Home - Convergência Digital
RSS Assine gratuitamente as nossas newsletters Quem faz o Convergência Digital Fale conosco Anuncie aqui
Cloud Computing CD TV Carreira Blog Capital Digital



Home - Telecom

A exemplo do setor elétrico, governo estuda prorrogar concessões de telecom

:: Luís Osvaldo Grossmann
:: Convergência Digital :: 20/03/2012

Preocupado com a queda constante do número de assinantes da telefonia fixa oferecida pelas concessionárias, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, defendeu uma revisão do modelo, ou mesmo a prorrogação das concessões, diante da tendência de que sobre pouco serviço a ser novamente licitado após 2025.

“Temos que decidir isso logo, não dá para o Estado aguardar até o último ano. O número de clientes diminui, as redes ficam defasadas – e ainda vamos ficar discutindo na Justiça quanto o governo terá que pagar”, afirmou o ministro, que nesta terça-feira, 20/3, participou de audiência na Câmara do Deputados.

Segundo Bernardo, uma das possibilidades seria o governo prorrogar as concessões, a exemplo do que se discute com as empresas de geração, transmissão e distribuição de eletricidade. “Pode haver uma discussão como no setor elétrico, de prorrogar as concessões”, disse o ministro.

No caso do setor elétrico, boa parte das concessões termina em 2015 – pelo menos 30 em geração e cerca de 40 contratos de distribuição. Por isso, o governo já estuda uma mudança na legislação que permita uma nova renovação para aquelas que não mais poderiam fazê-lo.

“As concessionárias perderam 4,5 milhões de assinantes nos últimos quatro anos, enquanto empresas permissionárias, que vendem telefonia junto com TV por assinatura ou Internet, ampliaram a base em 8,5 milhões. Sinal de que as pessoas ainda querem telefonia fixa”, avaliou Paulo Bernardo.

Ao defender a revisão, o Ministério das Comunicações reitera o que vem sendo proposto pela Anatel. O presidente da agência, João Rezende, também quer antecipar essa discussão. “Quanto mais o governo demorar, menor será o valor das concessões”, afirmou Rezende, em dezembro, ao Convergência Digital.

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 


:: Leia também:

:: 17/10/2014 14:49
Portal gratuito faz raio x de receitas e despesas dos municípios

:: 15/10/2014 16:15
Marco regulatório: Brasil está atrasado na América Latina

:: 13/10/2014 17:45
Em mercado que cresce pouco, Nextel dobra de tamanho em menos de um ano

:: 13/10/2014 15:00
Oi reafirma ao mercado que fusão com Portugal Telecom está mantida

:: 10/10/2014 12:56
Governo de Portugal não vai intervir na fusão Oi/Portugal Telecom

:: 09/10/2014 19:35
Novo Mercado é uma das missões de Bayard Gontijo à frente da Oi

:: 09/10/2014 17:21
Anatel espera Lei das Antenas para decidir sobre compartilhamento de torres

:: 09/10/2014 15:28
Governo projeta 23,3 milhões de acessos M2M em 2016

:: 08/10/2014 16:22
Teles rechaçam ideia de implantar fibra óptica no país inteiro

:: 08/10/2014 13:21
Teles contestam UIT e dizem que celular no Brasil é barato




Outras matérias desta seção:

ANTERIOR
Política industrial: Desoneração de redes está nas mãos da Fazenda

PRÓXIMA
Banda larga: Ainda faltam investimentos no Brasil



Veja a segunda edição da revista digital Alianza Latinoamericana de Medios TIC Revista do 58º Painel Telebrasil 2014

Revista do 58º Painel Telebrasil, realizado nos dias 09 e 10 de setembro de 2014 em Brasília, tendo como tema principal Perspectivas e Propostas para o Próximo Governo, Telecomunicações, Competitividade e Inovação no Brasil.

Clique aqui para ver mais revistas

58 Painel Telebrasil 2014
Por um Brasil Digital, teles pedem adoção de medidas urgentes

O Brasil pode chegar em 2018 entre as 30 economias mais competitivas do mundo, mas para isso precisa implantar uma série de ações num curto prazo de tempo, pontua estudo da LCA Consultores.

CDTV Anatel e teles debatem 'mão pesada' na regulação do setor
CDTV "Estamos na idade de pedra no uso de aplicativos", diz o presidente da Vivo
CDTV Indústria de aplicativos vira alvo da política de TICs da Colômbia
Clique aqui e veja a cobertura completa do evento


Em mercado que cresce pouco, Nextel dobra de tamanho em menos de um ano
:: 13/10/2014 :: Telecom

Segundo a Anatel, 277,4 milhões de acessos móveis em agosto representam alta de 1,8% em oito meses. Agência não divulgou os dados relativos à tecnologia - 3G e 4G - por mudança na metodogia do M2M.


Oi reafirma ao mercado que fusão com Portugal Telecom está mantida
:: 13/10/2014 :: Telecom

Em comunicado enviado à CVM, a operadora sustentou que estão integralmente mantidos os compromissos de promover a CorpCo, empresa resultante da fusão da Oi com a Portugal Telecom, no Novo Mercado da Bovespa.


Governo de Portugal não vai intervir na fusão Oi/Portugal Telecom
:: 10/10/2014 :: Telecom

A posição foi defendida pelo primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho."O governo não tem nenhuma intervenção nesse processo, como não tem em outras empresas, e não se pode querer responsabilizar o governo pelas decisões que as empresas privadas tomam", disse o executivo. Ações da PT caíram ao menor nível da história, após a saída de Zeinal Bava da Oi.


Novo Mercado é uma das missões de Bayard Gontijo à frente da Oi
:: 09/10/2014 :: Telecom

Gontijo deixa claro que a Oi será protagonista no processo de consolidação do mercado de Telecom. E que sua missão passa pela redução do endividamento da companhia.




TIM investe em compartilhamento de dados gratuito

Estratégia tem como objetivo reforçar a tele no mercado pós-pago.

» Compartilhamento: Anatel cobra licenciamento duplo de Oi e Tim


A TV está morrendo!
:: Por Eduardo Prado

Cobertura em vídeo do Convergência Digital

Veja as coberturas especiais do Convergência Digital






Convergência Digital no Facebook Convergência Digital no Twitter RSS do Convergência Digital Newsletters do Convergência Digital
Copyright © 2014 Convergência Digital
Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.
Este Sítio Web é acessível via IPv6!