Home - Convergência Digital
RSS Assine gratuitamente as nossas newsletters Quem faz o Convergência Digital Fale conosco Anuncie aqui
Cloud Computing CD TV Carreira Blog Capital Digital



Home - Telecom

Banda larga: Ainda faltam investimentos no Brasil

:: Fábio Barros
:: Convergência Digital :: 20/03/2012

Durante a divulgação do “Balanço Huawei de Banda Larga 2012”, nesta terça-feira, 20/03, o presidente da Teleco – parceira da empresa na realização do estudo – destacou o contexto em que banda larga (fixa e móvel) vem crescendo no Brasil. De acordo com o executivo, os serviços fixo e móvel tendem a se integrar no futuro, e as operadoras precisam estar prontas para isso.

“Na prática, precisamos de uma rede fixa, baseada em fibra, que chegue às residências e torres de transmissão celular. E a partir daí se distribuem as redes móveis. Os últimos metros serão wi-fi”, defende. Para Tude, o primeiro sinal desta integração são as ofertas de serviços oferecidas atualmente pelas operadoras, com velocidades de acesso cada vez maiores.

O estudo mostrou que o tráfego global de dados praticamente dobra a cada ano – na AT&T, por exemplo, ele cresceu 80% em 2011 – e isso vai exigir investimentos em infraestrutura. “Principalmente porque o Brasil vai bem em acessos, é o oitavo do mundo em banda larga fixa, mas em densidade está muito longe dos países mais desenvolvidos”, afirma Tude.

Ilustrando: a densidade da banda larga fixa no Brasil é de 8,5 acessos em cada 100 habitantes. A média dos países membros da OECD (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico) é de 25,5 acessos em cada 100 habitantes. A previsão é de que o Brasil atinja 20 acessos em cada 100 habitantes, apenas em 2016.

“Para isso, há a necessidade de investir em infraestrutura, o que significa chegar com a fibra mais perto da casa dos assinantes”, explica Tude. Na prática, uma estimativa feita pela Teleco e pela Huawei mostra que levar fibra a todos os domicílios brasileiros representaria um investimento de R$ 100 bilhões.

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 


:: Leia também:

:: 29/07/2014 09:45
CEF já foi impedida de fechar contrato similar ao da CPM Braxis

:: 28/07/2014 12:40
Quatro empresas concentram 90% do acesso em banda larga no país

:: 25/07/2014 15:30
Google atendeu metade dos pedidos de “direito ao esquecimento”

:: 25/07/2014 14:45
Viber negocia entrar no acesso grátis das teles móveis

:: 25/07/2014 13:11
Custo do malware para Android despenca no mercado negro

:: 24/07/2014 19:21
Para Agência, briga das operadoras é pelo mercado corporativo

:: 24/07/2014 18:44
Anatel amplia “feriado regulatório” para fibras ópticas

:: 24/07/2014 13:06
Direito do Consumidor: Rede social escancara insatisfação do brasileiro

:: 24/07/2014 12:11
Base 3G incorpora 4,47 milhões de celulares em junho

:: 24/07/2014 10:21
Banco de dados têm sido a porta de entrada dos hackers




Outras matérias desta seção:

ANTERIOR
A exemplo do setor elétrico, governo estuda prorrogar concessões de telecom

PRÓXIMA
Até 2016, Brasil será o 4º mercado mundial de smartphones



Rio Cidade Inteligente + Rio Wireless 2014
Anatel quer ampliar compartilhamento e ‘uso industrial’ de espectro

“Há um grande desafio de expansão das redes e isso exige índice mais alto de eficiência espectral. Queremos abordagens mais simples”, sustenta o conselheiro Rodrigo Zerbone.

» Novo Hamburgo investe R$ 1,4 milhão em TICs para saúde
» Rio de Janeiro atento ao legado olímpico
» 700 MHz: Leilão não obriga ninguém a implantar rede
» Teles projetam quadruplicar número de ERBs para atender novas demandas
Clique aqui para ver a cobertura completa


Para Agência, briga das operadoras é pelo mercado corporativo
:: 24/07/2014 :: Telecom

Órgão regulador avalia que o pedido da Telefônica envolve principalmente negociações do EILD, circuitos dedicados em geral negociados entre grandes operadoras para atender clientes empresariais privados ou no Poder Público.


Anatel amplia “feriado regulatório” para fibras ópticas
:: 24/07/2014 :: Telecom

Ao acatar em parte pedido da Telefônica para deixar de ser considerada detentora de Poder de Mercado Significativo em São Paulo, agência, na prática, também retirou fibras “acesas” das ofertas obrigatoriamente isonômicas em negociações no atacado. A CDTV mostra os principais pontos do debate no Conselho Diretor da Anatel.

» Para Agência, briga das operadoras é pelo mercado corporativo

Base 3G incorpora 4,47 milhões de celulares em junho
:: 24/07/2014 :: Telecom

Dados da Anatel revelam que o Brasil fechou junho com 275,71 milhões de linhas ativas na telefonia móvel e teledensidade de 136,06 acessos por 100 habitantes.  A diferença para o GSM, o 2G, cai para pouco menos de 20 milhões de celulares.


Telecom Italia vai ao governo desmentir venda da TIM Brasil
:: 23/07/2014 :: Telecom

CEO da operadora, Marco Patuano, foi questionado pela presidenta Dilma Rousseff. Executivo não falou sobre uma possível fusão da TIM com a GVT.




Easy Taxi recebe aporte de R$ 90 milhões

Recursos serão usados para expandir a operação do aplicativo na Ásia e na América Latina.

» 4G cresce 110% em seis meses. Modems 3G não param de cair


A ANATEL e a tunga reiterada há mais de 8 anos no modelo de custos
:: Flávia Lefèvre

Cobertura em vídeo do Convergência Digital

Veja as coberturas especiais do Convergência Digital



Veja a primeira edição da revista digital Alianza Latinoamericana de Medios TIC Alianza Latinoamericana
de Medios TIC


A Revista Alianza é fruto de uma aliança editorial entre os veículos InversorLatam, portal Convergência Digital e Evaluamos, da Colômbia. Nosso compromisso é retratar os pontos mais importantes de Telecom e TI na América Latina. Nessa primeira edição, tratamos de um tema que está na lista de prioridade: a governança da Internet. Boa leitura!

Clique aqui para ver todas as edições





Convergência Digital no Facebook Convergência Digital no Twitter RSS do Convergência Digital Newsletters do Convergência Digital
Copyright © 2014 Convergência Digital
Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.
Este Sítio Web é acessível via IPv6!