SEGURANÇA

Vazamento de dados no CNJ tem nomes, endereços, contas, CPFs e senhas de 53 mil pessoas

Luís Osvaldo Grossmann ... 01/04/2019 ... Convergência Digital

O Conselho Nacional de Justiça sofreu um vazamento de dados na madrugada desta segunda-feira, 1º/4, decorrência de um ataque hacker. Foram divulgados nomes completos, números de contas bancárias, telefones, CPFs e senhas de pessoas que já utilizaram os serviços do CNJ.

“Nesta segunda-feira (1/4), o portal do Conselho Nacional de Justiça na Internet foi objeto de ataque de hackers”, informou o CNJ por meio de uma nota oficial sobre o incidente. O órgão sustenta que nenhum sistema processual eletrônico foi afetado.

“Nenhum sistema de informações processuais, como PJe (Processo Judicial Eletrônico), o BNMP (Banco Nacional de Monitoramento de Prisões) e o SEEU (Sistema Eletrônico de Execução Unificado), foi afetado. O CNJ acionou as autoridades e tomou as medidas necessárias para apurar os fatos e manter a segurança do portal”, completa o CNJ.

No entanto, segundo informações divulgadas pelo Rogue Media Labs, há identificação de informações pessoais de 2.936 pessoas, incluindo logins, de 94 bases de dados. Isso apenas nos arquivos que foram divulgados na internet. O arquivo total conteria nomes, e-mails, endereços físicos, números de telefone, CPFs e senhas de 53.270 pessoas no total.

O ataque foi assumido por uma pessoa identificada como ‘Al1ne3737’, associada a um conhecido grupo internacional de hackers chamado ‘Pryzraky’. No ataque, além de ‘F*cking Brazil’, uma mensagem em Bahasa Indonésia, a língua oficial da Indonésia, dizendo:

“Uma criança nascida hoje crescerá sem uma concepção de privacidade. Eles nunca saberão o que significa ter um certo momento para si pensamentos que não são registrados e não analisados. E isso é um problema porque a privacidade é importante; a privacidade é o que é possível devemos determinar quem somos e quem queremos ser.”




NEC - Conteúdo Patrocinado - Convergência Digital
Multibiometria: saiba como ela pode cuidar da sua segurança digital

Plataforma Super Resolution, que integra espaços físicos e digitais, será apresentada pela primeira vez no Brasil no Futurecom 2018. Um dos usuários da solução é o OCBC Bank, de Cingapura. A plataforma permite o reconhecimento instantâneo das pessoas à medida que se aproximem da agência.

Clonagem do WhatsApp já atingiu 8,5 milhões de brasileiros

Segundo pesquisa realizada pela PSafe, essa modalidade de golpe faz 23 novas vítimas todos os dias no Brasil. Quase 30% dos entrevistados colocaram o vazamento das conversas como o principal prejuízo da clonagem.

Custo médio de uma violação de dados é de R$ 5,4 milhões no Brasil

Empresas brasileiras levam em, média, 250 dias para identificar a violação dos dados. De acordo com o diretor de Cibersecurity da IBM, João Rocha, as organizações enfrentaram a perda ou o roubo de mais de 11,7 bilhões de registros nos últimos três anos. Ataques maliciosos custam mais do que as violações por falhas humanas.

Em maio, Brasil teve mais de 140 milhões de ameaças disseminadas por e-mail

País fica no top 3 do ranking mundial, perdendo apenas para os Estados Unidos e a China, revela estudo feito pela Trend Micro.

Duas em cada três empresas querem Inteligência Artificial para evitar ataques hackers

Quase 70% das corporações admitem que não serão capazes de responder aos ataques cibernéticos sem o uso da IA. O levantamento global da Capgemini revela ainda que uma em cada cinco empresas admitem o impacto dos hackers e um prejuízo significativo nos negócios.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G