Clicky

TIM adverte que possível banimento da Huawei só poderia acontecer no 5G

Ana Paula Lobo ... 04/11/2020 ... Convergência Digital

"É importante organizar o futuro e não reorganizar o passado", definiu, em teleconferência de resultados do terceiro trimestre, realizada nesta quarta-feira, 04/11,  o VP de Assuntos Regulatórios e Institucionais da TIM Brasil, Mario Girasole, ao falar sobre um possível banimento da Huawei no Brasil, por conta da ligação do governo Bolsonaro ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que disputa a reeleição por mais quatro anos. Não há, até agora, nenhum posicionamento oficial do governo brasileiro com relação à questão,mas é fato que Bolsonaro tem forte ligação com Trump, que faz lobby contra a fabricante chinesa. Para a TIM Brasil, a solução para evitar qualquer dano à arquitetura do 5G  é investir no OpenRAN.

"Nenhum país vai desmontar o passado porque teria um custo muito elevado aos consumidores e ao mercado. A conectividade se tornou essencial com a Covid-19 e não há como correr risco por qualquer situação que se desenhe", adicionou o presidente da TIM Brasil, Pietro Labriola, que também saiu em defesa ao OpenRAN standalone como a melhor possibilidade de futuro no 5G. Para a TIM, a melhor solução seria a 'industrial', ou seja, deixar os atores, no caso as operadoras decidirem o melhor para os seus negócios.

O posicionamento pelo OpenRAN corrobora a afirmação do CFO, Adrian Calaza, sobre uma mudança na estratégia de investimentos no Brasil por conta do 5G. O executivo disse não vislumbrar reordenamentos no CAPEX em 2021 e muito provavelmente em 2022, até em função do momento da economia mundial e o impacto da Covid-19.

A TIM, aliás, reduziu o investimento no terceiro trimestre de 2020, aportando R$ 850 milhões, e centrando os esforços na banda larga fixa, com a TIM Live. No consumo móvel, onde a TIM teve uma performance negativa com a menor adição de assinantes diante das rivais, a TIM observa que houve uma mudança de perfil, com a redução do uso da rede móvel e o maior uso do Wi-Fi.

No balanço financeiro do terceiro trimestre, a TIM registrou queda no lucro, mas o operacional foi considerado positivo, a partir da gradual flexibilização do isolamento social. O lucro líquido teve uma queda de 20,9%, registrando R$ 390 milhões. Mas o resultado operacional da empresa medido pelo lucro antes de impostos, juros, amortização e depreciação (Ebitda, na sigla em inglês) somou 2,07 bilhões de reais. A receita líquida da TIM cresceu 1,2%, para 4,387 bilhões de reais.

Em setembro, a TIM fechou o mês com 51,16 milhões de clientes, queda de 6,2% em 12 meses. A retração foi explicada como estratégia de 'limpeza de base' para a concentração nos clientes mais rentáveis tanto no pós-pago como no pré-pago. "Não basta adicionar assinantes, precisamos gerar valor, aumentar o ARPU e as recargas no pré-pago. Asseguro que outubro será o melhor mês do ano da TIM no Brasil diante das ações que fizemos", afirmou o presidente da TIM Brasil, Pietro Labriola.


Internet Móvel 3G 4G
Governo e teles negociam um piloto 5G standalone

O anúncio foi feito pelo ministro das Comunicações, Fábio Faria. Segundo ele, seriam 20 pontos em todo o Brasil e outros ministérios participariam como o da Agricultura e o de Infraestrutura. "Queremos testar antes mesmo do leilão como funciona o 5G standalone. As negociações estão em andamento", disse.

Wi-Fi 6E Brasil 2021 - Cobertura especial - Editora ConvergenciaDigital

Ganho global com Wi-Fi e Wi-Fi 6E chega a R$ 26 trilhões até 2025

Estudo destaca que o uso total da faixa de 6 GHz, com 1200 MHz para sistemas não licenciadas servirá como condutor de crescimento a taxas anuais de 150%. Também será essencial para o impulso da Internet das Coisas.

Veja mais matérias deste especial    •    Inscrição gratuita - Clique aqui

CVM cobra Telebras que anuncia renovação por 10 anos de contrato com Eletrobras

Acordo vale para o uso de fibras óticas e infraestrutura de telecomunicações com a Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf), Centrais Elétricas do Norte do Brasil S/A (Eletronorte) e Furnas Centrais Elétricas S/A (Furnas). Estatal teve movimentação atípica de ações.

Minicom: “Queremos o 5G standalone, que é o 5G de verdade, não um 4G plus”

Ao concluir viagem à Europa e Ásia para falar com fabricantes de equipamentos, o ministro das Comunicações, Fabio Faria, avisou que o governo também defende a exigência do release 16 do 3GPP no leilão da quinta geração. 

Claro e Vivo se isolam contra a exigência do 5G pleno

TIM, provedores regionais, pequenos prestadores e operadoras competitivas reforçaram aos parlamentares que 5G pleno não custa mais nem atrasa implementação no Brasil.

Anatel publica regras para fim das concessões de telefonia

Regulamento de Adaptação do STFC traz prazos e procedimentos para Oi, Telefônica, Claro, Algar e Sercomtel decidirem sobre a migração do regime público para privado. 




  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G