GESTÃO

Grupo Fleury: pandemia mostrou que saúde tem de estar 100% conectada

Por Roberta Prescott ... 26/06/2020 ... Convergência Digital

Quando a necessidade de distanciamento físico veio à tona como forma de prevenção à Covid-19, o Grupo Fleury colocou 98% de seus 1200 funcionários do corporativo para trabalhar de casa — no total, o grupo conta com 10 mil colaboradores, além de 3 mil médicos parceiros. A mudança drástica precisou ser avaliada; e, para isto, a companhia foi uma das que implantou o Qualtrics Remote Work Pulse, que a SAP deixou disponível gratuitamente para clientes e não clientes durante a pandemia para que as empresas pudessem avaliar como o trabalho remoto está sendo absorvido e seus impactos.

“Esta distância que nos foi imposta não poderia significar que estaríamos desconectados e o que nos permitiu passar por este momento foi a conexão”, disse o presidente do Grupo Fleury, Carlos Marinelli, em coletiva online ao lado da presidente da SAP Brasil, Cristina Palmaka, nesta quinta-feira, 25/06. Segundo ele, em um primeiro momento, a ferramenta foi usada para entender como as pessoas estavam se sentindo com o home office.

“Queríamos sentir a organização e que as pessoas se expressassem. Temos recebido feedbacks importantes”, relatou, acrescentando que a ferramenta propiciou ao Fleury sentir “o pulso da organização” mesmo com os colaboradores trabalhando de casa. Mais recentemente, foi feita uma pesquisa questionando a perspectiva de voltar a ocupar espaços de trabalho e apenas 1% dos colaboradores disseram que gostariam de voltar a trabalhar todos os dias do escritório. “Entram fatores como a se segurança que eles têm em casa terão no trabalho e, principalmente, como será a segurança no deslocamento até o trabalho", diz Marinelli.

Acelerando o digital

Devido à pandemia, prática de telemedicina foi regulamentada, o que contribuiu para a aceleração de uma adoção — ainda maior — de tecnologia pelo setor. “Estamos fazendo há três anos em transformação digital e falando há muito tempo sobre incorporação tecnológica e digitalização da saúde”, ressaltou Marinelli. “Agora com a covid-19 é como o buraco de minhoca, do filme Interestelar”, completou.

Em 2015/16, contou Marinelli, foi feita uma análise para entender o momento da companhia e traçar o futuro dela. “Entendemos que saúde será cada vez mais conectada. Uma das definições que tivemos era que iríamos expandir para além da medicina diagnóstica e buscar espaços que e poderíamos ocupar. Hoje já temos day clinic, centro de infusões e outros negócios”, disse.

O grupo também entende a importância de trabalhar o cuidado contínuo e, com a aquisição da SantéCorp, conseguiu desenvolver mecanismos para usar melhor o sistema de saúde. A tecnologia, ressaltou o executivo, é peça fundamental na jornada da companhia, que está sustentada na organização da demanda e na integração da informação para que contornar o sistema fragmentado de atendimento.

De acordo com Marinelli, o Fleury já tem produtos de telemedicina dentro da plataforma Cuidar Digital, que possibilita consultas online entre médicos e pacientes de todo País, além de dar aos clientes a possibilidade de eles fazerem o check-in digital, remotamente, para ao chegar ao laboratório ter uma experiência mais ágil. “Nas nossas ferramentas de telemedicina, o cliente dá dois, três cliques para ter um médico na frente dele”, disse.

“Estamos em um momento diferente para todos; e que tem sido momento de muito aprendizado. A SAP é parceira nossa há muito tempo; é mais que fornecedora, é parceira que ajuda a pensar em como transformar a organização, deixá-la mais ágil e como podemos ir além de limites”, completou Marinelli.


Carreira
Apps proibidos acirram confronto entre patrões e empregados no home office

Pesquisa mostra que mais de  50% da chamada geração Millenium e da geração Z ignoram as políticas de segurança dos empregadores. Levantamento da PWC, porém, também aponta que pouco mais de 20% das empresas, de fato, estabeleceram regras para o trabalho remoto.

Órgãos públicos estão obrigados a fazer relatórios trimestrais de transformação digital

Monitoramento será acompanhado pela Secretaria Especial de Modernização do Estado da Secretaria Geral da Presidência da República. Norma também aprova 23 planos de transformação digital dos órgãos do governo federal que estão em execução.

Teletrabalho: Brasil somou 8,7 milhões de trabalhadores em home office em junho

Estudo do IPEA mostra que o índice da adesão ao home office no serviço público é mais de três vezes a proporção do setor privado. Em junho, 24,7% dos trabalhadores do setor público exerciam atividade remota, mas, no setor privado, eram apenas 8%.

TCU dispensa papel e adota protocolo 100% digital

Documentos a serem protocolados junto ao Tribunal de Contas da união, para qualquer finaldiade, agora devem ser encaminhados, exclusivamente, por meio dos serviços via internet. 

Trabalho remoto reduziu R$ 466 milhões em despesas de custeio do governo

Levantamento divulgado nesta segunda, 3/8, pelo Ministério da Economia, lista deslocamentos e viagens, além dos serviços de energia elétrica e comunicação como principais cortes com a pandemia de Covid-19.




  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G