Home - Convergência Digital

Apple quer R$ 100 bilhões em disputa com a Qualcomm

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 15/04/2019

Começou nesta segunda, 15/4, o julgamento da ação movida pela Apple, ainda no início de 2017, contra a Qualcomm que envolve alegados US$ 27 bilhões (cerca de R$ 100 bilhões) em indenizações pelo que acusa terem sido práticas ilegais de licenciamento na tecnologia de chips modem para celulares.

Já a Qualcomm alega que a Apple forçou parceiros de negócios deixarem de pagar royalties e sustenta serem devidos cerca de US$ 15 bilhões (quase R$ 60 bi). E nos últimos dois anos teve sucessos em alguns dos confrontos judiciais com a fabricante do iPhone, impedindo até a venda de aparelhos por violação de patente.

A Qualcomm exige que os fabricantes de dispositivos assinem uma licença para suas patentes antes de fornecer chips, que considera uma medida de senso comum para garantir que não faça negócios com empresas que violam suas patentes.

Mas a Apple e outros fabricantes de aparelhos em todo o mundo chamaram a política de "sem licença, sem chips" de "cobrar duas vezes" - isto é, cobrar pela mesma propriedade intelectual uma vez durante as discussões de licenciamento e, novamente, no preço dos chips em que as patentes são incorporadas.

Para a Apple, o julgamento é sobre a liberdade de comprar chips sem ter que pagar o que chama de ‘taxa’ sobre inovações na forma de licenciamento de patentes para a Qualcomm, que pega uma porcentagem do preço de venda de seus dispositivos. Para a Qualcomm, o julgamento determinará o destino de sua combinação única de venda de chips e licenciamento de mais de 130 mil patentes.

* Com informações da Reuters

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

06/09/2019
Justiça restringe uso de câmeras de monitoramento por afronta à privacidade

28/08/2019
STJ: Antena de celular em imóvel alugado é fundo de comércio

27/08/2019
MPF quer que teles devolvam valores por internet abaixo da velocidade contratada

27/08/2019
Agência de proteção de dados independente é o primeiro desafio, aponta STJ

21/08/2019
Brasil é último em ranking de inovações digitais

20/08/2019
STJ pressiona por PJe e vai recusar processos eletrônicos a partir de outubro

09/08/2019
STJ: Teles são responsáveis por obrigações da Telebrás anteriores à privatização

06/08/2019
Teles questionam no STF lei que permite acúmulo de franquia não usada

06/08/2019
Justiça não pode relativizar registro concedido pelo INPI

02/08/2019
INPI promete reduzir prazo para registro de chips de 70 para 7 dias

Destaques
Destaques

Na América Latina, 33% da população ainda não têm acesso ao celular

Estudo global da GSMA mostrou ainda que, em 2018, 31 milhões de empregos, entre diretos e indiretos, foram criados pela economia móvel, que gerou US$ 3,9 trilhões, ou R$ 15,8 trilhões. O 4G se tornou o padrão da telefonia móvel.

Smartphones receberam seis tentativas de ataques por minuto na América Latina

O Brasil é o país que lidera esse tipo de ataque, especialmente por meio do adware.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Carro autônomo: decisões baseadas em dados vão evitar acidentes?

Por Rogério Borili *

O grande debate é que a inteligência dos robôs precisa ser programada e, embora tecnologias como o machine learning permitam o aprendizado, é preciso que um fato ocorra para que a máquina armazene aquela informação daquela maneira, ou seja, primeiro se paga o preço e depois gerencia os danos.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site