Home - Convergência Digital
RSS Assine gratuitamente as nossas newsletters Quem faz o Convergência Digital Fale conosco Anuncie aqui
Cloud Computing CD TV Carreira Blog Capital Digital



Home - Inclusão Digital

Porto Alegre investe em tecnologia para gerenciar serviços públicos

:: Da redação
:: Convergência Digital :: 06/03/2012

A Prefeitura de Porto Alegre, por meio da Procempa, investe em tecnologia para monitorar e melhorar a gestão dos serviços públicos da cidade. Desenvolvido pela IBM e implementado inicialmente em três áreas distintas – SMOV (obras e viação), DMAE (água e esgoto) e DMLU (limpeza urbana) –, o projeto vai proporcionar mais inteligência aos departamentos e a capacidade de avaliar e responder às demandas da população de forma mais rápida, além de centralizar, em um único local, toda a coordenação do trabalho de gestão dos ativos dessas áreas.

O objetivo do projeto é construir um sistema inteligente, que forneça serviços de melhor qualidade para os mais de 1,4 milhão de habitantes da capital gaúcha. Com base no software Maximo Asset Management, a solução permitirá que a prefeitura gerencie obras e reparos que estão sendo feitos na cidade e administre serviços públicos prestados aos cidadãos, como a rede de água e esgoto, o sistema de iluminação pública, pontes, parques, caminhões e containers de lixo.

Outro benefício importante é que a solução permite que a prefeitura realize manutenções preventivas e corretivas desses serviços, antecipando problemas e executando planos de ação antes mesmo da solicitação de um morador. Para exemplificar como funcionará na prática, o sistema alertará a SMOV quando uma rua ou avenida deve ser repavimentada. Já as lâmpadas das ruas contam com um sensor interconectado com o software Maximo Utilities, que manda um alerta para a prefeitura quando uma delas queima, possibilitando que a peça com defeito seja substituída rapidamente.

“Além de melhorar a qualidade de vida e os serviços prestados aos cidadãos, a prefeitura de Porto Alegre se apoia na tecnologia para receber os jogos da Copa do Mundo de 2014. Este é o primeiro projeto para tornar nossa cidade mais inteligente e constitui um grande salto tecnológico para o município”, afirma André Imar Kulczynski, diretor-presidente da Procempa.

As informações fornecidas pelo sistema geram relatórios, gráficos e tabelas, o que possibilitará aos gestores saber, de antemão, quais serão os recursos necessários para resolver os problemas de infraestrutura da cidade. A partir daí, a Câmara Municipal de Porto Alegre pode responder às questões de forma mais eficiente e otimizar os recursos do município.

“Antes, cada departamento da cidade tinha seu próprio processo para lidar com as solicitações dos cidadãos e trabalhava de forma reativa. Além disso, o processo de chamadas era manual e não se conseguia prever o tempo de resposta para solucionar o problema. Agora, é possível analisar o histórico de cada chamado, o que torna mais fácil identificar os problemas recorrentes ou potenciais intercorrências futuras”, acrescenta Zilmino Tartari, diretor técnico da Procempa.

“Esse projeto com a prefeitura de Porto Alegre é um exemplo de como podemos usar a tecnologia para fazer com que as cidades funcionem de forma mais eficiente. Com o crescente número de pessoas morando em centros urbanos, precisaremos cada vez mais do apoio de sistemas inteligentes para melhorar a qualidade de vida do cidadão e melhorar serviços como saúde, educação, mobilidade e segurança”, complementa Frank Koja, diretor da IBM para a Região Sul.

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 


:: Leia também:

:: 12/11/2014 13:46
Pesquisa mostra que telecentros habilitam mais pobres a usar computador

:: 05/11/2014 16:04
Paulo Bernardo: Smartphone é, sim, inclusão digital

:: 04/11/2014 16:13
Para a Proteste, Facebook não é inclusão digital

:: 27/10/2014 11:52
Digitalização de redes de telecom muda o mercado de telessaúde

:: 18/09/2014 11:56
Computador com Internet é luxo equivalente a ter carro no Brasil

:: 08/09/2014 19:00
Mais de 100 mil brasileiros usam plataforma de educação online

:: 29/08/2014 16:40
Prefeitura de São Paulo oferece app gratuito para acessibilidade

:: 28/08/2014 11:16
Preço do trânsito Internet caiu 32% e está abaixo da média na América Latina

:: 06/08/2014 13:43
Celulares, laptops e tablets disseminam uso da Internet por crianças

:: 15/07/2014 13:33
Escolas adotam o WiFi, mas compartilham velocidade baixa




Outras matérias desta seção:

ANTERIOR
Rio Digital leva Internet gratuita para Complexo do Alemão

PRÓXIMA
Surdos querem pacotes exclusivos para mensagens nos celulares




Banda larga: Novo prazo para o REPNBL estimulará investimentos de mais R$ 15 bilhões
:: 19/11/2014 :: Inclusão Digital

Operadoras têm até junho de 2015 para enviarem seus projetos para desoneração em construção de redes. O secretário de Telecomunicações do Minicom, Maximiliano Martinhão, acredita que aportes poderão chegar, somando as duas etapas, a R$ 30 bilhões.


Minicom promete leilão para universalização da banda larga em 2015
:: 12/11/2014 :: Inclusão Digital

“Para levar fibras a mais de 90% dos municípios estamos estimando em R$ 10 bilhões. Outros R$ 40 bilhões se a fibra chegar a 45% dos domicílios. Mas não vamos colocar todos esses recursos. A ideia é fazer leilões reversos, contratando aquele que pedir menos subsídios”, afirmou o ministro Paulo Bernardo.

» Pesquisa mostra que telecentros habilitam mais pobres a usar computador

Governo pressiona pela redução do ICMS na banda larga fixa
:: 12/11/2014 :: Inclusão Digital

Para o secretário do Ministério das Comunicações, Maximiliano Martinhão, o governo federal já fez a sua parte nas desonerações e, agora, é o momento de baixar o imposto estadual, com alíquotas variando entre 25% a 35%. Projeto no senado prevê uma alíquota para o serviço de 10%.


Paulo Bernardo: Smartphone é, sim, inclusão digital
:: 05/11/2014 :: Inclusão Digital

Ministro das Comunicações rebateu as críticas feitas pelas entidades de defesa do consumidor sobre a qualidade das conexões móveis contabilizadas no universo de 132,2 milhões de acessos via celulares.

» Para a Proteste, Facebook não é inclusão digital



Veja a segunda edição da revista digital Alianza Latinoamericana de Medios TIC Alianza Latinoamericana
de Medios TIC . nº 2


Nesta segunda edição, tratamos de um tema que está na lista de prioridade dos gestores de TI: o BIG DATA

A Revista Alianza é fruto de uma aliança editorial entre os veículos InversorLatam, portal Convergência Digital e Evaluamos, da Colômbia. Nosso compromisso é retratar os pontos mais importantes de Telecom e TI na América Latina.

Clique aqui para ver outras edições




Convergência Digital no Facebook Convergência Digital no Twitter RSS do Convergência Digital Newsletters do Convergência Digital
Copyright © 2014 Convergência Digital
Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.
Este Sítio Web é acessível via IPv6!