INTERNET

Brasileiros detestam propaganda que interrompe navegação na internet

Convergência Digital ... 17/01/2020 ... Convergência Digital

Uma pesquisa divulgada pela empresa de publicidade online Outbrain com 1007 pessoas mostra que os internautas brasileiros veem de maneira negativa propagandas que quebram ou interrompem a atividade online – prática considerada negativa por 89% dos entrevistados. 

Mensagens pop-ups (47%), reprodução automática de vídeo com som (40%) e reprodução automática de vídeo sem som (33%) são considerados os formatos mais irritantes por não oferecerem uma opção de engajamento uma vez que são executados sem qualquer permissão. 

A pesquisa sugere ainda que métricas adotadas para verificar o sucesso dos anúncios podem dar sinais equivocados. Por um lado, 59% dos consumidores não conseguem se lembrar das marcas de anúncios considerados "visíveis". No entanto, se um produto tem relevância para o consumidor, quase metade dos pesquisados (48%) tendem a lembrar a marca. 

“Apesar do Interactive Advertising Bureau recomendar que apenas 50% dos pixels devem estar visíveis na tela por dois segundos consecutivos para um vídeo ser considerado visível, testes revelaram que quase três em cada cinco (58%) consumidores não conseguem recordar a marca”, diz o levantamento.


Coronavírus: Justiça do Recife celebra casamento por videochamada na Internet

Cerimônia foi realizada por uma chamada de vídeo por celular do juiz da 1ª Vara de Família e Registro Civil da Capital do Recife, Clicério Bezerra.

Demonizar a Internet não resolve a falta de educação

O Brasil precisa de mais diálogo e educação na Internet e entender que a rede é um meio. "A falta de civilidade digital é um retrato da nossa sociedade", afirma Caio Almeida, da Safernet.

Internet no Brasil está longe de ser um ambiente saudável

"Está faltando senso crítico ao internauta", adverte o ciberevangelista Anchises Morais. Ele adverte que os cibercrimosos avançam sobre o medo do Coronavírus.

No Brasil, ainda há quem pense que a Internet é uma terra sem lei

A afirmação é da advogada especializada em direito digital, Cristina Sleiman. Segundo ela, qualquer ato na Internet tem uma consequência e é passível de punição.

TJSC condena Facebook a indenizar em R$ 5 mil por postagens ofensivas

“Empresa tinha o dever legal de exibir as informações de IP e log de acessos solicitadas”, diz a decisão. 

Revista Abranet 30 . fev-mar-abr 2020
Veja a Revista Abranet nº 30 A matéria de capa enfatiza a relevância do engajamento ao mostrar que uma internet mais segura depende da ação conjunta de todos os atores do ecossistema. Tratamos também do leilão das frequências do 5G. Veja a revista.
Clique aqui para ver outras edições

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet - Abranet

Empresas da Internet pedem mais segurança jurídica

“O Marco Civil da Internet trouxe base sólida para criar parâmetros para se ter lei mínima para a Internet seguir avançando, mas, infelizmente, vemos varias iniciativas tentando modifica-lo", afirmou o presidente da Abranet, Eduardo Parajo.

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G