Cloud ComputingConvergência Digital
Advogados migram mensageria para a nuvem

Convergência Digital - Hotsite Cloud Computing
Da redação 28/03/2012

O escritório Dantas, Lee, Brock & Camargo Advogados (DLBCA), com uma carteira de clientes que abrange grandes corporações, multinacionais e instituições bancárias, acaba de concluir a migração de seus serviços de mensageria para o Google Apps. Desenvolvido pela Dedalus, o projeto foi idealizado para garantir o monitoramento do uso das ferramentas e o maior controle do atendimento ao cliente interno, usuário dos serviços na rede corporativa.

O projeto envolveu desde a implantação da solução Google Apps, plano de comunicação com os colaboradores, treinamento com a equipe técnica e usuários, até a migração de aproximadamente 450 contas de e-mail. “Nossa maior preocupação era a transferência de dados, mas a Dedalus se mostrou bastante experiente e, após reuniões de trabalho com nossa equipe, conseguiu diagnosticar as necessidades e apresentar um plano de projeto eficiente e seguro, envolvendo a migração de um grande volume de dados para o ambiente em nuvem”, observa Carlos Eduardo Minghini, diretor da área de Tecnologia do escritório.

Com a mudança para o novo ambiente em nuvem, o escritório sanou a dificuldade quanto ao espaço de armazenamento de e-mails, ampliando a capacidade de hospedagem de mensagens de 2GB para 25GB por usuário e eliminando a necessidade de realizar a liberação de espaço constantemente.

“Para este projeto buscamos no mercado o que existia de mais moderno no quesito ‘Colaboração’ e o Google Apps nos surpreendeu pela qualidade e custo benefício, e com um pacote de ferramentas com as mais variadas aplicações de comunicação, que tínhamos dificuldade em suporte”, analisa Minghini, ao observar que o novo projeto possibilitou maior flexibilidade em relação ao monitoramento dos usuários, reduzindo as horas de suporte para instalação e configuração de ferramenta de terceiros.

A implantação do projeto também propiciou outros benefícios ao DLBCA, como a redução de custos em torno de 40%, a partir do compartilhamento de documentos com clientes e parceiros através do Google Docs e a centralização de todas as ferramentas através de um único painel gerencial.  De acordo com o diretor de TI, a ideia é incorporar gradativamente todas as soluções do Google Apps a todas as áreas do escritório, iniciado com o Gmail e em seguida às ferramentas Calendário, Google Docs, Gtalk e o Google Sites.

Para Maurício Fernandes, presidente da Dedalus, o que mais chamou atenção no projeto foi a melhora na eficiência dos serviços de mensageria do DLBCA, com o aumento da capacidade de armazenamento e compartilhamento das informações críticas de negócios. “Outro destaque importante foi a migração para o novo ambiente Google Apps, incluindo treinamento com os colaboradores, e o tempo de mudança para o novo servidor, que levou apenas duas horas”.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

 Matérias relacionadas com o assunto Cloud Computing  

03/02/2016 às 11:50
Ano de ouro para computação em nuvem

01/02/2016 às 13:55
Oportunidades de Big Data na área de Saúde no Brasil

04/02/2016 às 12:05
Líder Aviação virtualiza e monta plano de contingência

28/01/2016 às 18:45
Big data e analytics vão movimentar R$ 3,2 bilhões no Brasil

27/01/2016 às 18:27
A sua empresa já tem um CDO no time?

22/01/2016 às 15:53
Nuvem pública deixa de ser o 'patinho feio'

21/01/2016 às 10:22
Nuvem híbrida reduz complexidade dos negócios digitais

19/01/2016 às 14:05
Gestor de TI opta pela nuvem híbrida e enfrenta o desafio das SDNs

18/01/2016 às 11:11
Infraestrutura para nuvem ignora crise e cresce dois dígitos

13/01/2016 às 10:15
Americana TechxAct investe R$ 12,8 bilhões no Brasil

Opinião
Oportunidades de Big Data na área de Saúde no Brasil
Por Eduardo Prado *


VídeosMais vídeos




Destaques

Ataques DDoS se multiplicam nos serviços na nuvem e data centers

Em 2015, o maior ataque DDoS (negação de serviço) registrado foi de 500 Gbps. Estudo mostra ainda que os ataques miram, simultaneamente, infraestrutura, aplicações e serviços.


Software como serviço 'salva' o ano do segmento de TIC

De acordo com previsões da Forrester, que pela primeira vez incluiu serviços de Telecom no seu relatório, o segmento de TIC vai chegar a uma receita de US$ 2,9 trilhões em 2016. Mesmo com a retração econômica, Brasil deve ter ligeiro crescimento.


Empresas de software ainda patinam para entender o SaaS

Pesquisa da ABES mostra que há ainda muita confusão com o real sentido do termo software como serviço no Brasil.


UIT aprova primeiro padrão para Big Data

“O padrão oferece uma base comum para o desenvolvimento de serviços”, explica o diretor do bureau de padronização da entidade, Chaesub Lee.


Orquestração faz a diferença no uso da nuvem

Reduzir o número de servidores não basta. O importante é saber usar o melhor deles para melhorar a eficiência.


Copyright © 2005-2015 Convergência Digital            Todos os direitos reservados.            É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.