Home - Convergência Digital

450MHz: Nos testes da Anatel, conexões Web chegam a 800 kbps

Convergência Digital - Carreira
:: Luís Osvaldo Grossmann - 30/03/2012

A Anatel está animada com os testes de conexões de Internet na faixa de 450 MHz. As velocidades estão superando as estimativas iniciais e chegam a 800 kbps – acima, portanto, das obrigações até aqui previstas no edital, ainda que o desempenho possa ser menor no uso real, fora do ambiente de análise.

No Distrito Federal, por exemplo – onde medições estão sendo feitas em duas áreas –, os testes realizados conseguiram velocidades de 600 kbps até uma distância de 33 km.

“Em Morretes (PR), a velocidade chegou a 800 kbps. É lógico que se trata de um ambiente de testes, mas mesmo assim está bem acima do que vínhamos trabalhando”, diz o gerente-geral de planejamento da Superintendência de Universalização da Anatel, Ricardo Itonaga.

Tanto é que a proposta do edital da faixa de 450 MHz prevê a oferta de acessos a 256 kbps (download) até o fim de 2015. Conexões de 1Mbps nessa fatia do espectro só serão cobradas das prestadoras em 2017.

Os testes são realizados em conjunto pela Oi, Anatel e Minicom, com equipamentos da fabricante chinesa Huawei, e já serviram para embasar as sugestões da operadora de mudanças na proposta de edital.

Mais lenta

Ao contrário da leitura da Anatel, no entanto, a Oi propôs uma “pequena redução” na velocidade mínima dos planos de serviço até 2015 – que passaria de 256 kbps para 153 kbps.

“As soluções técnicas para esta subfaixa (...) se mostraram aquém das expectativas de propagação e cobertura e sofrem, no seu uso eficaz , impactos relevantes provocados por problemas de interferência com outros usuários”, sustentou a empresa.

“[A Oi] propõe uma pequena redução da velocidade visando reduzir o investimento inicial nos 3 primeiros anos devidamente compensados nos 3 anos posteriores de 2016 a 2018 quando a velocidade passa para 1 Mbps.”

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 

LEIA TAMBÉM:

10/04/2014
Provedores reafirmam interesse na faixa de 450 MHz

13/12/2013
4G: Meta de cobertura rural será cumprida em 850MHz na Vivo

24/10/2013
Quem não usar terá que devolver 450 MHz, adverte Anatel

08/08/2013
Telefonia rural será quatro vezes mais cara que a urbana

25/07/2013
Embrapa lança primeiro aplicativo “rural” para smartphones e tablets

09/07/2013
LTE é padronizado para o 450 MHz

11/06/2013
450MHz: Teles ‘salgam’ preço e governo reage a 'valores irreais'

27/05/2013
Brasil pode ser o primeiro país a usar 4G na Internet Rural

22/05/2013
Por Internet rural, governo acena com ajuda financeira às teles

21/05/2013
Minicom chama teles para agilizar oferta no 450 MHz

Destaques
Destaques

700 MHz: Para TVs, custo da transição será ‘surpreendente’

Emissoras voltam a pedir que a venda da faixa obedeça os critérios: primeiro os testes, o cuidado com a mitigação de interferências e, só então, o edital. Segundo a Abert, o valor envolvido é grande demais para um tratamento pouco cuidadoso - algo em torno de R$ 6 bilhões.

Roteadores Wi-Fi terão mais espectro nos EUA

FCC ampliou em 100 MHz a capacidade disponível na faixa não licenciada dos 5 GHz utilizada, junto da faixa de 2,4 GHz.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Mobile Wallet: você já tem a sua?

:: Por Cristiane Higashi*

Caberá ao varejo, as operadoras e as grandes empresas do consumo o papel de massificar o uso da carteira móvel no país. E fica uma certeza: quem não entrar nessa disputa, será ultrapassado pela concorrência.


Copyright © 2014 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site