Home - Convergência Digital

Financiamento para IoT no BNDES recebe propostas até o dia 07

Convergência Digital - 31/01/2020

A BNDESPAR, sociedade de participações acionárias do BNDES, recebe até o dia 7 de fevereiro, as propostas para o Edital de Chamada Pública para seleção de um Fundo de Investimento em Participações (FIP) na categoria Capital Semente, de acordo com a ICVM 578/2016. O fundo será focado no investimento em empresas de base tecnológica do setor de Internet das Coisas (IoT).

O edital foi lançado em 17 de dezembro de 2019 em conjunto com a Qualcomm Ventures. A BNDESPAR poderá aportar até R$ 40 milhões, com o limite de até 25% do capital comprometido total do fundo, e a Qualcomm Ventures manifestou interesse de investir o mesmo volume de recursos.

As propostas de fundos serão avaliadas de acordo com critérios definidos no Edital de Chamada Pública, tais como, track record do gestor, equipe, estratégia de prospecção, metodologia de acompanhamento, captação e custos do fundo, dentre outros.

Saiba mais:

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

28/07/2020
A10 e CLM lançam laboratório de capacitação em IoT/5G

17/07/2020
Do Brasil para o mundo: IoT na irrigação de precisão

06/07/2020
UISA, de bionergia, contrata Vivo para ter 4G e IoT na produção de bionergia

01/07/2020
ConectarAgro quer 13 milhões de hectares na área rural com conexão 4G até o fim de 2021

29/06/2020
Senador pede regime de urgência para IoT para acelerar geração de emprego e renda

23/06/2020
Indicator Capital vai gerir fundo de IoT do BNDES e Qualcomm Ventures

16/06/2020
Startup pernambucana capta R$ 3,5 milhões e investe para expandir IoT na saúde

12/06/2020
Bayer dá acesso gratuito a ferramenta de coleta de dados para agricultura digital

10/06/2020
Regulamentação de IoT passa por tratar a coleta e a proteção dos dados

08/06/2020
Centro de Operações Rio usa rede neutra IoT da American Tower

Destaques
Destaques

Venda de smartphones piratas dispara 135% no 1ºtri no Brasil

Tombo no primeiro trimestre foi de 8,7% - e chegou a 22,4% entre os aparelhos mais simples. Alta do dólar e a falta de componentes impactaram a venda dos dispositivos no país.

Tempo é um luxo que o Brasil não tem para fazer o 5G

Pesquisa da Omdia, ex-Ovum, em parceria com a Nokia, mostra que, nos próximos 15 anos, o 5G vai gerar R$ 5,5 trilhões para o País, sendo o governo beneficiado com o adicional de quase R$ 1 bilhão em receita com os serviços 5G.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Uma escolha de Sofia no leilão de 5G

Por Juarez Quadros do Nascimento*

Em um país democrático, como o Brasil, sem análise estratégica, não daria para arriscar em dispor, comercial e tecnologicamente, de “uma cortina de ferro ou uma grande muralha” para restringir fornecedores no mercado de telecomunicações.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site