Home - Convergência Digital
RSS Assine gratuitamente as nossas newsletters Quem faz o Convergência Digital Fale conosco Anuncie aqui
Cloud Computing CD TV Carreira Blog Capital Digital



Home - Inovação

Corte do orçamento obriga revisão de projetos no MCTI

:: Da redação
:: Convergência Digital :: 16/03/2012

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marco Antonio Raupp, disse nesta quinta-feira, 16/03, que a pasta vai contornar “as dificuldades” em consequência do corte orçamentário anunciado pelo governo por meio de parcerias com instituições ligadas ao setor e com a priorização de projetos. Raupp participou da aula inaugural da Coordenação dos Programas de Pós-Graduação em Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Coppe/UFRJ).

No mês passado, o governo informou que o ministério perderia cerca de 22% dos valores originalmente previstos na Lei Orçamentária Anual, o que corresponde a uma fatia de R$ 1,48 bilhão dos R$ 6,7 bilhões iniciais.

“O ministério pretende distribuir os cortes de uma maneira que a gente sofra menos, escolhendo projetos que são prioritários e não cortando neles. Em segundo lugar, fazendo parcerias com a Petrobras, com a Coppe, que teve autorização para financiar o Projeto Ciência sem Fronteiras”, afirmou, ressaltando, no entanto, que o ideal seria que a pasta não tivesse os recursos diminuídos. “Conseguindo parcerias a gente vai superando essas dificuldades, mas evidentemente temos que trabalhar sempre para não ter cortes”, acrescentou.

Em sua palestra, ele destacou que países com tradição em ciência e tecnologia, como os Estados Unidos, as principais economias da Europa e o Japão, embora enfrentem os efeitos da crise econômica, “têm apostado decididamente nos investimentos em ciência, tecnologia e inovação”, com estímulo tanto para a busca das fronteiras do conhecimento, como para a utilização do conhecimento produzido pelas empresas e pela sociedade.

“Essa é uma marca de países que têm tido sucesso e querem continuar a exercer papel de liderança no mundo. Não abandonam jamais nenhum desses dois lados da moeda [ciência e tecnologia de um lado e inovação de outro]. É uma lição que a gente tem que tirar. Diminuir essas atividades gera grandes prejuízos, difíceis depois de serem recuperados”, advertiu.

Fonte: Agência Brasil

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 


:: Leia também:

:: 02/10/2014 13:22
Sob pressão, Facebook revê política de exigir nome real

:: 02/10/2014 09:43
No Brasil, nove entre 10 startups morrem antes de começar a funcionar

:: 01/10/2014 15:00
Los Angeles oferece oportunidades para startups brasileiras

:: 01/10/2014 09:45
Paulo Bernardo: desistência da Oi foi ruim para todo mundo

:: 30/09/2014 17:45
Leilão 4G: Sem apetite, teles deixam brecha para a Oi

:: 30/09/2014 13:20
Anatel: Sobras reduzem chance de interferência entre 4G e TV Digital

:: 29/09/2014 16:02
Google indenizará Barrichello em R$ 200 mil por perfis no Orkut

:: 29/09/2014 11:12
TI ainda perde muito tempo administrando 'lata' e ambientes

:: 29/09/2014 10:53
Anatel aprova transferência da Sky para AT&T

:: 26/09/2014 10:13
Desoneração da folha formalizou mais de 150 mil postos de trabalho em TI




Outras matérias desta seção:

ANTERIOR
Governo cobra compromisso da iniciativa privada com Inovação

PRÓXIMA
USP ativa supercomputador que fará 20 trilhões de cálculos por segundo




Veja a segunda edição da revista digital Alianza Latinoamericana de Medios TIC Alianza Latinoamericana
de Medios TIC . nº 2


Nesta segunda edição, tratamos de um tema que está na lista de prioridade dos gestores de TI: o BIG DATA

A Revista Alianza é fruto de uma aliança editorial entre os veículos InversorLatam, portal Convergência Digital e Evaluamos, da Colômbia. Nosso compromisso é retratar os pontos mais importantes de Telecom e TI na América Latina.

Clique aqui para ver outras edições


Ser 100% cloud foi estratégico para o plano global da Easy Taxi
:: 25/09/2014 :: Inovação

Com atuação em 35 países, a Easy Taxi, que criou o modelo de aplicativos para táxis, avalia, agora, adotar o OpenStack para agilizar ainda mais suas demandas.


Marina é dúbia sobre patentes de software e defende livre escolha por usuários
:: 23/09/2014 :: Inovação

"As coisas não precisam ser feitas na lógica da dualidade opositiva, de que ou é uma coisa ou é outra", destacou. Não posicionamento dela preocupa a comunidade do software livre.

CDTV Candidatas não agradam nas propostas para universalizar a banda larga
CDTV Marina Silva diz que Internet é essencial

Brasil ainda longe de uma política para Internet das Coisas
:: 09/09/2014 :: Inovação

“Incentivos a M2M são importantes, mas não são suficientes. Temos que entender por que isso ainda não decolou", destaca o diretor da Qualcomm, Francisco Giacomini Soares.





A era da Internet de todas as coisas
:: Por Juliana Ferreira*

Cobertura em vídeo do Convergência Digital

Startups podem fugir do 'labirinto legal' brasileiro

Além do suporte especializado para lidar com a burocracia que sufoca negócios iniciantes, Brasil começa a contar com instrumentos que facilitam a vida tributária das startups.
Assista a palestra de Ivandick Rodrigues, da Bessa Advogados
Clique aqui e veja a cobertura completa do U-Start Conference Brasil 2014





Convergência Digital no Facebook Convergência Digital no Twitter RSS do Convergência Digital Newsletters do Convergência Digital
Copyright © 2014 Convergência Digital
Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.
Este Sítio Web é acessível via IPv6!