chegar a 1 milhão de contas ativas nos próximos dois anos. Mas migração é complexa e envolve a substituição de correios eletrônicos como o Outlook, da Microsoft, e o Lotus Notes, da IBM.

BB Tecnologia vai contratar até 590 terceirizados por cinco anos

Para o Sindpd-RJ, a Cobra Tecnologia, subsidiária do Banco do Brasil que agora se chama BB Tecnologia, está descumprindo termo de compromisso assinado com o MPF, de substituir todos os terceirizados até setembro deste ano.

Governo quer 100 milhões de novos acessos banda larga até 2018

Ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini, estabeleceu também como meta para os próximos três anos ampliar a velocidade média atual de conexão na banda larga fixa de - 5Mbps - para 25 Mbps.



  • Copyright © 2005-2015 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G