TELECOM

Oi volta a apresentar caixa negativo em novembro

Luís Osvaldo Grossmann ... 22/01/2020 ... Convergência Digital

A Oi apresentou geração de caixa operacional líquida negativa em R$ 375 milhões em novembro de 2019, conforme aponta novo relatório mensal da consultoria Arnoldo Wald, que acompanha a recuperação judicial da operadora, divulgado na noite de 21/1 na CVM. 

Segundo o documento, na comparação com o mês anterior, outubro, os recebimentos registraram redução de R$ 106 milhões, para R$ 2 bilhões, enquanto as saídas de caixa com pagamentos e investimentos recuaram em R$ 187 milhões, totalizando R$ 2,2 bilhões. Operações financeiras ontribuíram com entrada de caixa de R$ 2 milhões. 

Como resultado, o saldo final do caixa financeiro da Oi em novembro foi negativo em R$ 373 milhões, resultando em montante de R$ 2,23 bilhões, o que significa um caixa 14,3% menor do que aquele registrado ao fim de outubro (R$ 2,61 bilhões). 

“O patamar de recebimentos em novembro/19, de R$ 2,01 bilhões foi inferior ao total somado das saídas de caixa de pagamentos (R$ 1,79 bilhões) e de Investimentos (R$ 596 milhões) no mês, o que contribuiu diretamente para o saldo negativo de R$ 375 milhões na geração operacional líquida.”

Ao justificar o desempenho a Oi, “ressaltou que a redução do Saldo Final do Caixa Financeiro está relacionada, principalmente, com o plano estratégico da Companhia de aceleração dos investimentos em Fibra Ótica (FTTH) e Banda Larga Móvel 4G e 4,5G”. 

Para reforçar o caixa, em dezembro foram emitidos debêntures no valor de R$ 2,5 bilhões. “Este reforço permitirá a manutenção do nível de investimentos pretendido no Plano Estratégico de aceleração em Fibra Ótica (FTTH) e Banda Larga Móvel 4G e 4,5G.”


STF decide que Lei estadual que proíbe fidelização é constitucional

Para a Ministra relatora Rosa Weber, a lei do Rio de Janeiro apenas veda a fidelização, sem interferir no regime de exploração ou na estrutura remuneratória da prestação dos serviços. O objetivo, segundo ela, é apenas a proteção dos usuários.

Faixa de 1,5 GHz também pode ser destinada ao 5G para uso privado

Proposta foi apresentada em reunião do Conselho Diretor da Anatel.  Mas a faixa é usada pela Força Aérea Brasileira para aplicações de telemetria. Agência sugere destinar 30 MHz para satélites, como forma de evitar interferência.

Telefone ainda é o canal preferido para reclamações sobre serviços

Desde o início da pandemia da Covid-19, mais de um terço das solicitações (36%) foi encaminhada por telefone, bem à frente chat (21%) e email (20%).

Anatel publica novo regulamento de arrecadação de tributos

Norma disciplina recolhimento do FUST, Fistel, e da Contribuição para o Fomento da Radiodifusão Pública.

Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G