Home - Convergência Digital

Ericsson: para as indústrias, 5G será ativo como água e energia

Ana Paula Lobo e Fábio dos Santos - 31/10/2019

Diferentes aplicações vão ganhar fôlego com a chegada do 5G no Brasil. Uma delas será a telemedicina, que teve um piloto demonstrado no Futurecom 2019 pela Ericsson em parceria com a TIM. "O 5G vai disseminar possibilidades em educação e saúde, de forma muito rápida e acessível", pontuou o diretor de Produtos e Tecnologia da Ericsson, Paulo Bernadocki.

O executivo, no entanto, adiantou que a banda larga com mais capacidade e velocidade será a primeira aplicação do 5G a ser ofertada pelas operadoras.  "Mas ao conectar coisas, o 5G conecta a sociedade e ditará um novo rumo", reforçou o executivo.

Bernadocki admite que, num primeiro momento, o 5G será centrado nas grandes capitais - a expansão para as cidades menores virá com o tempo - mas disse que essa jornada será menor do que as dos outros Gs da telefonia móvel. "O 2G massificou a voz, o 3G permitiu começar a navegar na Internet, o 4G nos trouxe acesso aos vídeos e mais internet. O 5G  traz o mundo", preconizou.

Ainda de acordo com o executivo da Ericsson, as empresas terão o 5G como ativo essencial como o são, hoje, água e energia. Assista à entrevista com Paulo Bernardocki

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

20/10/2020
EUA pressionam Brasil a banir Huawei em troca de financiamento para 5G

19/10/2020
NASA leva 4G e projeta 5G na Lua

15/10/2020
5G: Teles insistem em filtro nas parabólicas e rejeitam migração da TV

14/10/2020
Curso online gratuito da Huawei sobre 5G é agendado para 15 de outubro

14/10/2020
Sem antenas, Belo Horizonte pode ficar sem 5G

09/10/2020
TIM e TIP, liderado pelo Facebook, criam ambientes de testes OpenRAN na Inatel

08/10/2020
TIM: 5G do marketing chega logo, 5G de verdade, só depois do leilão

07/10/2020
Oi segrega frequência do 3G para entrar na disputa do 5G

05/10/2020
Área técnica da Anatel prevê cinco blocos de 80 MHz para leilão 5G

05/10/2020
Nos EUA, FCC vence round contra teles por faixa de 6GHz para Wi-Fi

Destaques
Destaques

Conexão no campo pode render até R$ 50 bilhões em dois anos

Estudo do Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA) revela que, hoje, faltam quase 15 mil antenas e torres para ofertar o serviço necessário para a digitalização do agronegócio. Os números foram revelados no Painel Telebrasil 2020.

Vitor Menezes, Minicom: Vamos brigar por um leilão 5G não arrecadatório

O Ministério das Comunicações sinalizou às operadoras que trabalha para convencer os colegas de Esplanada a concentrar os valores envolvidos no leilão do 5G em compromissos de cobertura, minimizando o preço a ser pago ao Estado, afirmou o secretário de Telecomunicações, Vitor Menezes, ao participar do Painel Telebrasil 2020.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Internet 5G traz disrupção para Telecomunicações até no modelo de negócio

Por Eduardo Grizendi*

Na RNP, estabelecemos um objetivo estratégico ambicioso – o de prover uma ciberinfraestrutura, segura, de alto desempenho e disponibilidade e, ao mesmo tempo, ubíqua, onipresente, em qualquer lugar e a qualquer hora, para nossas comunidades de educação, pesquisa e inovação.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site