Cloud ComputingConvergência Digital
SaaS é trunfo na oferta de cloud no Brasil

Convergência Digital - Hotsite Cloud Computing
:: Fábio Barros :: 23/03/2012

O modelo de computação em nuvem vem mudando não apenas o dia-a-dia das empresas usuárias de TI, mas também o das empresas fornecedoras de soluções. Um exemplo é a mudança que vem ocorrendo no modelo de atuação da Kaseya, software house especializada no desenvolvimento de aplicativos para gerenciamento de áreas de TI.

No Brasil desde 2006, a companhia iniciou há dois anos a oferta de seus produtos no modelo SaaS (software como serviço) e, desde então, garante que vem abrindo novas frentes de atuação. Em visita ao Brasil, Bill Falk, vice-presidente executivos de venda da Kaseya, disse que a empresa tem hoje 135 clientes no País, e que deve dobrar este número em no máximo três anos.

“Nosso foco hoje são as companhias prestadoras de serviços de TI, que usam nossos aplicativos para aprimorar a qualidade de seus serviços”, diz. Mas a carteira não se mantém neste perfil, incluindo também antigas revendas de hardware e software que estão migrando para serviços e, em menor número, revendas com foco em grandes corporações, que usam os aplicativos on-premise.

Mas o que vem mudando a relação da Kaseya com o mercado, de acordo com Falk, é a recente oferta em nuvem. De acordo com Falk, as ofertas em SaaS têm aberto novos mercados para a companhia, uma vez que permite sua oferta de forma mais granular. “Em 2011, 10% de nossos novos negócios foram SaaS. O percentual tende a crescer, já que o modelo é que mais cresce no Brasil”, diz, lembrando que o aplicativo da Kaseya fica baseado em uma nuvem na Inglaterra.

Sobre o nível de adoção entre mercados maduros e emergentes, Falk diz que a adoção do modelo tem se dado de forma igualitária, mas por razões diferentes. “Nos Estados Unidos, por exemplo, o estímulo do governo tem levado muitas empresas a adotar cloud computing”, conclui.

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 

 Matérias relacionadas com o assunto Cloud Computing  

:: 17/12/2014 10:14
Fabricante de ônibus reestrutura TI com nuvem privada

:: 10/12/2014 18:44
Dell cutuca IBM e HP ao dizer que não vai concorrer com data centers

:: 04/12/2014 10:30
Empresas brasileiras não têm plano de recuperação de desastres para dados

:: 01/12/2014 11:15
Ministério da Justiça usa nuvem e criptografia nacionais

:: 27/11/2014 15:22
Missão crítica: a nuvem bate à porta

:: 19/11/2014 17:03
Startups Open Source na mira da Microsoft

:: 17/11/2014 16:22
Brasil: PMEs querem a nuvem

:: 13/11/2014 15:45
Futebol + nuvem: Microsoft e Real Madrid se unem no Brasil

:: 12/11/2014 17:10
Nuvens múltiplas: realidade em 2015?

:: 06/11/2014 11:03
Nuvem pública resiste à pressão com o suporte do consumidor final

Opinião
Big Data na prateleira dos supermercados
:: Por Juliana Ferreira*


VídeosMais vídeos




Destaques

Sem big data, não há inovação, frisam empresários no Brasil

Pesquisa da GE mostra que 77% dos empresários consideram essencial fazer análise de dados .


Setor rodoviário do Rio de Janeiro se rende à computação em nuvem

Modelo de serviços em cloud computing já está  em uso por 20 grupos do segmento de transporte de passageiros e encomendas. Modelo prevê a recuperação de dados em tempo menor por parte de clientes e foi criado para atender empresas de todos os portes do setor.


Com cloud, serviços de TI crescem bem mais que o PIB do Brasil

Crescimento chegou a 8,7% , segundo a IDC Brasil. 2015 promete ser ainda mais promissor.


Cientista de dados não é um analista de negócio

Especialista ganha corpo e destaque na estratégia das corporações.


Datacenters nacionais comemoram tributação extra de importados

Empresas dizem que medida favorecerá investimentos no país.

» Datacenters: serviços podem subir 50% e cobrança retroativa vira 'pesadelo'
» Cobrança da CIDE dos datacenters abre espaço para disputa judicial

Copyright © 2014 Convergência Digital            Todos os direitos reservados.            É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.