Clicky

INOVAÇÃO

Robôs vão eliminar 85 milhões de empregos em 26 países, Brasil entre eles

Luís Osvaldo Grossmann ... 21/10/2020 ... Convergência Digital

A Covid-19 acelerou o processo de substituição de humanos por robôs, indica o relatório O Futuro dos Empregos 2020, divulgado nesta quarta, 21/10, pelo Fórum Econômico Mundial. Segundo o estudo, o crescimento da automação vai implicar na perda de mais de 85 milhões de empregos nos 26 países pesquisados, o Brasil entre eles, até 2025. 

A pesquisa aponta que mais de 80% dos executivos estão acelerando os planos para digitalizar processos de trabalho e implantar novas tecnologias; e 50% dos empregadores esperam acelerar a automação de algumas funções em suas empresas – percentuais que no caso do Brasil são ainda maiores, de 92% e 68%, respectivamente.

Cerca de 43% das empresas pesquisadas indicam que estão decididas a reduzir a força de trabalho devido à integração de tecnologia, 41% planejam expandir seu uso de contratados para trabalho especializado em tarefas e 34% planejam expandir sua força de trabalho devido à integração de tecnologia. 

Como resultado dessa dinâmica, em 2025 o tempo de trabalho realizado por máquinas será quase o mesmo do despendido por humanos – se em 2020 a proporção é de 33% máquinas, 67% gente, em 2025 será 47% e 53%, respectivamente. As máquinas serão focadas principalmente no processamento de informações e dados, tarefas administrativas e trabalhos manuais de rotina.

Por outro lado, 97 milhões de novas oportunidades emergirão na economia de cuidados, nas indústrias de tecnologia da quarta revolução industrial, como inteligência artificial, e nos campos de criação de conteúdo. “As tarefas em que os humanos devem reter sua vantagem comparativa incluem gerenciamento, aconselhamento, tomada de decisão, raciocínio, comunicação e interação. Haverá um aumento na demanda por trabalhadores que possam preencher vagas na economia verde, funções na vanguarda da economia de dados e inteligência artificial, bem como novas funções em engenharia, computação em nuvem e desenvolvimento de produtos”, diz o relatório.

Em demanda crescente estão funções como analistas e cientistas de dados, especialistas em IA e aprendizado de máquina, engenheiros de robótica, desenvolvedores de software e aplicativos, bem como especialistas em transformação digital, em automação de processos, em internet das coisas e analistas de segurança da informação. 

Por outro lado, escriturários, secretários administrativos e executivos, contadores e auditores, montadores e operários de fábrica, bem como gerentes de serviços comerciais e administrativos envolvem tarefas que tipicamente serão substituídas por máquinas. Segundo a FEM, praticamente 50% dos trabalhadores precisarão de requalificação ao longo dos próximos cinco anos.


Cloud Computing
CSC Brasil vira QADS e investe em conselho de notáveis em TI

Comprada pela Qintess no ano passado, a ex-CSC Brasil, agora QADS, montou conselho consultivo com nomes fortes da tecnologia no Brasil, entre eles, um dos responsáveis pela Internet comercial no país, Ivan Moura Campos.

Câmara aprova marco legal das startups

Entre as inovações, empresas iniciantes poderão ser beneficiadas por regras diferenciadas de agências regulatórias como a Anatel. Texto vai ao Senado.

Ericsson processa Samsung por patentes em briga de até R$ 900 milhões

Impacto faz parte da projeção da fabricante sueca no lucro com royaltes que pode deixar de receber no trimestre.  Essa não é a primeira batalha entre as empresas. Em 2012, a Samsung pagou US$ 650 milhões à Ericsson.

Huawei: setor elétrico tem de priorizar cibersegurança para evitar apagões

Flávio Hott, gerente de produto para Energia da fabricante, disse ainda que smart grids em 4G, e depois no 5G, são investimentos efetivos para melhorar o desempenho operacional das redes.

Copel vai investir R$ 3,5 bi em redes inteligentes

Presidente da estatal, Daniel Slaviero, prevê também a chegada da compra direta de energia pelo consumidor até por celular, como ocorre na Europa. A partir de 02 de janeiro, começa a instalação dos medidores inteligentes em 450 mil unidades.

Dynatrace: Na saúde, o software tem de ser perfeito para garantir a jornada digital

A saúde digital aumenta a complexidade dos ambientes internos de TI, observou Marco Aurelio Silva, territory manager da Dynatrace, ao participar do 5X5 TecSummit.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • O Portal Convergência Digital é um produto da editora APM LOBO COMUNICAÇÃO EDITORIAL LTDA - CNPJ: 07372418/0001-79
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G