Home - Convergência Digital
RSS Assine gratuitamente as nossas newsletters Quem faz o Convergência Digital Fale conosco Anuncie aqui
Cloud Computing CD TV Carreira Blog Capital Digital



Home - Telecom

Eutelsat fica com posição orbital da Hughes e vai oferecer banda larga

:: Luís Osvaldo Grossmann
:: Convergência Digital :: 06/03/2012
A francesa Eutelsat, maior operadora europeia de satélites, levou a melhor na disputa pela última posição orbital oferecida pela Anatel – em leilão que precisou ser retomado após a saída da HNS Americas (da americana Hughes) de uma das “vagas” arrematadas em agosto do ano passado.

Com as ofertas da Anatel de posições para exploração da banda Ka, o objetivo da Eutelsat é semelhante aos demais concorrentes: “Queremos oferecer banda larga para uma comunidade o mais alargada possível”, resume o diretor-gerente Joaquim Pedro Lima.

Após uma disputa com a líder mundial Intelsat, que estacionou no lance de R$ 13,3 milhões, a vencedora arrematou a posição por R$ 14, milhões – acima da proposta inicial da Eutelsat, de R$ 6,4 milhões, mas bem abaixo dos R$ 35 milhões que a Hughes “ameaçou” pagar em agosto do ano passado.

A Eutelsat estuda lançar um novo satélite para ocupar a posição 65o Oeste, a primeira “brasileira”, apesar de já atuar no país com outros satélites, especialmente em radiodifusão e transmissão de dados para clientes corporativos, inclusive órgãos públicos.

“Já temos experiência. Na Europa, operamos alta capacidade de transmissão de dados na banda Ka, com ofertas de 10 Mbps, mas que podem chegar a 40 Mbps”, explicou o diretor da subsidiária brasileira, Eloi Stivalletti, sinalizando os planos para a operação local.

Hughes

O leilão de quatro posições orbitais foi realizado pela Anatel em agosto do ano passado, quando a HNS Americas (da Hughes) e a StarOne (Embratel) dividiram a vitória. Os mexicanos, porém, reclamaram que a posição escolhida pelos americanos (68,5o O) interferiria em uma das suas (70o O).

A HNS/Hughes, no entanto, preferiu não indicar uma posição alternativa e retirou a proposta de R$ 35,2 milhões que a fizera vencedora desse lote. A decisão da Anatel foi, assim, retomar a oferta do lote com as outras quatro empresas que dele participaram – ainda que, pelos valores originalmente oferecidos, SES e Hispamar (Oi) não pudessem fazer novos lances.
Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 


:: Leia também:

:: 20/10/2014 10:00
Anatel exige migração para IPv6 em 2015

:: 17/10/2014 14:49
Portal gratuito faz raio x de receitas e despesas dos municípios

:: 16/10/2014 17:40
STF mantém cobrança de assinatura básica da telefonia fixa em São Paulo

:: 13/10/2014 17:45
Em mercado que cresce pouco, Nextel dobra de tamanho em menos de um ano

:: 09/10/2014 19:35
Novo Mercado é uma das missões de Bayard Gontijo à frente da Oi

:: 09/10/2014 17:21
Anatel espera Lei das Antenas para decidir sobre compartilhamento de torres

:: 09/10/2014 15:28
Governo projeta 23,3 milhões de acessos M2M em 2016

:: 08/10/2014 16:22
Teles rechaçam ideia de implantar fibra óptica no país inteiro

:: 08/10/2014 13:21
Teles contestam UIT e dizem que celular no Brasil é barato

:: 08/10/2014 09:42
Facebook, com WhatsApp, impõe novo modelo para VoIP




Outras matérias desta seção:

ANTERIOR
Embratel paga R$ 6,439 milhões pelo controle da NET

PRÓXIMA
TV Digital: Minicom permite compartilhamento de multiprogramação



Veja a segunda edição da revista digital Alianza Latinoamericana de Medios TIC Revista do 58º Painel Telebrasil 2014

Revista do 58º Painel Telebrasil, realizado nos dias 09 e 10 de setembro de 2014 em Brasília, tendo como tema principal Perspectivas e Propostas para o Próximo Governo, Telecomunicações, Competitividade e Inovação no Brasil.

Clique aqui para ver mais revistas

58 Painel Telebrasil 2014
Por um Brasil Digital, teles pedem adoção de medidas urgentes

O Brasil pode chegar em 2018 entre as 30 economias mais competitivas do mundo, mas para isso precisa implantar uma série de ações num curto prazo de tempo, pontua estudo da LCA Consultores.

CDTV Anatel e teles debatem 'mão pesada' na regulação do setor
CDTV "Estamos na idade de pedra no uso de aplicativos", diz o presidente da Vivo
CDTV Indústria de aplicativos vira alvo da política de TICs da Colômbia
Clique aqui e veja a cobertura completa do evento


STF mantém cobrança de assinatura básica da telefonia fixa em São Paulo
:: 16/10/2014 :: Telecom

Decisão considera inconstitucional lei do Estado de São Paulo que previa o fim da cobrança.


Em mercado que cresce pouco, Nextel dobra de tamanho em menos de um ano
:: 13/10/2014 :: Telecom

Segundo a Anatel, 277,4 milhões de acessos móveis em agosto representam alta de 1,8% em oito meses. Agência não divulgou os dados relativos à tecnologia - 3G e 4G - por mudança na metodogia do M2M.


Novo Mercado é uma das missões de Bayard Gontijo à frente da Oi
:: 09/10/2014 :: Telecom

Gontijo deixa claro que a Oi será protagonista no processo de consolidação do mercado de Telecom. E que sua missão passa pela redução do endividamento da companhia.


Anatel espera Lei das Antenas para decidir sobre compartilhamento de torres
:: 09/10/2014 :: Telecom

Em 2009, Lei determinou que as torres devem ser obrigatoriamente compartilhadas quando estiverem a menos de 500 metros uma das outras. Medida pode implicar na adequação de 40 mil estruturas em todo o país e, por isso, agência aguarda que uma nova legislação – no caso, a Lei das Antenas – elimine o problema.




Microsoft enterra marca Nokia nos smartphones

Terminais passam a ser batizados como Microsoft Lumia.

» Compartilhamento: Anatel cobra licenciamento duplo de Oi e Tim


A TV está morrendo!
:: Por Eduardo Prado

Cobertura em vídeo do Convergência Digital

Veja as coberturas especiais do Convergência Digital






Convergência Digital no Facebook Convergência Digital no Twitter RSS do Convergência Digital Newsletters do Convergência Digital
Copyright © 2014 Convergência Digital
Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.
Este Sítio Web é acessível via IPv6!