GOVERNO » Compras Governamentais

Serpro contrata Valid S/A

Da redação ... 19/03/2012 ... Convergência Digital
O Serpro fechou um contrato de R$ 9 milhões com a empresa Valid Soluções e Serviços de Segurança em Meios de Pagamento S/A. De acordo com o extrato do contrato, o serviço prestado será de "colocation e hosting".

A vigência vai até março de 2017. O contrato foi assinado no dia 9 de março e publicado nesta segunda-feira, 19/03, no Diário Oficial da União.

Matérias relacionadas
Compras governamentais ... 24/11/2015 ... 10:03
Com problemas no edital, fracassa compra coletiva de videoconferência
Compras governamentais ... 17/11/2015 ... 17:11
Dnit ainda tenta reduzir preço de pregão de licenças Microsoft
Compras governamentais ... 10/11/2015 ... 16:57
Custo Microsoft para pregão DNIT está em R$ 93,5 milhões
Compras governamentais ... 22/10/2015 ... 10:29
Dnit retoma pregão de R$ 74 milhões para licenças Microsoft
Compras governamentais ... 01/10/2015 ... 10:29
DNIT cancela pregão conjunto para compras de sistemas Microsoft

CADE abre investigação contra cartel de componentes para telefonia e banda larga

Estão sendo investigadas as empresas: Araguaia Indústria, Comércio e Serviços Ltda. – EPP, Corning Comunicações Ópticas S/A, Corning Incorporated, Quadrac Telecomunicações e Informática Ltda., Redex Telecomunicações Ltda. e Tyco Electronics Brasil Ltda.

CADE condena Cisco a pagar multa de R$ 30 milhões

Fabricante, junto com a Technicolor, sofreu a maior punição já imposta a uma empresa no país por prátia de gun jumping -quando ocorre consumação da operação, cuja notificação o é obrigatória, sem autorização prévia do órgão antitruste.

Pelo PPA, Telebras assume a missão de implantar rede privada do Governo

A presidenta Dilma Rousseff sancionou o Plano Plurianual (PPA) para o período de 2016 a 2019, e mais uma vez há poucas referências para o setor de TICs. A banda larga móvel ganha destaque, mas a banda larga fixa é pouco citada.

Antena que vai controlar satélite geoestacionário brasileiro é instalada em Brasília

Orçado em R$ 1,7 bilhão, o satélite tem lançamento previsto para ocorrer entre setembro de 2016 e fevereiro de 2017. Uma segunda antena de controle será montada no Rio de Janeiro.

DEST também propõe nova empresa de TI/Telecom, com a liquidação de outras estatais



  • Copyright © 2005-2016 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G