Clicky

Convergência Digital - Home

Dataprev corre para ficar no jogo da computação em nuvem

Convergência Digital
Ana Paula Lobo* - 08/10/2020

A Dataprev não quer ficar fora do jogo da computação em nuvem e promove a GovCloud, a sua plataforma concebida para atender aos órgãos do governo. De acordo com a estatal de TI, os serviços ofertados na GovCloud são similares aos dos rivais Amazon, Microsoft, Google, IBM, entre outras. A plataforma, além de permitir a administração do parque virtual por meio de monitoramento de consumo de recursos, também oferta Infraestrutura como Serviço, Plataforma como Serviço e Software como Serviço.

“Nossa missão diária é oferecer segurança e agilidade aos sistemas que disponibilizam benefícios à população. Frequentemente, a Dataprev amplia a qualidade do processamento e tratamento de grandes volumes de dados. É um esforço que temos feito para apoiar o avanço e o fortalecimento das políticas estratégicas do Governo Federal no atendimento direto ao cidadão”, destaca o presidente da Dataprev, Gustavo Canuto.

De acordo com a Dataprev, a GovCloud cumpre normativos de segurança da informação para a guarda de dados de segurança nacional e a garantia de armazenamento em território brasileiro, em Data Centers do Governo Federal, já que a Dataprev é uma empresa pública. Os equipamentos estão localizados no Rio de Janeiro, São Paulo e Distrito Federal. Com isso, a GovCloud desonera, com padrões globais, o cliente das atividades de gestão e manutenção de infraestrutura de hardware e facilities. Entre elas estão, por exemplo, consumo de energia elétrica estabilizada 24hx7, climatização, cabeamento, elementos de redes e máquinas x86, entre outros.

“A empresa oferece um ambiente de segurança e infraestrutura diferenciado ao cliente. Além da alta capacidade do parque tecnológico, temos times de infraestrutura (Network Operations Center - NOC e Security Operation Center - SOC) atuando 24 horas por dia nos nossos Data Centers. A infraestrutura de nuvem é um dos pilares de inovação na Estratégia de Governo Digital e com a GovCloud os clientes contam com um serviço eficiente e flexível para modernizar suas soluções”, ressaltou o diretor de Tecnologia e Operações da Dataprev, Thiago Oliveira.

A Dataprev não tem sido lembrada como fornecedora de nuvem para o governo, com o Serpro ganhando mais representatividade ou a contratação de consórcios privados como o a AWS/Embratel. O Ministério da Economia abriu uma nova Intenção de Registro de Preços para a contratação de empresa para prestar serviços de computação em nuvem no modelo de ‘cloud broker’, ou integrador de multinuvem.

A principal diferença da primeira nuvem, que atende 25 órgãos, é que desta vez a aposta é em mais de um fornecedor de serviços de nuvem. O resultado está previsto para ser divulgado em dezembro. Os participantes no processo não foram revelados pelo governo.

*Com informações da Dataprev



Ministério da Justiça escolheu nuvem da Oracle para atender ao consumidor

"A nuvem nos abre um novo catálogo de possibilidades para serviços", afirma o coordenador geral de infraestrutura e serviços do Ministério da Justiça, Leonardo Greco. Serviço consumidor.gov.br migrou para a Oracle no final de maio.

Icatu Seguros: mudar atendimento ao cliente para a nuvem foi decisão irreversível

Seguradora contratou a CXone, da NICE, para migrar, em tempo recorde, os seus funcionários para o trabalho remoto. "Tínhamos de não perder a qualidade e a eficiência e adaptar o serviço ao dia a dia das casas dos colaboradores", conta o diretor de Marketing e canais, Rafael Caetano.

Destaques
Destaques

Brasil investe muito pouco em Inteligência Artificial

O aporte previsto no País é de R$ 70 milhões, muito abaixo, por exemplo do que está sendo feito em países como China, Coreia e Espanha, lamentou o consultor de IA, Eduardo Prado, ao participar do 5x5 TecSummit. Ele advertiu que a transformação digital não acontecerá sem que se mexa nas cabeças das pessoas.

AWS: Nuvem reduz custos em 61% e aumenta eficiência da TI em 74%

O diretor geral da AWS Brasil, Cleber Morais, enfatiza que 2020 foi o ano da disparada na transformação digital e destaca que as instituições financeiras da América Latina estão investindo 76% acima do ano passado em IaaS, PaaS e SaaS. 



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

O desafio de administrar toda a rede a partir da nuvem

Por Ed Solis*

De acordo com a consultoria Omdia, o mercado de redes gerenciadas em nuvem cresce a uma taxa anual composta de 28,7%, com receitas de equipamentos previstas em US$ 5,5 bilhões

Como controlar os gastos em nuvem pública?

Por Srinivasa Raghavan*

Se as empresas obtiverem melhor visibilidade do custo de cada serviço em nuvem que utilizam, poderão encontrar o equilíbrio certo entre eles, reduzir as despesas operacionais e obter o melhor valor possível da nuvem.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site