Home - Convergência Digital
RSS Assine gratuitamente as nossas newsletters Quem faz o Convergência Digital Fale conosco Anuncie aqui
Cloud Computing CD TV Carreira Blog Capital Digital



Home - Negócios

Na Senior, desoneração trouxe economia de R$ 200 mil/mês

:: Ana Paula Lobo
:: Convergência Digital :: 15/03/2012

Desenvolvedora nacional de software de gestão,a Senior sustenta que a desoneração da folha de pagamento - medida que beneficiou o setor de software no Plano Brasil Maior - traz uma economia de R$ 200 mil/mês. Empresa promete ir às compras e planeja investir R$ 24 milhões em P&D.

Nesta quinta-feira, 15/03, a Senior revelou os números da companhia em 2011. A empresa gerou R$ 400 milhões em volume de negócios e um crescimento de 14% em relação a 2010, quando contabilizou R$ 362 milhões. Para 2012, apesar das incertezas econômicas e da situação desconfortável da indústria brasileira - usuária dos produtos de ERP e de gestão de pessoas da Senior - está mantida a expectativa de crescimento em torno de 20%, e um volume de R$ 480 milhões.

"O primeiro trimestre mostrou que estamos certos em apostar em crescimento. Há uma retomada das compras e uma mobilização das empresas para atualizarem e/ou trocarem suas plataformas de gestão empresarial. O mercado está andando", diz Hermínio Gastaldi. Indagado sobre o maior desafio, hoje, para a indústria de software brasileira, o presidente da Senior, Jorge José Cenci, foi taxativo: falta mão-de-obra qualificada.

"Existe uma grande dificuldade para formar jovens e mantê-los na profissão. A Engenharia civil está levando esses jovens e precisamos trabalhar muito. Há projetos do governo em andamento, mas acredito que temos de fazer mais e rápido. É uma batalha que corremos o risco de perder", complementa o diretor de Mercado, Hermínio Gastaldi.

Sobre a desoneração da folha de pagamento - medida do plano Brasil Maior e que beneficia o software com a redução da alíquota de 20% do INSS para 2,5% do faturamento total - Cenci disse que já contabiliza os ganhos. "Economizo R$ 200 mil/mês, e essa quantia estou revertendo para capacitação e inovação, desenvolvimento de novos produtos. Foi a melhor medida porque beneficia quem faz as coisas de forma correta", sustenta.

Em 2012, o maior desafio da Senior será o de entrar na seara da mobilidade e do mundo do software como serviço (SaaS), a partir do conceito de computação na nuvem. Os primeiros aplicativos na área serão conhecidos em junho, e Gastaldi, diretor de mercado da empresa, assume que foi preciso rever todos os processos internos. "Temos o modelo de aluguel de licença com contratos de 24 meses, mas SaaS muda todo o modelo e exige integração tecnológica para termos o pilar do serviço - suporte, manutenção e implementação - atendidos. É uma maneira nova de fazer negócios", destaca.

Ciente da concorrência acirrada na área de ERP, a Senior também se prepara para ir às compras."Vamos ao mercado comprar empresas que nos complementem. Tanto na parte de canal de distribuição como na parte de produtos", diz Cenci. Também há um forte interesse de ampliar presença nas regiões Norte e Nordeste. Empresa de capital fechado, com sede em Blumenau, a empresa, neste momento, não pensa em ir ao Novo Mercado. "Temos recursos próprios e o apoio do BNDES para fazermos nossas aquisições", complementa o presidente da Senior.

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 


:: Leia também:

:: 28/08/2014 18:47
Orçamento prevê R$ 1,2 bi para satélite, cabo submarino e rede da Telebras

:: 28/08/2014 16:40
Compra da GVT deve ter análise restrita à competição

:: 28/08/2014 11:16
Preço do trânsito Internet caiu 32% e está abaixo da média na América Latina

:: 28/08/2014 09:41
Leilão pela GVT chega aos R$ 22,35 bilhões

:: 27/08/2014 18:30
Oi, ao mirar a TIM, obriga Telefônica e Telecom Italia a gastar mais com a GVT

:: 27/08/2014 16:30
Acesso gratuito às redes sociais não fere a neutralidade de rede

:: 27/08/2014 16:20
Smartphone permite ao jovem brasileiro a ficar 100% conectado

:: 27/08/2014 13:26
Marco Civil: projeto amplia remoção de conteúdo sem ordem judicial

:: 27/08/2014 12:28
BNDES aportou R$ 3,7 bilhões em TICs no 1º semestre

:: 26/08/2014 12:33
Trojans móveis bancários quadruplicam em seis meses




Outras matérias desta seção:

ANTERIOR
Assespro Nacional representará o Brasil no WCIT 2012, no Canadá

PRÓXIMA
Dell reforça oferta de serviços com compra da SonicWALL



EMC Fórum 2014

Jogos Olímpicos deverão demandar 120 terabytes de armazenamento

A previsão foi feita pelo diretor de Tecnologia do Rio 2016, Elly Resende. Neste primeiro ano de contrato com a EMC vão estar disponíveis 55 terabytes, o equivalente a 720 mil fotos e 4 mil minutos de filmagem.

» TI como serviço: ferramentas 'in house' conquistam empresas
» EMC fornecerá storage para Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016
Clique aqui para ver a cobertura completa

Soluções de TI Simples
TI inteligente atua no controle das estradas de São Paulo

Centro de Controle de Informações (CGI) passa a integrar todas as informações, coletadas em mais de 6 mil km de rodovias no Estado.

» Nuvem e redes sociais exigem mais orçamento para Segurança da Informação
» Ações humanas respondem por mais de 95% dos incidentes de segurança
» CSO: pronto para assumir a culpa nas violações da segurança

Cobertura Especial Rio Info 2014

Games: O Brasil precisa repatriar seus melhores profissionais

Responsáveis pelo estudo patrocinado pelo BNDES sobre a indústria de Games no Brasil, os professores David Nakano e Luis Sakuda, falam da janela de oportunidade para quem faz games no país. A gamificação é top das prioridades.

» CERTICS decepciona e TI Maior tem falhas na execução
» Vá além do Twitter e do Facebook
» Todo cuidado com as 'pegadas digitais'


BNDES aportou R$ 3,7 bilhões em TICs no 1º semestre
:: 27/08/2014 :: Negócios

A maior parte dos recursos - 82,29% foi para o setor de Telecomunicações. As empresas de TI ficaram com R$ 470 milhões. O Prosoft, programa criado em 2007, ainda tem disponível R$ 4,27bilhões para atender reivindicações do setor.


M2M impulsiona negócios da Celistics com SIMCards no Brasil
:: 19/08/2014 :: Negócios

Empresa de logística inteligente estima que distribuirá cerca de 60 milhões de SIMCards no país em 2014. Em visita ao Brasil, o presidente e CEO da Celistics, José Antonio Rios, confirma a entrada da empresa no mercado de recarga em 2015.


Network1 é comprada pela multinacional ScanSource
:: 15/08/2014 :: Negócios

Acordo é válido para a América Latina e os valores da transação não foram revelados pelas partes. Distribuidora brasileira tem 400 funcionários na região.


Governo sustenta mercado de software open source no Brasil
:: 13/08/2014 :: Negócios

Governo responde por 68% das compras de software e serviços baseados em open source, que responderam por 4,6% do total produzido na área de software em 2013, US$ 25.94 milhões.


Cobertura em vídeo do Convergência Digital


BLE: Uma alternativa de localização para o mercado corporativo
:: Por Eduardo Prado*

Veja as coberturas especiais do Convergência Digital



Veja a primeira edição da revista digital Alianza Latinoamericana de Medios TIC Alianza Latinoamericana
de Medios TIC


A Revista Alianza é fruto de uma aliança editorial entre os veículos InversorLatam, portal Convergência Digital e Evaluamos, da Colômbia. Nosso compromisso é retratar os pontos mais importantes de Telecom e TI na América Latina. Nessa primeira edição, tratamos de um tema que está na lista de prioridade: a governança da Internet. Boa leitura!

Clique aqui para ver todas as edições




Convergência Digital no Facebook Convergência Digital no Twitter RSS do Convergência Digital Newsletters do Convergência Digital
Copyright © 2014 Convergência Digital
Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.
Este Sítio Web é acessível via IPv6!