SEGURANÇA

Fim do suporte ao Windows 7 afeta cerca de 66 milhões de PCs no Brasil

Convergência Digital ... 13/01/2020 ... Convergência Digital

Termina nesta terça, 14/1, o suporte da Microsoft para o sistema operacional Windows 7, que, no entanto, continua popular nos países latino-americanos, seja para uso doméstico ou comercial. Especialmente no Brasil, que aparece com a maior taxa de utilização do sistema.

De acordo com dados da empresa de segurança digital Kaspersky, cerca de 30% dos usuários da AL ainda utilizam o Windows 7, com o Brasil na liderança desse ranking, com 37% dos PCs ainda rodando com esse sistema operacional.  De acordo com dados da Fundação Getulio Vargas Sâo Paulo, em 2019, a base de PCs em uso no País ficou em 180 milhões, ou seja, cerca de 66,6 milhões de PCs usuariam ainda o finado sistema operacional da Microsoft.

Na região, o Brasil é seguido pela Argentina (35%), Colômbia (33%), Peru (29%) e México (28%). Em todo o mundo, a taxa de penetração do Windows 7 no é de 41%. Segundo a Equipe de Investigação e Análise da Kaspersky na América Latina, destaca ainda que não haverá mais correções de segurança para resolver vulnerabilidades que aparecerem depois de 14 de janeiro, e elas sem dúvida serão exploradas pelos cibercriminosos.

"Sabemos que há usuários que optam por não atualizar o sistema operacional, seja por custo, hábito ou porque outros programas não são compatíveis com as versões mais recentes. No entanto, um sistema operacional obsoleto que não possui correções de segurança é um risco muito grande à cibersegurança, adverte o diretor da equipe de investigação da empresa, Dmitry Bestuzhev. 


Consciência é a maior vacina contra os riscos cibernéticos

Em tempos de home office por conta do coronavírus, o gerente de segurança do CAIS/RNP, Edilson Lima, diz que cabe ao usuário redobrar seu cuidado. "Cada um tem de fazer sua parte", afirma.

Cibercrime usa Coronavírus para roubar dados pessoais no WhatsApp

Golpe oferece suposto kit gratuito com máscara e álcool gel - a ser dado pelo Governo Federal - para atrair as pessoas mais nervosas em relação à pandemia.

RNP terá programa para formar profissionais em Segurança Cibernética

O diretor da área na Rede Nacional de Pesquisa, Emilio Nakamura, assegura que a intenção é 'acelerar a formação de novos profissionais não apenas na Academia, mas também na inovação aberta'.

GSI: Educar o cidadão é o pilar da estratégia de segurança cibernética

Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República troca de marca - sai o cadeado e entra uma chave - para mostrar ao brasileiro que ações próativas são essenciais. "Não podemos atuar apenas como bombeiros nos ataques cibernéticos", afirma Ulisses Peixoto.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G