Clicky

Home - Convergência Digital

Governo chega a 60% de serviços digitalizados

Convergência Digital* - 01/09/2020

O governo brasileiro digitalizou 310 novos serviços durante o período da pandemia de coronavírus. E segundo a Secretaria de Governo Digital, alcançou a marca de 60% dos 3,7 mil serviços existentes que já são totalmente acessíveis por ferramentas digitais. 

“Com a impossibilidade que houve de sair de casa ou receber atendimento presencial em agências do governo, revimos cronogramas de entregas e priorizamos aqueles serviços que, digitalizados, evitariam mais aglomerações e beneficiariam os públicos mais necessitados neste momento", diz o secretário de Governo Digital do Ministério da Economia, Luis Felipe Monteiro.

Alguns dos mais procurados segundo levantamento da SGD são Meu INSS (do Instituto Nacional do Seguro Social), além da carteira de trabalho e da carteira de habilitação digitais. 

Com os serviços digitalizados desde janeiro do ano passado, a economia chega a R$ 2 bilhões. Desse total, R$ 1,5 bilhão é poupado pelo cidadão, que deixa de enfrentar deslocamentos, perda de tempo e dinheiro inclusive com a contratação de despachantes na tentativa de acelerar a solução dos serviços.

* Com informações do Ministério da Economia 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

24/05/2021
Santander adere ao login único do Gov.br

18/05/2021
Governo Digital nacional afirma ter 30% das metas concluídas

17/05/2021
Prova de vida do INSS por selfie exige biometria cadastrada no TSE ou Denatran

03/05/2021
LGPD: cidadão vai controlar dados pessoais pelo portal Gov.br

13/04/2021
Governo chama primeiros 128 temporários para digitalização de serviços públicos

30/03/2021
Lei amplia Governo Digital para estados e municípios e limita novas bases de dados

30/03/2021
Com vetos, Lei de e-Gov amplia dispensa do certificado digital

23/03/2021
Governo prepara compra de robôs para serviços públicos digitalizados

10/03/2021
Governo já tem 4,8 milhões de cadastros com biometria facial no Gov.br

04/03/2021
TCU dá 90 dias para órgãos federais detalharem planos de transformação digital

Destaques
Destaques

IBM: Com 5G e Edge, redes das teles serão plataformas definidas por software

Só assim as operadoras de telecomunicações vão ser capazes de suportar as novas aplicações e terão como monetizar volumes crescentes de dados habilitados para o 5G e edge aponta estudo global da IBM, conta a líder de serviços de consultoria para a indústria de mídia e Telecomunicações da IBM América Latina, Marisol Penante.

GSMA faz ofensiva para reverter decisões a favor do Wi-Fi na faixa de 6GHz

Associação da indústria móvel admite, porém, que os países, na sua maioria, estão decidindo por dar a faixa de 6GHz, com 1200 Mhz, para os serviços não-licenciados, mas adverte: o 5G vai precisar de 2GHz de espectro na próxima década para oferecer todo o seu potencial.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Serviços de Valor Agregado são a aposta das teles para lucrar com 5G

Por Luiz Pereira*

Em tempos nos quais o serviço de conexão já virou commodity, companhias do setor precisam diversificar ofertas para aproveitarem nova tecnologia.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site