SEGURANÇA

Valor médio de resgate em ataques de ransomware saltou para R$ 40 mil

Convergência Digital ... 29/07/2020 ... Convergência Digital

Um levantamento global  feitopelo portal Safety Detectives indica que ataques que sequestram sistemas e exigem resgates, mais conhecidos pelo jargão ‘ransomware’, não apenas continuam ativos como em tendência de dano crescente. A valor pago de resgate, por exemplo, dobrou nos últimos dois anos: em média, passou de US$ 4,3 mil para US$ 8,1 mil – cerca de R$ 40 mil. 

“Se alguns milhares de dólares são insignificantes para grandes empresas, eles podem vir a ser o fim de pequenos negócios que não podem suportar a perda de dados. Hackers tendem a repetir ataques bem sucedidos contra as mesmas vítimas”, aponta o levantamento. 

Até porque, não é incomum que hackers corrompam ou apaguem informações enquanto esperam pelo pagamento. Como resultado, a extorsão digital acaba custando mais caro que o resgate em si. Se a perda de dados é ruim, o tempo sem sistema prejudica o andamento dos negócios e a própria reputação da empresa entre clientes e fornecedores. 

Arábia Saudita, Turquia e China são os países com maior número de incidentes de ransomware relatados no ano passado, mas mesmo onde as mais avançadas tecnologias de segurança estão disponíveis o risco continua. Nos EUA, mais da metade dos negócios (54%) relataram ataques em 2019 – contra os 88%, 74% e 69% dos três primeiros, respectivamente. 

Esse tipo de ataque acontece em qualquer sistema operacional e mesmo populares aplicações de software como serviço (SaaS) estão na mira. Um estudo com diversos provedores de serviço indicou que Dropbox, Office 365, G Suite, Box, e Salesforce tiveram experiência com alguma forma de ataque de ransomware.

“Ransomware é algo relativamente novo e está em constante evolução, com cepas mais sofisticadas aparecendo. No ano passado, o número de novas variantes cresceu 46%. No entanto, ainda vemos a proeminência de ransomware bem conhecidos”, diz o levantamento. O WannaCry, que “estourou” em 2017, ainda é relatado em 49% dos ataques nos Estados Unidos.  


Zoom é isca em 99% dos ataques com ferramentas de ensino online

Segundo levantamento das empresas de segurança Kaspersky, em todo o mundo invasões desse tipo cresceram 20.000%. Brasil é o quinto país mais atacado. 

Ataques de phising crescem 600% na AL. Netflix é o alvo dos hackers

Campanha em nome da OTT se distribui por meio de um e-mail com o assunto "Alerta de notificação". A mensagem informa sobre uma suposta dívida acumulada em nome da vítima que pode levar à suspensão do serviço caso não sejam tomadas medidas rápidas.

Brasil sofreu mais de 2,6 bilhões de ataques cibernéticos no 1º semestre

Configuração incorreta de servidores é o principal responsável pela maior parte das tentativas de invasão, reporta estudo da Fortinet. Cai o número de tentativas de golpes usando a Covid-19.

Prejuízo médio com violação de dados sobe para R$ 5,8 milhões no Brasil

Estudo da IBM mostra que o aumento no valor foi de 10,5% em relação a 2019. O levantamento traz uma advertência: aumentou o prazo para contenção do vazamento nas empresas para 115 dias. Credenciais roubadas ou nuvens com configurações incorretas foram as brechas para as invasões.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G