INCLUSÃO DIGITAL

Diretor de Infraestrutura, Heliomar Lima vai deixar o Minicom

Da Redação* ... 02/04/2012 ... Convergência Digital

O Diretor de Infraestrutura para Inclusão Digital do Ministério das Comunicações, Heliomar Medeiros de Lima, vai desembarcar do governo. Funcionário de carreira do Banco do Brasil, ele se aposenta este mês.

O próprio Lima indicou sua saída, ao comentar, no Facebook, o programa de cidades digitais, lançado pelo Minicom na semana passada. “Umas das minhas participações derradeiras no Ministério das Comunicações”, escreveu.

Hoje diretor de infraestrutura, Lima chegou ao Minicom em 2005, durante a gestão do ministro Hélio Costa. Antes, foi responsável pelas soluções de TICs no Banco do Brasil e diretor de TI da Cobra Tecnologia.

Quando da ida de Lima para o Minicom, a pasta já estudava a implantação de uma Secretaria de Inclusão Digital, o que só veio a acontecer de fato no ano passado, já com Paulo Bernardo como ministro.

Como era então diretor de Serviços de Inclusão Digital, especulou-se que Lima poderia ser indicado para a nova secretaria, mas Bernardo preferiu chamar a companheira de partido no Paraná, Lygia Pupatto, que acabara de perder a eleição para deputada estadual.

Apesar da aposentadoria, Lima deve participar da comissão que vai selecionar os municípios do projeto-piloto de cidades digitais, que começa em 80 cidades de até 50 mil habitantes.


Carreira
TIM pode demitir mais de 1000 empregados no Brasil

Operadora, por meio de comunicado, não confirma números, mas assume que está conduzindo um plano de eficiência desde o segundo semestre de 2015.

Resiliência e Segurança
Se a TI parar quanto essa falha vai custar para o seu negócio?

Estudo adverte aos gestores de TI: se a resiliência não for integrada na adoção inicial de cloud, as organizações estarão aceitando riscos, quer realizem isso ou não.

Sobras de espectro exigirão investimentos de até R$ 10 mi

“Mais importante que o preço da faixa é o modelo de negócios. O custo maior é nos equipamentos e estimamos que ele será no mínimo de R$ 1 milhão”, aponta o presidente da consultoria Teleco, Eduardo Tude. Valores podem cair pela metade com rateio de elementos de rede. 

Migração de AM para FM varia de R$ 8 mil a R$ 4 milhões

Depois de três anos de espera, valores foram definidos pelo governo e oficializados em forma de Portaria do Ministério das Comunicações.

Fórum SBTVD: ‘Dezenas de milhões’ de TVs não estão prontas para o sinal digital

Segundo entidade, mercado tem conversores certificados e disponíveis em modelos que variam entre R$ 120 e R$ 150. Com eles, mesmo os televisores de tubo podem transmitir a programação digitalizada.

Oito entidades disputam R$ 8 milhões do Minicom para Usinas Digitais

Serão financiados dois projetos de centros de produção, com R$ 4 milhões cada um. Propostas de sete estados foram habilitadas e vão à próxima fase.

Minicom: Banda larga é prioridade do governo e precisa de recursos

“Vou estar no papel de buscar mais recursos e os ministros da área econômica no papel deles. É uma prioridade, Dilma está solícita”, afirmou o novo ministro das Comunicações, André Figueiredo.



  • Copyright © 2005-2016 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G