Home - Convergência Digital

Easy Taxi e Cabify unem operações para brigar com Uber e 99

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 24/01/2019

Os apps de transporte Cabify e Easy juntaram suas gestões de operação. As companhias são controladas pelo Grupo Maxi Mobility e já contavam com uma série de funcionalidades integradas entre ambas plataformas, mas, a partir de agora, também será possível solicitar um táxi da Easy dentro do app da Cabify.

Em e-mail para a sua base de usuários, a Cabify confirma que "juntos, somos o maior app de mobilidade da Ibero-América e, com isso, vamos oferecer mais disponibilidade de carros e serviços em um só app". As gestões da América Latina e Península Ibérica vão passar por estas unificações, sendo que as equipes passam a responder para o CEO do Cabify, Vicente Pascual. No total, serão 12 países com esta mudança, entre eles Brasil, Espanha e Portugal.

"Estamos felizes em compartilhar esta nova fase de crescimento do grupo. Acreditamos que podemos substituir os carros particulares nos mercados em que operamos. Ao integrar nossos líderes, estaremos em uma posição ainda mais forte para atingir nossa missão de criar uma verdadeira plataforma de mobilidade como serviço", afirma Juan de Antonio, CEO da Maxi Mobility e fundador da Cabify, por meio de um comunicado à imprensa.

A aproximação entre as duas companhias teve início em junho de 2017, quando ambas passaram a considerar uma fusão. O objetivo, na época, era juntar forças para bater a Uber, que detinha 65% do mercado de transportes por aplicativos no Brasil. Em novembro do ano passado, elas mostram novamente uma aproximação permitindo que usuários pudessem pedir táxis da Easy diretamente pelo app do Cabify. Na época, Pascual informou que a proposta era implantar uma plataforma chamada Mobility as a Service, MaaS.

Criada em Madrid em 2011, a Cabify chegou ao Brasil em junho de 2016 e atualmente funciona em nove cidades nacionais: Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Campinas (SP), Curitiba (PR), Porto Alegre (RS), Canoas (RS), Rio de Janeiro (RJ), Santos (SP) e São Paulo (SP). Já a Easy é uma empresa brasileira, fundada em 2011, com aplicativo rodando em 400 cidades no Brasil e em nove países pelo mundo.

 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

07/02/2019
Anatel terá app para comparação de preços, mas ele só fica pronto em 2020

30/01/2019
Bradesco viabiliza aluguel de carro pelo aplicativo

24/01/2019
Easy Taxi e Cabify unem operações para brigar com Uber e 99

23/01/2019
Telegram ignora Fake News e aumenta número máximo de pessoas em grupo

22/01/2019
Depois dos táxis, Uber enfrenta,agora, a ira das empresas de ônibus

18/01/2019
Brasileiro usa cerca de 30 aplicativos nos smartphones

16/01/2019
Nova licitação do TaxiGov abre portas para apps e locadoras de veículos

20/12/2018
Aplicativo e drone auxiliam no combate ao desmatamento no Amapá

13/12/2018
Justiça manda Uber entregar dados de passageiro a motorista

10/12/2018
STF: Relatores dizem que é inconstitucional barrar apps de transporte

Destaques
Destaques

IDC: Empresas brasileiras fazem mais do que falam sobre Internet das Coisas

A indefinição regulatória pesa, assim como a tributária, mas muitas corporações estão colocando os seus projetos na rua, diz Pietro Delai, gerente de consultoria e pesquisa da consultoria. No Brasil, negócios de IoT devem movimentar US$ 9 bilhões em 2019, ou R$ 30 bilhões.

Projeto de inovação usa 4G em 450 Mhz para Internet das Coisas

Seis startups foram selecionadas para iniciativa Agro IoT Lab 2018, voltada para a transformação digital do agronegócio, da Vivo, Raízen e Ericsson.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Desvende 10 mitos sobre os cartões biométricos

Por Cassio Batoni*

Como toda nova tecnologia, os questionamentos sobre a sua segurança e e a sua confiabilidade ainda existem e são compreensíveis, mas ela veio para ficar. A impressão digital surge como a confirmação principal de que o usuário é quem diz ser.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site