Home - Convergência Digital
RSS Assine gratuitamente as nossas newsletters Quem faz o Convergência Digital Fale conosco Anuncie aqui
Cloud Computing CD TV Carreira Blog Capital Digital



Home - Telecom

TIM investirá R$ 3 bilhões em 2012

:: Ana Paula Lobo
:: Convergência Digital :: 16/02/2012
A TIM investirá R$ 3 bilhões em 2012 e, de acordo com o presidente da operadora, Luca Luciani, o nome do jogo da telefonia móvel segue sendo a transmissão. A maior parte dos recursos previstos para o Brasil, dentro dessa estratégia, será alocada na ampliação da infraestrutura de rede - capacidade 2G, fibra óptica e 3G.

Em teleconferência de resultados do quarto trimestre de 2011, realizada nesta quinta-feira, 16/02, Luca Luciani sustentou que apesar do forte ritmo registrado na telefonia celular no ano passado, o país seguirá tendo um crescimento relevante em 2012, impulsionado, segundo ele, pela substituição da voz fixa pela móvel.

Luciani lembrou que a TIM, ao longo do ano passado, quando investiu R$ 2,9 bilhões, dobrou a capacidade da rede 2G para melhorar a qualidade do serviço de voz e também retomou os investimentos em 3G, chegando a mais de 500 municípios. Para este ano, também dentro da diretriz de apostar nas classes C, D e E, as regiões Norte e Nordeste vão concentrar os investimentos em rede e serviços, até em função dos problemas de qualidade e capacidade registrados ao longo do ano passado.

Estratégicamente, a Internet móvel desponta como o grande alvo a ser conquistado este ano. Segundo o presidente da TIM Brasil, a banda larga via rede móvel será o segundo maior mercado do país em 2016 e vai ultrapassar o mercado de Internet fixa e de voz fixa.

Luciani também destacou que, apesar de a operadora ter mirado os assinantes das classes C, D e E, com o Infinity Web, o que dá acesso para usuários pré-pago a R$ 0,50 - que terminou o ano com 17,5 milhões de usuários únicos mensais, quase o dobro do contabilizado no início do ano - 9,6 milhões - também houve um crescimento de 30% na base de assinantes pós-pagos. O ARPU - receita média mensal por usuário - ficou em R$ 21,09, mantendo a média dos últimos quatro trimestres.

Outro dado comemorado pela TIM foi o baixo subsídio para os terminais celulares - que em 2010, representaram R$ 290 milhões, e em 2011, ficou praticamente em zero. Ainda assim, a base de clientes com smartphones está em 27% - em janeiro de 2011 era de apenas 10%.

E, ao falar do mercado nacional, Luciani destacou que os resultados da TIM a distanciam cada vez mais da terceira colocada - Claro, da América Móvil, com quem travou uma árdua batalha pela segunda colocação nos últimos tempos - e a aproximam da Vivo, que lidera o ranking.

Resultados

A TIM obteve lucro líquido de RS 405 milhões no quarto trimestre de 2011, com queda acima de 78% em relação a igual período de 2010, quando registrou R$ 1,8 bilhão, impactado pelo efeito de crédito fiscal e pelo ganho com variação cambial sobre a dívida.

No ano, o lucro chegou a R$ 1,2 bilhão, aumento de 65,4% em comparação com R$ 777 milhões (orgânicos) em 2010. A receita líquida total alcançou R$ 4,6 bilhões no trimestre, um aumento de 19,4%. A receita líquida com serviços apresentou um crescimento anual de 16,8% chegando a R$4,2 bilhões. No ano, a receita líquida passou de R$ 17 bilhões, 18% que os R$ 14,4 bilhões de 2010.

O Ebitda (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) alcançou R$1,3 bilhão em 4T11, representando uma expansão de R$104 milhões sobre 4T10 (ou +8,7%). A margem Ebitda no quarto trimestre ficou em 27,8% em 4T11, uma diminuição em comparação com os 30,6% em 4T10. A redução anual é em grande parte explicada pelo aumento na venda de aparelhos que diluiu a margem Ebitda.

A base total de assinantes da companhia encerrou o quarto trimestre com 64,1 milhões de linhas, 25,6% a mais quando comparada a 4T10, representando um market share de 26,5%. As adições líquidas totais em 4T11 chegaram a 4,9 milhões de linhas, assumindo a liderança no trimestre com 32,7% do market share adicional e 43% se comparado a dezembro somente.

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 


:: Leia também:

:: 19/09/2014 16:00
Chinês Alibaba bate Amazon e Facebook e vale US$ 230 bilhões

:: 19/09/2014 11:51
Telefônica tenta acordo com Anatel sobre oferta clandestina de serviço

:: 18/09/2014 18:26
Claro pede que Nextel não tenha vantagens de empresa sem poder de mercado

:: 18/09/2014 18:16
De olho no 5G, Anatel recua em ‘backhaul sem fio’

:: 18/09/2014 11:56
Computador com Internet é luxo equivalente a ter carro no Brasil

:: 17/09/2014 20:30
STF derruba cobrança do ICMS nas compras online por Estados não produtores

:: 17/09/2014 15:51
TV paga: 'Gatonet' causou prejuízo de R$ 1,8 bilhão

:: 17/09/2014 14:37
TIM desmente interesse da Telecom Italia na Oi

:: 15/09/2014 17:35
Nextel Brasil diz não fazer parte da reestruturação judicial da NII Holdings

:: 15/09/2014 13:05
Se faltar dinheiro, teles cobrem transição da TV digital, diz Anatel




Outras matérias desta seção:

ANTERIOR
Teles querem lei federal e recursos do Fistel para ERBs

PRÓXIMA
SindiTelebrasil: Leis estaduais impedirão rede 4G antes da Copa de 2014




Veja a segunda edição da revista digital Alianza Latinoamericana de Medios TIC Alianza Latinoamericana
de Medios TIC . nº 2


Nesta segunda edição, tratamos de um tema que está na lista de prioridade dos gestores de TI: o BIG DATA

A Revista Alianza é fruto de uma aliança editorial entre os veículos InversorLatam, portal Convergência Digital e Evaluamos, da Colômbia. Nosso compromisso é retratar os pontos mais importantes de Telecom e TI na América Latina.

Clique aqui para ver outras edições

Telefônica tenta acordo com Anatel sobre oferta clandestina de serviço
:: 19/09/2014 :: Telecom

Processo trata da então subsidiária ATelecom, que, segundo a agência, servia como fachada para burlar a competição no mercado corporativo


Claro pede que Nextel não tenha vantagens de empresa sem poder de mercado
:: 18/09/2014 :: Telecom

Anatel indica negar o pleito e manter a caçula das móveis com os benefícios da regulação assimétrica, mas vai estudar a revisão – ou mesmo eliminação – de alguns dos pontos previstos no Plano Geral de Metas de Competição.


De olho no 5G, Anatel recua em ‘backhaul sem fio’
:: 18/09/2014 :: Telecom

Agência avalia o uso das faixas de 71 a 76 GHz e de 81 a 86 GHz, usada principalmente para conexões sem fio de alta velocidade em cidades grandes, para evitar os custos de implantação de redes fixas. Mas o potencial uso da mesma frequência no 5G adiou a decisão.


TIM desmente interesse da Telecom Italia na Oi
:: 17/09/2014 :: Telecom

Em comunicado à CVM, operadora tenta minimizar os rumores do mercado que dariam conta de uma contraproposta da Telecom Italia, sua controladora, para ficar com a Oi. No final de agosto, a Oi contratou o BTG Pactual para tentar formalizar uma proposta pelo controle da TIM Brasil.




Leilão 4G: Entrega das propostas mantida para esta terça-feira, 23/09

Serão licitados quatro blocos nacionais - três de 10MHz e um, excluindo as áreas de prestação da CTBC e Sercomtel.

» Brasil fica atrás no uso do banco móvel na América Latina


A TV está morrendo!
:: Por Eduardo Prado

Cobertura em vídeo do Convergência Digital

Veja as coberturas especiais do Convergência Digital







Convergência Digital no Facebook Convergência Digital no Twitter RSS do Convergência Digital Newsletters do Convergência Digital
Copyright © 2014 Convergência Digital
Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.
Este Sítio Web é acessível via IPv6!