Clicky

NEGÓCIOS

Em primeiro dia de teste, PIX tem 1,5 mil transações e 60 milhões cadastrados

Convergência Digital* ... 03/11/2020 ... Convergência Digital

O PIX, sistema instantâneo de pagamentos no Brasil, superou 60 milhões de chaves registradas, afirmou o chefe-adjunto do Departamento de Competição e de Estrutura do Mercado Financeiro do Banco Central, Carlos Eduardo Brandt, nesta terça-feira, 3/11. 

De acordo com Brandt, ainda nesta terça, das 9h às 17h, o BC registrou 1.570 transações por meio do PIX, no primeiro dia de operações limitadas da modalidade pelas instituições financeiras e clientes selecionados. Segundo ele, o valor médio por transação foi de R$ 90. A primeira fase do PIX, de operação restrita, iniciou-se nesta manhã e vai até domingo, 8.

Nesse período, as instituições financeiras poderão permitir que de 1% a 5% dos seus clientes operem por meio do sistema. A partir de segunda-feira, as instituições poderão elevar gradualmente a base de usuários na plataforma. O início operacional pleno do PIX ocorrerá em 16 de novembro.

Um dos principais projetos do BC para incentivar maior competição entre as instituições financeiras, o PIX permite que pessoas façam transferências bancárias 24 horas por dia nos 365 dias do ano.


Intelsat contrata e abre centro de suporte a clientes no Brasil

Para o centro brasileiro, localizado no Rio de Janeiro, a empresa de satélite contratou 10 funcionários, que serão responsáveis pelo atendimento a clientes no país e em toda a América Latina.

Competitividade: o mantra do Brasil no jogo da economia digital

Em entrevista à CDTV, o executivo falou sobre os três objetivos estratégicos para 2021: reforma tributária digna para desonerar o emprego; formação de talento e medidas para garantir o uso intensivo de dados.

Produção setorial de TIC foi de R$ 506,5 bilhões em 2020

Apesar da crise econômica agravada pela Covid-19, o setor de TI e Comunicação cresceu 2.4% no ano passado, de acordo com dados da Brasscom. O segmento de software e serviços gerou R$ 216,1 bilhões, com crescimento de 5,1% e o de telecom, R$ 240,5 bilhões, mas com uma queda de 0,4%. Setor respondeu por 6,8% do PIB nacional.

Software brasileiro tem futuro ameaçado por falta de pessoas qualificadas

"O Brasil não tem de ser um celeiro de mão de obra, um BPO. Temos de fazer tecnologia. Mas falta política pública. Em 20 anos, nada aconteceu", lamenta o CEO da Plusoft, Solemar Andrade.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G