Home - Convergência Digital
RSS Assine gratuitamente as nossas newsletters Quem faz o Convergência Digital Fale conosco Anuncie aqui
Cloud Computing CD TV Carreira Blog Capital Digital



Home - Negócios

CNI: Um em cada cinco produtos industriais foi importado no Brasil em 2011

:: Da redação
:: Convergência Digital :: 19/03/2012

Um em cada cinco produtos industriais consumidos no país no ano passado foi importado, informa o estudo Coeficientes de Abertura Comercial, da Confederação Nacional da Indústria (CNI), divulgado nesta segunda-feira, 19/03.

Segundo o documento, a “participação de bens importados no consumo doméstico de produtos industriais alcançou nível recorde em 2011". O coeficiente de ingresso de produtos importados aumentou 2 pontos percentuais, entre 2010 e 2011, alcançando 19,8%. O maior aumento foi verificado no setor de informática, eletrônicos e ópticos, que saiu de 45,4% para 51%, seguido por derivados de petróleo e combustível (de 17,8% para 23,3%); e máquinas e equipamentos (de 32,5% para 36,8%).

De 23 setores pesquisados, oito atingiram os níveis máximos da série histórica do coeficiente de penetração de importações, que começou em 1996. A maior participação de importação foi verificada na extração de carvão mineral (87%); seguida pelos setores de extração de petróleo e gás natural (54,5%); informática, eletrônicos e ópticos (51%); outros equipamentos de transporte (37,3%); e máquinas e equipamentos (36,8%).

A pesquisa também apurou que as exportações de produtos indústriais cresceram em 2011 para 19,8%, dois pontos percentuais acima do registrado em 2010. Mesmo com o aumento, a fatia de participação está abaixo do recorde de 2004, de 22,9%. “A grande maioria dos setores ainda apresenta coeficientes inferiores aos níveis máximos alcançados na década passada, com exceção de extração de carvão mineral e celulose e papel”, informa o documento da CNI. A pesquisa é feita a partir do cruzamento de dados de informações do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e da Fundação Getulio Vargas (FGV).

Fonte: Agência Brasil

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 


:: Leia também:

:: 06/03/2015 17:09
Regulação da mídia é prioridade de novo secretário no Minicom

:: 06/03/2015 11:59
Primeira plataforma 100% nacional de inteligência de operações mira mercado de R$ 1,8 bi

:: 06/03/2015 10:51
Convênios federais e condições das rodovias são dados abertos mais procurados

:: 05/03/2015 17:09
Governo mexe no Processo Produtivo Básico de bens de informática

:: 05/03/2015 13:57
Aldo volta a cobrar investimento em inovação e pede ajuda ao Congresso

:: 05/03/2015 13:09
Venda de computadores despenca 26% em 2014

:: 05/03/2015 09:20
Governo abre pregão de videoconferência para 61 órgãos federais

:: 03/03/2015 12:03
Sem padrão digital, rádios apostam na Internet

:: 02/03/2015 17:55
Alcatel-Lucent adota conceito de startup para entrar no jogo

:: 02/03/2015 17:23
Inmetro e Capes aproximam comunidade científica da indústria




Outras matérias desta seção:

ANTERIOR
Por medo de fraudes, 30% dos pedidos de compras online são rejeitados na América Latina

PRÓXIMA
Assespro Nacional representará o Brasil no WCIT 2012, no Canadá




Venda de computadores despenca 26% em 2014

Segundo a consultoria IDC Brasil, a Copa do Mundo atrapalhou o mercado de PCs, que deve ver novo recuo em 2015, embora menos intenso. No total, ano fechou com vendas de 10,3 milhões de computadores.


Alcatel-Lucent adota conceito de startup para entrar no jogo

O CEO da fabricante, Michel Combes, disse que a empresa fez todos os ajustes necessários e questionado sobre a disputa com os 'chineses', o executivo garantiu que preço é relevante, mas inovação e qualidade de serviços se impõem. A América Latina segue sendo uma região estratégia e que terá mais investimentos da companhia.


Abinee: Confiança dos empresários aumenta, mas ainda é baixa

Cai, em janeiro, o percentual de empresas que tiveram negócios abaixo das expectativas nos últimos meses, e cresce o daquelas que já enxergam aumento nas vendas. Mas 44% das indústrias elétricas e eletrônicas pesquisadas ainda informam queda nos negócios.


Softex: apoio a exportadores em canais de distribuição termina hoje

Inscrição das empresas interessadas na iniciativa, que apoiará cinco empresas interessadas em exportar suas soluções para o mercado internacional utilizando canais de distribuição será encerrada hoje, informa a entidade.


Cobertura em vídeo do Convergência Digital


Bibliografia racial na rede
:: Chauke Stephan Filho *

RioInfo 2014 - Cobertura especial do Convergência Digital

Mesmo sem política para TICs, Rio de Janeiro soma 75 mil pessoas vinculadas à TI

Pesquisa que está sendo elaborada pelo TIRio, em parceria com a Softex, mostra que o Rio de Janeiro tem 13 mil empresas de TI ativas e cerca de 25% delas são empreendedoras.  O Rio Info 2014 tem como expectativa gerar R$ 15 milhões em negocios nos próximos 12 meses.

» Varejo engatinha na TI e despreza hábitos do consumidor
» Internet das Coisas chega ao mundo dos vinhos
» Big Data vira estratégia de governo na cidade do Rio de Janeiro
» Brasil está andando muito devagar na adoção do big data

Clique aqui e veja a cobertura completa


Veja edição 11 da Revista Abranet - Assossiação Brasileira de Internet REVISTA ABRANET . 11

Na discussão sobre o que vai prevalecer — fibra óptica ou rádio — na construção das infraestruturas, vence quem souber explorar o que cada tecnologia tem de melhor a oferecer.

Veja também: Cidades Digitais: Governo convoca provedores; A transição da IANA foi destaque no ICANN#51; Billing das coisas: quando cobrar certo será o diferencial; e muito mais.

Clique aqui para ver outras edições




Convergência Digital no Facebook Convergência Digital no Twitter RSS do Convergência Digital Newsletters do Convergência Digital
Copyright © 2005-2015 Convergência Digital
Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.
Este Sítio Web é acessível via IPv6!