Convergência Digital - Home

Brasil inova ao levar o 4G para 450 Mhz

Convergência Digital - Cobertura Especial CeBIT 2012
:: Da redação - 24/02/2012

Levar a banda larga a áreas rurais e suburbanas de todo o Brasil é um desafio que a tecnologia desenvolvida no CPqD está prestes a vencer. Para isso, vem apostando em uma nova solução de rede sem fio de quarta geração baseada em LTE (Long Term Evolution) na faixa de 450 MHz.

Testada com sucesso nas instalações do CPqD, em Campinas, essa solução foi apresentada nesta sexta-feira, 24/02, ao Ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, e deverá estar disponível a partir do final de 2012. A 4G em 450 MHz será apresentada na CeBIT 2012, evento que acontece de 06 a 10 de março, em Hannover, na Alemanha.

“O LTE é a tecnologia mais avançada atualmente na área de comunicação sem fio em banda larga”, afirma Hélio Graciosa, Presidente do CPqD - que, desde 2010, trabalha no desenvolvimento de redes móveis 4G, em um projeto apoiado pelo FUNTTEL (Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações) do Ministério das Comunicações.

“E o LTE na frequência de 450 MHz é uma solução moderna, que oferece uma série de vantagens em relação às atuais tecnologias de terceira geração (3G) para a expansão da banda larga nas áreas rurais e remotas do País”, acrescenta. Entre elas, Graciosa destaca a maior cobertura, as taxas de transmissão mais altas (até 25 Mbps no download e 12,5 Mbps no upload), menor latência, melhor performance e a arquitetura totalmente IP.

A solução CPqD LTE na faixa de 450 MHz está sendo desenvolvida a partir da padronização do 3GPP (3rd Generation Partnership Project), adaptada a essa faixa de frequência. É composta de vários produtos: antenas, dispositivos de radiofrequência, split eNodeB e sistema de gerenciamento de rede.

Todos estarão disponíveis a partir do final de 2012, por intermédio da WxBR, empresa brasileira para a qual o CPqD vai transferir as tecnologias de produto - e que terá a responsabilidade por sua industrialização e comercialização no mercado global.

Nas próximas etapas do projeto, o CPqD tornará disponíveis também as tecnologias de gateways LTE com interface para redes Wi-Fi, de eNodeB externo, além de dispositivos móveis LTE, que oferecem aos assinantes acesso direto à rede.


Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 

LEIA TAMBÉM:

17/12/2014
Vivo começa a vender relógios inteligentes

11/10/2012
4G retoma pressão das teles por small cells

09/03/2012
CeBIT poderá gerar negócios de US$ 60 milhões

21/10/2014
Recarga de dados é estratégica no plano da Oi

21/10/2014
Qualcomm: equacionar o custo por bit é o desafio da mobilidade

14/10/2014
Big data faz TIM reestruturar infraestrutura de rede

24/10/2013
Anatel mantém cobrança do Fistel para micro e picocélulas

22/10/2013
TV no celular: 4G termina obrigação de uso do padrão da TV digital

03/06/2013
TIM faz testes com voz em LTE

15/05/2013
Minicom: 4G em 700MHz só depois que não houver interferência na TV

Copyright © 2012 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site