INTERNET

Google derrota governo da França na disputa pelo 'direito a ser esquecido'

Convergência Digital* ... 24/09/2019 ... Convergência Digital

O Google venceu sua luta contra regras mais duras em relação ao ‘direito a ser esquecido’, depois que o principal tribunal de Justiça Europeu (TJUE) decidiu que a empresa não precisa remover links para dados pessoais sensíveis em todo o mundo, rejeitando uma demanda francesa. O caso é visto como um teste para determinar se a Europa pode estender suas leis além de suas fronteiras e se os indivíduos podem exigir a remoção de dados pessoais dos resultados de pesquisa na internet sem sufocar a liberdade de expressão e o interesse público legítimo.

“Atualmente, não há nenhuma obrigação, de acordo com a legislação da UE, que um operador de mecanismo de busca que conceda um pedido de remoção de referência feito por um titular de dados ... realize essa remoção de referência em todas as versões de seu mecanismo de pesquisa”, enfatizou a sentença do Tribunal de Justiça europeu (TJUE). “No entanto, a legislação da UE exige que um operador de mecanismo de busca faça essa desreferência nas versões de seu mecanismo de pesquisa correspondentes a todos os Estados Membros da UE”, acrescentou.

O caso surgiu depois que o órgão de controle de privacidade da França, CNIL, multou o Google em 100.000 euros em 2016 porque a empresa se recusou a excluir informações confidenciais dos resultados de pesquisa na internet globalmente, mediante solicitação, no que é chamado de ‘direito a ser esquecido’.

O conselho também solicitou aconselhamento depois que a CNIL decidiu não solicitar ao Google a remoção de links dos resultados de pesquisa na internet com base nos nomes de quatro pessoas. Tais links incluíam uma fotomontagem satírica de uma política feminina, um artigo referente a alguém como oficial de relações públicas da Igreja da Cientologia, a colocação sob investigação de um político masculino e a condenação de alguém por agressão sexual contra menores. “Desde 2014, trabalhamos duro para implementar o direito de ser esquecido na Europa e encontrar um equilíbrio sensato entre os direitos das pessoas de acesso à informação e privacidade. É bom ver que o tribunal concordou com nossos argumentos ...”, disse o Google em comunicado após a decisão.

Fontee: Agência Reuters


Revista Abranet 31 . maio-julho 2020
Veja a Revista Abranet nº 31 A pandemia da Covid-19 fez a rotina mudar num piscar de olhos. E coube à internet mostrar a sua força. O aumento significativo do tráfego de dados por conta do teletrabalho e do isolamento social foi uma realidade assustadora. Veja a revista completa.
Clique aqui para ver outras edições

Justiça ordena Google a reativar sites da prefeitura de Poços de Caldas

Justiça exigiu ainda os e-mails aos quais os sites do Município excluídos no início de julho estavam vinculados, a data e hora da exclusão, bem como endereço IP de quem foi responsável pelo ato.

Justiça libera You Tube de informar e-mail e IP de usuários que publicam filmes piratas

Decisão foi do Tribunal Superior da Europa, com a argumentação de que é preciso existir um equilíbrio entre proteger dados pessoais e direitos autoriais.

NIC.br abre novas opções de domínios .br

Endereços web "app.br", "seg.br", "geo.br" e "des.br" estão entre as 12 opções disponíveis para registro a partir de 20/7.

Com mais de 50 projetos contra Fake News tramitando na Casa, PL 2630/20 chega à Câmara Federal

Presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, do DEM/RJ, se disse disposto a acelerar a tramitação do PL 2630, aprovado no Senado por 44 a 32 votos.

Audiências públicas sobre privatização de estatais poderão ser pela internet

Governo promete "ampla divulgação" para a discussão dos projetos do Programa de Parcerias de Investimento.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G