Home - Convergência Digital

Na era dos aplicativos, começa a guerra pelos domínios móveis

Convergência Digital - Carreira
:: Ana Paula Lobo e Rodrigo dos Santos - 26/03/2012

Proteger a marca no ambiente móvel precisa estar na lista de prioridade dos gestores de uma corporação, mesmo para aquelas que, nesse momento, ainda não vislumbram razão para investir em desenvolvimento de aplicativos para dispositivos móveis, adverte Francisco Maldonado, diretor da ExpressApps, que participou de um seminário sobre Aplicativos x Privacidade, realizado na Fecomércio, em São Paulo, realizado no último dia 21 de março.

"Rgistrem suas marcas no ambiente móvel porque a corrida pelo domínio já começou", afirmou Maldonado, observando que, por dia, a loja da Apple recebe 2 mil pedidos de aplicativos.

Ele lembra que a Apple é mais criteriosa - analisa os pedidos com mais cuidado e rejeita os aplicativos considerados 'dúbios', mas o Android, é mais flexível. "Isso significa que cuidar da marca é imperativo antes que outro use e no Brasil não há ainda nenhum controle sobre marca móvel", salienta.

Maldonado conta que o problema é maior em países como Estados Unidos, mas já acontece no Brasil e cita um exemplo: Runner Academia, que teve o seu domínio registrado por outra empresa e teve que criar seu aplicativo com outro domínio.

O seminário "Aplicativos x Privacidade', foi realizado pela Federação de Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomércio), na sede da entidade, no último dia 21 de março. Assista o alerta dado por Francisco Maldonado, da ExpressApps sobre proteção de marca no ambiente móvel.

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 

LEIA TAMBÉM:

24/10/2014
Prefeitura de Santos investe em mobilidade para contato com cidadão

23/10/2014
Facebook lança app que permite o anonimato

22/10/2014
TIM facilita venda de ingressos de futebol pelo celular

22/10/2014
Apps atraem jovens brasileiros para a Internet

21/10/2014
CETIP se rende ao aplicativo móvel

20/10/2014
PROTESTE faz app para registro de queixas de consumo

20/10/2014
TIM investe em compartilhamento de dados

20/10/2014
Pais usam app gratuito para vigiar filhos

18/10/2014
Robô usa inteligência artificial a partir de processador de smartphone

17/10/2014
Valparaíso, GO, usa open source para gestão escolar

Destaques
Destaques

Compartilhamento: Anatel cobra licenciamento duplo de Oi e Tim

Empresas firmaram acerto para compartilhar antenas 4G, mas a agência sustenta que apesar das ERBs representarem um único conjunto de equipamentos a serem licenciados, o uso de radiofrequências distintas implica que o pagamento do Fistel deve ser feito por ambas as operadoras.

» Anatel espera Lei das Antenas para decidir sobre compartilhamento de torres

Anatel não tem pressa para vender fatia que sobrou em 700 MHz

Presidente da agência, João Rezende, descarta a inclusão da faixa no megaleilão de sobras de frequência, programado para 2015. E diz que o preço - R$ 2,7 bilhões- será mantido para o novo comprador.

» Anatel autoriza 70-80 GHz para ‘backhaul sem fio’

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Internet das Coisas: O charme dos sensores

:: Por Eduardo Prado *


Copyright © 2014 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site