Clicky

Home - Convergência Digital

FCA e Sebrae lançam desafio de até R$ 100 mil para carro conectado

Convergência Digital - 25/10/2019

O Programa Nexos lança, em parceria com a Fiat Chrysler Automóveis (FCA), o desafio “Como utilizar o carro como plataforma móvel para criar soluções”. A startup selecionada receberá até R$ 100 mil para alancar o projeto de pesquisa e desenvolvimento, além de mentorias especializadas. As inscrições podem ser realizadas até 17 de novembro pelo site http://sebrae.com.br/nexos. O Programa Nexos é fruto da parceria entre o Sebrae e a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec), com o apoio do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).
 
Com o propósito de identificar oportunidades que vão além do carro, o desafio busca soluções a partir do entendimento do automóvel como uma plataforma móvel. “A indústria automotiva está no curso de uma revolução que permitirá ressignificar o carro como uma plataforma aberta de desenvolvimento, como já acontece com os dispositivos móveis”, explica Breno Kamei, diretor de Portfólio, Pesquisa e Inteligência Competitiva da FCA para América Latina.
 
Guiadas pelas oportunidades da conectividade, as startups interessadas poderão propor projetos para novos usos das tecnologias já existentes no automóvel, como central de multimídia e câmeras, ou que envolvam novos significados aos dados capturados pelos sensores do carro. Outra inspiração é o acesso às oportunidades que as cidades podem oferecem a partir de novos serviços e negócios. “A parceria com startups é uma forma de impulsionar inovações que vão ajudar as pessoas a resolverem suas atividades cotidianas de maneira fluída. O carro conectado é o ponto de partida de novas soluções que vão viabilizar relevantes transformações na jornada do consumidor”, completa Kamei.
 
A FCA é a primeira montadora a lançar desafio no Nexos. “O Programa possibilita a conexão de grandes e médias empresas com startups de todo país, contribuindo para a criação de um ambiente de negócios propício ao desenvolvimento de soluções tecnológicas e pequenas empresas inovadoras”, ressalta o diretor técnico do Sebrae, Bruno Quick.
 
Para se inscrever, as empresas interessadas devem ser um pequeno negócio inovador formalizado (com CNPJ), legalmente estabelecido em território nacional, limitado ao faturamento anual máximo de R$4,8 milhões de reais e alinhado às áreas de interesse desta chamada. Os critérios de seleção são competência tecnológica para atender ao desafio; aderência às áreas de interesse do desafio; potencial de mercado; maturidade da solução.
 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

16/12/2020
Claro se propõe a conectar 15 milhões de hectares de campo em 2021 em parceria com a John Deere

30/11/2020
Vivo toma liderança da TIM no pré-pago

30/11/2020
Vivo concede bônus de 1GB de Internet para clientes pré-pago em dezembro

30/10/2020
Anatel: rede neutra única é um risco à competição

22/10/2020
Dataprev abre pregão de R$ 195 mil para telefonia e internet móvel e smartphones

20/10/2020
Desertos digitais no Brasil só acabam com Reforma Tributária

14/10/2020
Governo de São Paulo vai comprar 750 mil chips com Internet

30/09/2020
Conexão no campo pode render até R$ 50 bilhões em dois anos

16/09/2020
Claro e TIM, por R$ 3 milhões/mês, fornecem internet para 540 mil no Distrito Federal

15/07/2020
Licitação do MEC abre espaço para MVNOs na oferta de banda larga móvel gratuita

Destaques
Destaques

Uso da faixa de 700 MHz deixa 4G disponível 80% do tempo no Brasil

Segundo a mais recente análise da OpenSignal, TIM tem a rede de quarta geração com maior disponibilidade, 88,2%, à frente da Claro (79%) e Vivo (79,5%), Oi (70,2%). 

Um em cada quatro acessos móveis na América Latina será 5G até 2026

Nova edição do Relatório de Mobilidade da Ericsson aponta que até o final de 2020, mais de 1 bilhão de pessoas ao redor do mundo já estará usando 5G. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Edição de genes: como o 'reparo' do DNA pelo CRISPR impulsionará a Agricultura

Por Eduardo Prado*

Técnica permite o 'reparo' do DNA com altíssima precisão, o que permite, por exemplo, consertar 'mutações defeituosas' do DNA. A aparecimento da técnica deu um grande alento para o tratamento de doenças genéticas complexas. Estima-se que 6.000 doenças genéticas são causadas por mutações defeituosas, e apenas 5% delas pode ser tratada atualmente (sic!) ..


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site