Clicky

INOVAÇÃO

FCA e TIM anunciam carro conectado no Brasil para primeiros meses de 2021

Ana Paula Lobo ... 28/10/2020 ... Convergência Digital

A Fiat Chrysler Automóveis (FCA) e a TIM Brasil prometem para os primeiros meses de 2021 ter uma plataforma de carro conectado embarcada nos veículos das marcas Fiat, Jeep e Ram. Os veículos vão usar o eSIM, chip virtual para acesso a Wi-Fi nativo a bordo, com conexão 4G e também com conexão à rede NBIOT, voltada à internet das coisas.

"Não estamos fazendo um M2M, uma comunicação de máquinas, ou criando um hotspot Wi-Fi. Vamos ter um sistema muito similar ao celular embarcado nos veículos. E a escolha da TIM aconteceu pela sua cobertura nacional no 4G. Temos que garantir conectividade e qualidade", afirmou em coletiva de imprensa, o CIO da FCA para a América Latina, André Souza Ferreira. Ele revelou que outras operadoras foram testadas no Brasil, mas somente a TIM apresentou a plataforma desejada e em conformidade com a iniciativa global da FCA.

Na prática, os carros conectados vão viabilizar uma comunicação em tempo real do carro com uo usuário, com a FCA e com ma rede de concessionária. Também há outros serviços como dar a partida remotamente no veículo e acionar o ar-condicionado ou o aquecedor para garantir a temperatura interna ideal antes mesmo da entrada no carro. "Teremos uma plataforma com mais de 30 serviços para o cliente. Nossa ideia é fazer o carro um dispositivo como o é o smartphone e o tablet", adicionou Ferreira.

Sobre o 5G, a FCA diz que, no momento, ela é testada fora do Brasil - na Europa e na Ásia já existem serviços comerciais de 5G, mas que aqui é preciso aguardar o leilão e as ofertas das operadoras, por meio do uso eficiente do espectro do 4G, como o 5G DSS. "Não estamos falando de 5G agora. O 4G nos atende plenamente para o carro conectado. O 5G eu penso no carro autonômo", explicou o CIO da FCA.

Em dezembro do ano passado, André Souza revelou, em coletiva de imprensa, que havia a avaliação de replicar o modelo europeu - com o contratação de uma MVNO para o serviço- ou a contratação de uma operadora, o que terminou sendo a opção tomada. No mesmo evento, a FCA anunciou uma parceria com a Visa para a construção de uma solução de meio de pagamento que possa usar o carro como plataforma. Na entrevista de hoje, Ferreira reforçou a parceria com a Visa, mas não adiantou detalhes da evolução do processo. "Mas queremos um ecossistema de parceiros. Insisto: o carro conectado será uma plataforma como o é hoje o smartphone."

Para o Chief Revenue Officer da TIM Brasil, Alberto Griselli, ser a operadora escolhida pela FCA comprova a eficiência dos investimentos feitos em ter cobertura 4G, até agora, em 3500 municípios. "Queremos oferecer conectividade e serviços agregados. Ter novos modelos de negócios para oferecer ao usuário", frisou. André Souza Ferreira, no entanto, preferiu não adiantar os modelos e os preços que serão cobrados dos donos dos automóveis pelos serviços. "Ainda estamos fazendo esse trabalho. Mas tenho convicção que o dono de um automóvel vai querer ter o serviço disponível. O digital é a realidade", completou.


Fintech nacional de meio de pagamento recebe aporte de R$ 90 milhões

A Hash recebeu aporte liderado pelo fundo QED Investor. O montante será aplicado para escalar a infraestrutura de pagamentos, possibilitando o processamento de mais de R$ 1,5 bilhão ainda este ano.

EMBRAPII e FIESP incentivam projetos inovadores de startups

Iniciativas podem envolver áreas, entre outras, como Inteligência Artificial, Mobilidade, Bioeconomia, Grafeno, Biofármacos e Manufatura 4.0.

Lei de Informática permitiu ao Brasil ter maior infraestrutura de IA na América Latina

Instituto de Ciência e Tecnologia SiDi, Samsung, NVIDIA Enterprise e Pure Storage são responsáveis pelo primeiro supercomputador do país. Máquina tem capacidade de fornecer 125 petaflops, o que significam dois milhões de notebooks trabalhando em conjunto para realizar tarefa similar. Instituto SIDI abre vagas para contratar profissionais de TI.

Transformação digital: um movimento com vencedores e perdedores

A afirmação é do cofundador da Decoupling.co, Thales Teixeira, sobre a digitalização do mundo acelerada pela Covid-19. Para o especialista, 2025 já chegou e exige uma readequação imediata das empresas por sobrevivência.

Governo destinou quase R$ 100 milhões para projetos de cidades inteligentes

O secretário Nacional de Mobilidade e Desenvolvimento Regional e Urbano, Tiago Queiroz, disse que há projetos especiais como o água 4.0 e saúde 4.0. A deputada federal do PP/SC, Angela Amin, reforçou que as pessoas são a síntese das cidades inteligentes e é preciso um esforço para capacitar gestores públicos municipais e estaduais.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G