Convergência Digital - Home

Google Cloud libera acesso a recursos na nuvem por conta do COVID-19

Convergência Digital
Da redação - 04/03/2020

A Google Cloud, por conta da disseminação do COVID-19, que já provocou o cancelamento de vários grandes eventos no mundo e coloca em risco a realização das Olimpíadas 2020, no Japão, anuncia que os recursos avançados de videoconferência do Hangouts Meet estão com o acesso ampliado até o dia 1º de julho, para todos os clientes do G Suite Empresarial,  incluindo G Suite for Education, em todo o mundo.

A iniciativa, explica a Google, é uma resolução em apoio aos seus usuários, à medida em que aumenta mundo afora a quantidade de funcionários, educadores e alunos que estão trabalhando remotamente por conta da disseminação do vírus no mundo.

A proposta é permtir que os usuários da comunidade G Suite se mantenham conectados, e surgiu para ajudar em casos, como por exemplo, no Vietnã e Hong Kong, onde as escolas foram fechadas e, agora, professores e alunos, podem continuar as atividades de aprendizado via videoconferência, de forma global. As ferramentas temporárias que os usuários têm disponíveis estão:
 
Organização de grandes reuniões on-line, com até 250 participantes por chamada;
Transmissão ao vivo para uma audiência de até 100 mil espectadores, usando um mesmo domínio; e
Possibilidades da gravação e armazenamento dessas reuniões no Google Drive

Segundo Javier Soltero, general manager e VP do G Suite, a empresa está comprometida em expandir a infraestrutura interna para suportar uma demanda maior da ferramenta Hangouts Meet. "Vamos garantir o acesso otimizado e confiável ao serviço durante esse período. Já estamos notificando nossos usuários e parceiros sobre a disponibilização dessas soluções", afirma o executivo.

Para acionar os recursos, é necessário que os usuários façam as alterações nas configurações para administradores do G Suite. Após o período de viabilização das ferramentas, os serviços voltaram a normalidade.


Destaques
Destaques

Embratel centraliza dados do ministério da Saúde na nuvem

Os dados do Portal do Ministério da Saúde, do Portal Coronavírus e e-SUS-VE foram 100% migrados para a nuvem da Embratel. Entre os aplicativos migrados está o CoronavírusSUS. Os apps de saúde já atingiram picos de mais de 80 milhões de acessos diários.

Compartilhamento de dados fomenta o big data no governo federal

A TIC Governo Eletrônico 2019 mostra que ainda há muito por usar em análise de dados no governo. O MPF foi o maior utilizador dos dados para análise. O Executivo ficou com apenas 20%. Serviços na nuvem também ficam aquém do desejado.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Transformação digital exige eficiência no gerenciamento

Por Luiz Fernando Souza*

Prevenir é sempre melhor do que remediar. Essa é uma máxima que precisa ser aplicada à transformação digital, e vale quando falamos da gestão dos servidores. E as razões são simples: é menos sofrido, menos dolorido e mais barato manter uma rotina de trabalho focada na manutenção, preservando com inteligência dados e sistemas.

Jornada para a nuvem: evite as armadilhas e faça a coisa certa

Por Fábio Kuhl*

Até bem pouco tempo, a nuvem era inovação, hoje me arrisco a dizer que, em breve, uma commodity.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site