Cloud ComputingConvergência Digital
Merck adota nuvem para oferecer informações a médicos

Convergência Digital - Hotsite Cloud Computing
:: Fábio Barros :: 10/01/2012

A MSD, resultado da fusão entre os laboratórios Merck Sharp & Dohme com a Schering-Plough, colocou no ar uma iniciativa de colaboração baseada em nuvem: é a MSD InteracTV, plataforma de compartilhamento de vídeos destinada a médicos que mantém relacionamento com a companhia.

Paulo Amaral, líder da área de marketing multicanal da MSD, explica que, após a fusão, a empresa sentiu a necessidade de estabelecer diálogos com seus mais diversos públicos, entre eles os médicos. “Fizemos uma pesquisa e descobrimos que a maioria dos médicos prefere receber informações em vídeo”, explica.

Com a constatação, a empresa decidiu criar uma plataforma onde pudesse disponibilizar para este público o conteúdo de congressos técnicos. A justificativa é que este material era de difícil recuperação, ao mesmo tempo em que gerava grande demanda. Com a plataforma InteracTV, os médicos agora têm acesso a este conteúdo, podendo pesquisar por tema, autor ou edição do evento. “Também incluímos uma funcionalidade que permite a busca de conteúdo dentro do vídeo. Isto porque, muitas vezes, o conteúdo da busca é bastante específico”, explica Amaral.

A solução fica hospedada na nuvem da Amazon Web Services (AWS), e há bons motivos para isso. “Primeiro, não precisamos investir em uma estrutura específica para esta ferramenta, o que talvez inviabilizasse sua criação”, diz Amaral. O executivo lembra também que, com o uso da nuvem, está eliminada a preocupação com picos de demanda e com a estrutura disponível para eles. “Não me preocupo com capital ou estrutura, apenas com o conteúdo”, conclui.

Enviar por e-mail   ...   Imprimir texto
 

 Matérias relacionadas com o assunto Cloud Computing  

:: 25/02/2015 16:59
Cloud é foco da Interactive Intelligence na América Latina

:: 23/02/2015 09:33
Nokia usa potencial do rádio em solução de cloud

:: 11/02/2015 17:52
EMC: Nuvem não é uma solução mágica

:: 10/02/2015 16:14
Big data: para não doer no bolso e na alma

:: 09/02/2015 14:05
Falta maturidade e apenas 10% das empresas brasileiras adotam o big data

:: 06/02/2015 16:36
Santander entra na briga pelo serviço na nuvem

:: 05/02/2015 12:33
SaaS: mudar agora ou morrer

:: 02/02/2015 17:03
Cloud: preço baixo não é mais prioridade nº1

:: 27/01/2015 16:43
Nuvem foi a cura para solução de e-mail da Rede D´Or

:: 23/01/2015 11:28
Colégio Bandeirantes usa a nuvem para armazenar 16 terabytes

Opinião
Aumenta pressão na América Latina por uma rede melhor para a nuvem
:: Por Hector Silva*


VídeosMais vídeos




Destaques

Big data puxa projeto de Internet das Coisas no Brasil

Mesmo com a preferência dos CIOs pela nuvem privada, a nuvem pública deverá crescer 50% esse ano. A compra de dispositivos móveis representará cerca de 45% dos investimentos de TI.


Interoperabilidade entre nuvens desafia gestores de TI

Pesquisa revela ainda que a nuvem pública não está nas prioridades de investimentos.


Nuvem híbrida: Empresas brasileiras se revelam ainda confusas

Tendência está na lista de prioridades, mas a maioria não tem uma estratégia para a implementação.


Cientista de dados: se você tem um, cuide dele com cuidado

Especialista será um dos mais demandados em 2015 pelas empresas no Brasil.


Sem big data, não há inovação, frisam empresários no Brasil

Pesquisa da GE mostra que 77% dos empresários consideram essencial fazer análise de dados .


Copyright © 2005-2015 Convergência Digital            Todos os direitos reservados.            É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.