Clicky

GOVERNO

Justiça mantém liminar que suspende venda do Ceitec e manda governo esperar TCU

Luís Osvaldo Grossmann ... 22/01/2021 ... Convergência Digital

A Justiça Federal rejeitou recurso do governo federal e manteve a decisão liminar que suspendeu o processo de liquidação do Centro Nacional de Tecnologia Avançada, Ceitec. Para a 3ª Vara Federal de Porto Alegre, diferente do que alega a União, o Tribunal de Contas da União não deu palavra final sobre legalidade da liquidação da estatal do chip. 

“Ao contrário do que afirma o ente público na sua manifestação, não se trata de decisão conclusiva do Tribunal de Contas da União acerca do processo de desestatização do Centro Nacional de Tecnologia Eletrônica Avançada S.A. – Ceitec”, diz a juíza federal, Maria Isabel Pezzi Klein, na nova decisão. 

Como reforçou, “os argumentos expendidos no pedido de reconsideração, não infirmam os fundamentos da decisão proferida, ao contrário, os confirmam, na medida em que restou comprovado que não há decisão definitiva do TCU acerca do processo de desestatização do Ceitec”.

O novo despacho é de 20/1. Uma semana antes, a juíza federal acatara os argumentos trazidos em Ação Civil Pública para suspender a realização de uma assembleia extraordinária no Ceitec, na qual seria nomeado o liquidante da estatal do chip. 

Aquela decisão sustentou que “a iminente liquidação da entidade é ato potencialmente lesivo ao patrimônio público, que merece acurada análise pelo Poder Judiciário”. Para essa acurada análise, apontou ainda na mesma decisão, cabe ao governo aguardar a análise do caso pelo TCU. 


Simples de março, abril e maio é prorrogado para segundo semestre

Recolhimento poderá ser feito a partir de julho, com opção de pagamento em duas parcelas. 

Transformação digital: Atenção do governo ao risco de digitalizar a burocracia

“A meta é digitalizar 100% dos serviços, mas o desafio é não fazer mera transposição do que existe para o digital”, afirma o secretário adjunto de governo digital, Ciro Avelino. 

Sobram candidatos e faltam cadeiras para TICs no Conselho Nacional de Proteção de Dados

Além de três das grandes entidades empresariais de tecnologia da informação, ABES, Assespro e Brasscom, os dois assentos setoriais são disputados pela Abert, Sebrae e bureaus de crédito. Pelo menos. 

Identidade Nacional vai funcionar como carteira digital

Governo e TSE formalizam acordo para fazer o Documento Nacional de Identificação (DNI) por meio da troca de dados.  A identidade digital será gerada por um aplicativo gratuito, que pode ser utilizado em smartphones e tablets com sistemas Android e iOS, a ser ofertado pelo governo federal.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G