GOVERNO

MCTIC vai cruzar dados com a Receita em novo formulário da Lei do Bem

Convergência Digital* ... 07/06/2019 ... Convergência Digital

O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações lançou um novo formulário a ser usado pelas empresas beneficiárias da Lei do Bem para investimentos em inovação tecnológica.  O Formulário Eletrônico FORMP&D substitui o sistema anterior e, segundo o MCTIC, traz mais segurança ao cadastro e novas funcionalidades.

Segundo a diretora de Apoio à Inovação da Secretaria de Empreendedorismo do ministério, Adriana Regina Martin, a ferramenta foi criada para melhorar a interface dos usuários com o ministério. “A segurança é o principal mote desse formulário, tanto para as empresas que enviam as informações, quanto para o ministério, que recebe esses dados. A ideia é assegurar que quem está prestando esses registros são os representantes dessas empresas.”

O FORMP&D possui integração com a base de dados da Receita Federal. Por isso, o primeiro acesso da empresa deve ser feito por um representante legal, que após a confirmação dos dados, pode designar outros usuários para o sistema. O formulário também permite mais liberdade para descrever os investimentos em P&D sem a necessidade do envio de anexos.

Para o MCTIC, o formulário facilita a criação de relatórios setoriais sobre os beneficiários da Lei, por região do País, Estado, atividade econômica, entre outros. Pela regulamentação da Lei do Bem, as empresas devem enviar  ao ministério, até 31 de julho, as informações sobre seus investimentos em atividades de P&D do ano de 2018 .

O Formulário Eletrônico FORMP&D está disponível no link: https://forms.mctic.gov.br

Um guia de utilização que pode ser acessado no endereço www.mctic.gov.br/mctic/export/sites/institucional/institucional/arquivos/Guia-do-Usuario-FORMPD.pdf

Há ainda um suporte técnico para receber dúvidas pela internet. O endereço é: https://suportetecnico.mctic.gov.br/

* Com informações do MCTIC


Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

Telebras aumenta capital em R$ 1,59 bilhão e cobra calote da FIFA

Acionistas aprovaram a medida - uma reação à privatização pretendida pelo Governo Bolsonaro - e o capital da estatal passará a ser de R$ 3,1 bilhões. Estatal também foi à Justiça para cobrar R$ 9,2 milhões da FIFA por serviços prestados na Copa do Mundo de 2014.

Com novo marco das teles, governo prepara leis para Fust, antenas e datacenters

MCTIC resgata agendas antigas e aponta para regra nacional que dispense antenas de 5G do licenciamento municipal, enquadrando-as como mini-ERBs. 

Autoridade de Dados vai ser a fiscal do compartilhamento de dados do Governo

As regras para o compartilhamento de dados foram estabelecidas no decreto 10.046, mas tudo terá o crivo da ANPD, diz Ciro Avelino, do Governo Digital.

Comitê de dados vai expedir orientações em 90 dias

“Dados interoperáveis, estruturados e automatizados convergem com a LAI e a LGPD. A ideia é que os órgãos conversem para não fazer do cidadão um agente cartorário”, diz o secretário adjunto de governo digital, Ciro Avelino.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G