Clicky

SEGURANÇA

Falha de hardware em supercomputador atrasa apuração da eleição 2020

Ana Paula Lobo* ... 15/11/2020 ... Convergência Digital

A lentidão constatada na apuração dos votos das eleições municipais deste domingo, 15/11, aconteceu porque houve uma falha de hardware no supercomputador do Tribunal Superior Eleitoral, afirmou em coletiva à imprensa, o presidente do TSE, Luís Roberto Barroso.

"Foi um problema técnico e não há nenhuma relação com o ataque DDoS. Foi uma falha no núcleo do processador do supercomputador. O problema já foi reparado", garantiu, sem porém, abrir maiores detalhes sobre a infraestrutura de TI utilizada.

Segundo ainda Barroso, os 'dados dos tribunais regionais eleitorais de mais de 400 mil seções no País chegaram de forma normal ao TSE e a falha foi no próprio TSE'. "Nós somos os responsáveis pela lentidão do processo. Foi um problema de hardware", adicionou o presidente do TSE, que não revelou o nome do fornecedor do equipamento que deu problema.

O atraso mais evidente é o da apuração de São Paulo, onde o candidato do PSOL, Guilherme Boulos, aparece na pesquisa de boca de urna como o rival de Bruno Covas, do PSDB, no segundo turno eleitoral. Barroso não explicou porque os TREs, que etão com o sistema em dia, não podem fazer a divulgação dos seus dados.







Vazamento de dados: Procon/SP diz que Serasa segue com respostas insuficientes

Ao complementar as informações solicitadas pela entidade de Defesa do Consumidor, a Serasa apresentou um paraecer técnico de empresa especializada de que os sistemas da empresa são seguros. Mas o Procon/SP diz que as respostas foram incompletas e pouco esclarecedoras.

Vazamento de dados: Sigilo prepara ação contra as teles e diz que disputa com Serasa não acabou

Instituto vai recorrer da decisão que desobrigou a Serasa a comunicar vazamentos."Não queremos demonizar ninguém, mas vazamentos geram desconfiança", diz o presidente, Victor Gonçalves.

DPO corre risco de ser punido por megavazamentos com base no Código do Consumidor

Ao participar de evento da associação nacional de encarregados de dados, ANPPD, a advogada Patricia Peck advertiu que a ANPD não tem a exclusividade para aplicar sanções. “o Código do Consumidor traz como crime não informar sobre dados tratados ou correções”.

Abranet: Notificação de incidentes de segurança à ANPD apenas em casos de alta relevância

Entidade sugere que os incidentes de segurança só devam ser notificados se envolver, por exemplo, informações que correspondam a mmais de 50% da base de dados.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G