Clicky

INCLUSÃO DIGITAL

No Brasil, 39% dos alunos das escolas públicas não têm PCs, notebook ou tablet para estudar

Ana Paula Lobo ... 09/06/2020 ... Convergência Digital

A décima edição da pesquisa TIC Educação 2019, divulgada nesta terça-feira, 09/06, pelo Cetic.br, acentua o fosso  digital e social entre os alunos de escolas públicas e particulares no Brasil.  O levantamento mostra, por exemplo, que apenas 14 % das escolas públicas urbanas tinham algum tipo de plataforma virtual de ensino em 2019, e esse percentual se mantém estável nos últimos três anos. Já nas particulares, o percentual subiu de 47% em 2018 para 64% em 2019.

A pesquisa constata que, nacionalmente, 58% dos alunos das escolas urbanas usam apenas o celular para realizar suas atividades escolares, sendo que nas regiões Norte e Nordeste, o celular aparece como o único meio de ensino a distância, com 21%. Em contrapartida, esse percentual cai para apenas 3% nas escolas particulares. O relatório mostra que 98% dos alunos das escolas urbanas usam o celular.

O estudo transborda a desigualdade digital e social do Brasil  quando apura que 39% dos alunos das escolas públicas não têm PCs, notebooks ou tablets para estudarem em casa. "Esse é um problema persistente. No passado, já houve políticas públicas para universalizar internet e computadores, mas elas não avançaram como o esperado. É preciso revisitar essas iniciativas para fomentar a educação. É muito difícil criar conteúdo, fazer uma programação usando o celular, que é o principal dispositivo hoje usado. O Brasil precisa fomentar habilidades digitais que vão além do uso do facebook e do whatsApp. Pode ser que um dia, o celular venha a ter interfaces mais favoráveis à criação de conteúdo, mas hoje não é assim", observa o gerente do Cetic.br, Alexandre Barbosa.

A TIC Educação 2019 ressalta o uso das redes sociais e ressalta a preferência dos alunos pelo WhatsApp para realizar as atividades escolares. A OTT de mensagem é usada por 61% dos alunos. O Facebook aparece bem atrás com 11% e o Instagram com 9%. A maior parte dos alunos que sua as redes sociais são os do ensino fundamental, até por conta da idade e da disponibilidade do celular - próprio ou familiar.

Nas escolas rurais, a situação de acesso à Internet  e à tecnologia é ainda mais grave. Pelo relatório, 60% das escolas não têm PC nem Internet. Isso porque o estudo constatou que 40% das escolas rurais possuem um PC ou um acesso à Internet, e por conta disso, 24% delas abrem o acesso da escola à comunidade. Outros 9% disseram acessar à internet por outros dispositivos.

"Em muitas escolas rurais, esse PC e essa conexão Internet é a única existente e, por isso, acaba funcionado com o local de acesso comunitário, ou seja, a escola vira um telecentro", observa a coordenadora da pesquisa, Daniela Costa.  A TIC Educação 2019 apurou dados de agosto a dezembro de 2019, ouvindo 11.361 alunos; 1.868 professores;954 coordenadores pedagógicos;1.012 diretores de escolas urbanas. Nas escolas rurais, a pesquisa ouviu, por telefone 1.403 diretores ou responsáveis por escolas rurais.


Carreira
Home office disparou o custo com contas de luz, de água e de Internet

Pesquisa nacional feita pela VR Benefícios mostra que apenas 3% dos trabalhadores tiveram algum tipo de reembolso dos patrões. Os demais 97% absorveram o aumento das despesas em seu orçamento sem qualquer tipo de repasse pelas empresas.

Desigualdade econômica acentua exclusão digital do campo no Brasil

Estudo mostra que na região, 77 milhões de pessoas não tem acesso à internet. No Brasil, que puxa os índices agregados para cima, diferença é gritante entre grandes e pequenas propriedades. Levantamento mostra que 244 milhões de pessoas na AL não têm acesso à Internet.

Em Telecom, estratégia do governo até 2031 ainda corre atrás de inclusão digital

Decreto 10.531/20, com a Estratégia Federal de Desenvolvimento da próxima década lista banda larga no Norte e Nordeste, backhaul de fibra e redução do gap digital. 

Telebras: Justiça confirma legalidade do acordo com a Viasat por satélite

Juízo da 5ª Vara Federal do Distrito Federal concluiu pela legalidade do acordo firmado com a empresa norte-americana e julgou improcedente todos os argumentos da Via Direta e da Rede Tiradentes, de Manaus. Disputa já dura dois anos e meio.

MPF recomenda que instituto cancele compra de MacBooks de R$ 12 mil e use PCs mais baratos

Instituto Federal de Educação do Rio Grande do Norte (IFRN) quer 20 notebooks da Apple para o setor administrativo, em custo superior a R$ 250 mil. MPF diz que licitação deve incluir outras marcas. 

Covid-19 aumentou o uso da internet nas classes C, D e E

Segundo a pesquisa TIC Covid-19, do Cetic.br, a pandemia aumentou o uso da rede em todas as classes e faixas etárias. O que já era hábito entre os mais ricos, passou a ser mais comum entre os mais pobres para compras e serviços.

Bemol quer Wi-Fi 6 e Wi-Fi 6E para levar banda larga para quem não tem nem 3G

Varejista com atuação na região norte do País tem planos de expandir sua infraestrutura para mais cidades, mas conta com a frequência não licenciada, diz o gerente de TI, Jesaias Arruda.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • O Portal Convergência Digital é um produto da editora APM LOBO COMUNICAÇÃO EDITORIAL LTDA - CNPJ: 07372418/0001-79
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G