Clicky

INOVAÇÃO

Huawei: setor elétrico tem de priorizar cibersegurança para evitar apagões

Da redação do 5x5 TecSummit ... 09/12/2020 ... Convergência Digital

O gerente de Produto para Energia da Huawei, Flávio Hott, ressaltou, durante apresentação no 5×5 TEC Summit, nesta quarta-feira, 09/12, que o setor elétrico deve priorizar cibersegurança para evitar ‘apagões’, numa referência à falta de energia por dias que ocorreu no Estado do Amapá. E explicou ainda como as inovações em redes inteligentes proporcionam avanços no desempenho operacional.  A visão da Huawei, segundo ele, é investir em um ambiente de redes smart com 4G e futuramente com o 5G, cujo leilão de frequências está previsto para o final do primeiro semestre de 2021.

O gerente destacou que hoje o mercado exige basicamente a transmissão e subestações inteligentes. “São os que mais demandam quando se tem um ambiente de subestação não conectado. Sem dúvidas, temos perdas quanto à localização de falhas e quanto à segurança”, comentou.

Segundo o executivo, as redes inteligentes estão relacionadas à forma de consumo e geração de energia que sofreram mudanças. “E quando a gente consegue fazer essa convergência entre os pilares de transmissão, transformação, distribuição e o consumidor, temos um ambiente de redes inteligentes”, esclareceu.

Hott destacou a necessidade de foco maior nesse temas diante dos últimos acontecimentos no setor elétrico.  “Principalmente diante dessa evolução onde todos os elementos de emissão crítica e não crítica e, falando de IoT conectando todas as coisas, o elemento segurança será bastante necessário”, avaliou.

O 5×5 TecSummit, evento organizado pelo Convergência Digital, Mobile Time, Tele.Síntese, Teletime e TI Inside, vai até o dia 11 de dezembro. Amanhã, no dia, 10, a vertical em debate será finanças. O evento  encerra no dia 11, com uma discussão sobre o impacto da indústria de entretenimento no Brasil. Inscreva-se gratuitamente  e assista as verticais já realizadas - Governo, Saúde e Energia.


Cloud Computing
Empresas usam, em média, 664 aplicativos em nuvem

Dado é de pesquisa global feita pela Netskope, em epresas com 500 a 2000 mil funcionários. O levantamento mostra ainda que o volume de documentos maliciosos do Microsoft Office aumentou 58%, em arquivos do Office como cavalos de Tróia (Trojans).

Lei de Informática: governo faz ajustes que facilitam incentivos à pesquisa

Decreto recupera contabilização de dispêndios até março do ano seguinte e permite regime distinto, trimestral ou anual, por diferentes unidades do mesmo grupo. 

Câmara aprova marco legal das startups

Entre as inovações, empresas iniciantes poderão ser beneficiadas por regras diferenciadas de agências regulatórias como a Anatel. Texto vai ao Senado.

Ericsson processa Samsung por patentes em briga de até R$ 900 milhões

Impacto faz parte da projeção da fabricante sueca no lucro com royaltes que pode deixar de receber no trimestre.  Essa não é a primeira batalha entre as empresas. Em 2012, a Samsung pagou US$ 650 milhões à Ericsson.

Huawei: setor elétrico tem de priorizar cibersegurança para evitar apagões

Flávio Hott, gerente de produto para Energia da fabricante, disse ainda que smart grids em 4G, e depois no 5G, são investimentos efetivos para melhorar o desempenho operacional das redes.

Copel vai investir R$ 3,5 bi em redes inteligentes

Presidente da estatal, Daniel Slaviero, prevê também a chegada da compra direta de energia pelo consumidor até por celular, como ocorre na Europa. A partir de 02 de janeiro, começa a instalação dos medidores inteligentes em 450 mil unidades.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G