Para TICs, Reforma Tributária com PIS/Cofins é aumento de imposto e atrapalha 5G

Convergência Digital ... 22/07/2020 ... Convergência Digital

As operadoras de telecomunicações vão buscar o ministro da Economia, Paulo Guedes, para apontar que a proposta de unificação do PIS e da Cofins, com elevação da alíquota para 12%, é ruim para o acesso aos serviços de telecomunicações. 

Segundo o presidente executivo do SindiTelebrasil, Marcos Ferrari, “a proposta poderá implicar aumento de aproximadamente 2 pontos percentuais em uma carga tributária que já é elevada, chegou a 46,7% em 2019, e é a maior tributação de banda larga entre os 20 maiores mercados do mundo”. 

“O SindiTelebrasil precisa avaliar detalhadamente e apresentar as contribuições ao Congresso Nacional, assim como explicar ao Ministro Paulo Guedes que esse aumento dificulta a digitalização e prejudica a implantação do 5G no Brasil”, reforça o sindicato das teles, em nota, distribuída ao mercado nesta quarta-feira, 22/07.

Para o sindicato das operadoras, “a proposta prejudica o consumidor e a expansão do acesso da população aos serviços de telecomunicações, essencial no cotidiano dos brasileiros e para o desenvolvimento econômico, especialmente no momento de retomada pós-pandemia”.

Procurada pelo Convergência Digital, a  Associacao Brasileira das Prestadoras de Servicos de Telecomunicacoes Competitivas, TelComp, se mostrou preocupada com o possível aumento de carga tributária, mas prefere acompanhar o efeito da proposta junto aos seus associados para uma manifestação oficial.

A proposta entregue pelo ministro ao Congresso Nacional teve repercussão negativa no mercado de tecnologia da informação, em especial para o segmento de software e serviços. Isso porque a “reforma tributária” apresentada começa com elevação da carga e deixa a desoneração da folha para depois. Já é certo que haverá uma mobilização contrária à proposta do governo.


Internet Móvel 3G 4G
Proteja os seus dispositivos IoT. A LGPD chegou e pode pesar no bolso

As corporações estão obrigadas a repensar a proteção de dados. Atualizações constantes, trocas de senhas, autenticação em dois fatores são exemplos de medidas básicas que precisam ser massificadas. 

Oi entra na disputa do mercado de marketplaces para consolidar marca de consumo

Plataforma OiPlace chega ao mercado com mais de 3 mil produtos. Tele também incluiu canal ao vivo no Oi Play, a partir da mudança da regra de conteúdo na Internet pela Anatel.

Em três meses, Anatel e PF apreendem mais equipamentos irregulares que em todo 2019

Somente entre julho e setembro deste 2020 foram 243,7 mil equipamentos sem certificação, entre baterias, carregadores, TV boxes, smartwatches e conversores digitais com Wi-Fi.

5G: Teles insistem em filtro nas parabólicas e rejeitam migração da TV

Estudo contratado pelas operadoras diz que mitigação da inferências do 5G nas antenas custaria R$ 224 milhões, enquanto transferir a recepção para a Banda Ku, acima de 10 GHz, seria R$ 1,8 bilhão. 

Para vender Correios, Minicom transforma Anatel em Agência Nacional de Comunicações

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, à Presidência da República o projeto de lei (PL) que cria as condições para a privatização dos Correios. Texto vai para o Congresso. Expectativa é fazer a privatização em 2022.

Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G