Clicky

Convergência Digital - Home

Etice usa Oracle para ser o maior broker de nuvem para setor público

Convergência Digital
Luís Osvaldo Grossmann - 12/08/2020

Nascida com a implantação de uma rede de fibra óptica em todos os municípios do estado, a empresa de tecnologia de informação do Ceará, a Etice, se transformou em uma empresa integradora para oferta de soluções de tecnologia, a começar pela computação em nuvem, com infraestrutura baseada em Oracle. E segundo seu presidente, Adalberto Pessoa, já é a maior do país. 

“A Etice é hoje um marketplace de soluções ao setor público. Usamos a Lei 13.303/16 [Lei das Estatais] para estabelecer parcerias e o setor público nos contrata como broker, como integrador dos serviços. Temos hoje em recursos disponíveis para o setor público contratar mais de R$ 500 milhões. Somos o principal broker para setor público do Brasil”, afirmou Pessoa durante o Oracle Transformation Day sobre setor público realizado nesta terça, 11/8. “Temos um modelo jurídico que permite oferecer serviço a qualquer lugar do Brasil.”

Do lado da infraestrutura, a rede contempla mais de 8 mil km de fibra óptica e alcança os 184 municípios cearenses, conectando mais de 3,5 mil unidades administrativas. Com posição geográfica privilegiada, Fortaleza se tornou um hub global com 14 cabos submarinos conectando o Brasil à África, Europa, América Central, e à costa leste norte americana. Outros quatro cabos estão na fila. Sobre tudo isso, a empresa migrou para a nuvem para oferecer a camada de serviços. 

“A decisão estratégia de migrar para a nuvem foi muito importante. Hoje praticamente toda as secretarias ou já estão em nuvem pública ou privada, a maioria pública, ou estão em processo de migração. Isso é fundamental em uma estratégia de transformação digital no médio e longo prazo. Com essa infraestrutura em nuvem substituindo os antigos datacenters, conseguimos ter uma capacidade de renovação do Estado. Em nuvem podemos modificar as características para tender a constante chegada de novas tecnologias e arquiteturas. Temos que buscar uma infraestrutura capaz de dar flexibilidade e elasticidade na oferta de serviços digitais.Assistam a participação de Adalberto Pessoa no Oracle Transformation Day.


Ministério da Justiça escolheu nuvem da Oracle para atender ao consumidor

"A nuvem nos abre um novo catálogo de possibilidades para serviços", afirma o coordenador geral de infraestrutura e serviços do Ministério da Justiça, Leonardo Greco. Serviço consumidor.gov.br migrou para a Oracle no final de maio.

Icatu Seguros: mudar atendimento ao cliente para a nuvem foi decisão irreversível

Seguradora contratou a CXone, da NICE, para migrar, em tempo recorde, os seus funcionários para o trabalho remoto. "Tínhamos de não perder a qualidade e a eficiência e adaptar o serviço ao dia a dia das casas dos colaboradores", conta o diretor de Marketing e canais, Rafael Caetano.

Destaques
Destaques

Justiça do DF diz que dados em nuvem não têm proteção contra quebra de sigilo

Para o relator do caso, "dados armazenados em nuvem não evidenciam uma comunicação de dados" e, por isso, não estariam protegidos pela legislação. 

"Chegamos para brigar com AWS, Google e Azure na nuvem pública", diz José Nilo, da Huawei

Empresa monta o seu segundo data center no Brasil, em local não revelado por segurança, e diz que vai também aumentar presença na oferta de Kubernetes e contêineres, hoje dominada pela Red Hat, da IBM.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

A Covid-19 e o governo digital

Por Marcos Boaglio*

A digitalização impõe adotar uma cultura de inovação na qual se fomente a experimentação, derrubar barreiras a partir de novos veículos de aquisição e implementar uma classificação de dados moderna, assim como desenvolver capacidades para empoderar os trabalhadores para finalmente aproveitarem as novas tecnologias.

Dados, quem sabe usar, sobrevive. Quem não sabe, fica fora da corrida!

Por Douglas Scheibler*

Se tem algo que não falta para 2021, são perguntas. Quando teremos a vacina eficaz para a Covid-19? Poderemos encerrar o isolamento social? Retomaremos nossas rotinas normais? Tudo isso ainda não tem resposta. Mas o que norteará a tomada de todas estas decisões, além de muitas outras nos ambientes social, empresarial e pessoal, serão dados. E em relação aos dados, já há tendências bem evidentes.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site