Clicky

INOVAÇÃO

Santander: os bots estão 'chatos' e a IA tem de ser mais humana

Ana Paula Lobo ... 23/06/2020 ... Convergência Digital

O presidente do Santander, Sérgio Rial, ao participar do debate entre os presidentes das instituições financeiras no CIAB Febraban 2020, nesta terça-feira, 23/06, não poupou críticas aos chatbots atuais. Segundo ele, os bots terão de ser 'menos chatos' e mais interativos com o correntista.

"Os chatbots hoje não são interativos como queremos e podemos fazer. E digo que a Inteligência Artificial não pode ser tão robotizada como está agora. Ela precisa ser mais humana", detalhou o executivo. O capital humano do back office terá um papel predominante no novo modelo bancário definido pelas plataformas digitais.

"Os humanos terão de ser de qualidade para tratar dessa demanda do correntista de ser atendido em segundos. Cada vez mais a simbiose entre tecnologia e negócios vai acontecer. Os líderes que vão surgir no setor bancário terão de conciliar conhecimento técnico e de negócios", reforçou. Rial lembrou que a digitalização dos serviços bancários e a massificação deles- como está acontecendo com as contas digitais oriundas do Auxílio Emergencial, criado pelo governo e capitaneado pela Caixa - provoca um novo modelo de competição. "Serviços farão a diferença, não a infraestrutura utilizada e precisamos pensar muito nisso", completou.


Cloud Computing
Tomada de decisão de compras ainda é feita com análise manual de dados

Pesquisa mostra que medida é usada por 49% dos gestores ouvidos em 21 países, inclusive no Brasil. Quase 80% dos entrevistados admitiram ainda não terem uma visão clara, automática e em tempo real das despesas em geral.

No Brasil, 75% confiam mais em robôs que em humanos em questões financeiras

Estudo  indica que os brasileiros confiam mais na inteligência artificial do que neles mesmos para cuidar de dinheiro. 

Lei de Informática: governo faz ajustes que facilitam incentivos à pesquisa

Decreto recupera contabilização de dispêndios até março do ano seguinte e permite regime distinto, trimestral ou anual, por diferentes unidades do mesmo grupo. 

Câmara aprova marco legal das startups

Entre as inovações, empresas iniciantes poderão ser beneficiadas por regras diferenciadas de agências regulatórias como a Anatel. Texto vai ao Senado.

Ericsson processa Samsung por patentes em briga de até R$ 900 milhões

Impacto faz parte da projeção da fabricante sueca no lucro com royaltes que pode deixar de receber no trimestre.  Essa não é a primeira batalha entre as empresas. Em 2012, a Samsung pagou US$ 650 milhões à Ericsson.

Huawei: setor elétrico tem de priorizar cibersegurança para evitar apagões

Flávio Hott, gerente de produto para Energia da fabricante, disse ainda que smart grids em 4G, e depois no 5G, são investimentos efetivos para melhorar o desempenho operacional das redes.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G