Clicky

SEGURANÇA

Quatro em 10 brasileiros compartilham dados para obter benefícios e descontos

Convergência Digital ... 03/06/2020 ... Convergência Digital

Quatro em cada dez consumidores brasileiros estão dispostos a compartilhar dados particulares sigilosos para obter descontos, serviços customizados ou melhores classificações em sistemas de social rating. É o que mostra a pesquisa global ‘Créditos sociais e segurança: adotando o mundo das avaliações’ realizada pela Kaspersky para entender a percepção das pessoas sobre as avaliações sociais e se elas estão preparadas para participar destes sistemas. No Brasil, 43% responderam estar confortáveis com o compartilhamento em troca de benefícios.

A pesquisa perguntou ainda se os entrevistados estariam satisfeitos caso um governo monitorasse suas atividades nas mídias sociais para manter os cidadãos seguros e os brasileiros responderam da seguinte maneira: 37% dos pesquisados disseram concordar com isso, 33% discordaram e 30% não souberam responder.

De acordo com a pesquisa, mais de 60% dos consumidores brasileiros não sabem ou nunca ouviram falar em social rating (ou sistemas de classificação social). Inicialmente usados por instituições financeiras e lojas online para auxiliar na tomada de decisão na aprovação de uma transação ou compra virtual, os sistemas de social rating tiveram uma grande expansão e passaram a ser aplicados em distintas áreas. Estes sistemas trabalham com algoritmos automatizados que se baseiam no comportamento e na influência dos usuários na Internet. Por exemplo, para combater a pandemia da Covid-19, muitos governos ao redor do mundo implementaram este sistema para acompanhar a movimentação urbana de pessoas, sua capacidade de comprar mercadorias ou o acesso delas a serviços sociais. A questão que a Kaspersky queria mais entender era se as pessoas estão realmente prontas para isso.

De acordo com o relatório, 61% dos consumidores brasileiros não sabem (11%) ou nunca ouviram falar (50%) dos sistemas de social rating. Apesar desses sistemas já serem bastante usados e estarem cada vez mais conhecidos, os consumidores não sabem muito bem sobre sua operação e a eficiência com que eles estão sendo implementados. Tanto que, dos brasileiros que o conhecem, 39% tiveram dificuldades para entender como estes sistemas funcionam. Entre as principais dúvidas estão como descobrir sua pontuação, como ela é calculada e como pode ser corrigida em caso de imprevisto.


Fabricante de cabos de fibra ótica no Brasil sofre ataque hacker

A Belden, dona da Poliron no Brasil, e fabricante local de fibra ótica e equipamentos de redes usados nos setores de transporte, petróleo e gás, entre outros, assumiu que teve os servidores invadidos nesta terça-feira, 24/11.

Militares criam sistema integrado de defesa cibernética

Comando de Defesa Cibernética, já existente, será o órgão central e comando operacional das estruturas de cada uma das Forças. 

TSE admite que ataques hackers podem ter causado instabilidade no e-Título

Tribunal criou uma comissão, presidida pelo ministro Alexandre de Moraes, para acompanhar as investigações sobre ação de hackers. Em nota, o TSE diz que que 'as investidas cibernéticas podem ter ocasionado instabilidades no aplicativo e-Título e no sistema de processo judicial eletrônico (PJe)'.

Muitas empresas só planejam segurança quando dói no bolso e na carne

O diretor da Microhard, Glicério Ruas, diz que a conscientização é o maior gargalo dentro das corporações. Segundo ele, muitas acham que basta ter um antivírus, quando o maior risco, hoje, está na vulnerabilidade de aplicativo.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • O Portal Convergência Digital é um produto da editora APM LOBO COMUNICAÇÃO EDITORIAL LTDA - CNPJ: 07372418/0001-79
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G